A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
APOL Epistemologia das Ciências Sociais

Pré-visualização | Página 1 de 1

Epistemologia das Ciências Sociais - Eletiva
Atenção. Este gabarito é para uso exclusivo do aluno e não deve ser publicado ou compartilhado em redes sociais ou grupo de mensagens.
O seu compartilhamento infringe as políticas do Centro Universitário UNINTER e poderá implicar sanções disciplinares, com possibilidade de desligamento do quadro de alunos do Centro Universitário, bem como responder ações judiciais no âmbito cível e criminal.
Questão 1/5 - Epistemologia das Ciências Sociais - Eletiva
 Atente para o excerto de texto a seguir:  
“Sentimos o quente e frio, o doce e amargo, o liso e o rugoso, o vermelho e o verde, etc. A sensação é o que nos dá as qualidades exteriores e interiores, isto é, as qualidades dos objetos e os efeitos internos dessas qualidades sobre nós”.  
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: CHAUÍ, M. Convite à Filosofia. São Paulo: Ática, 2000, p. 151.  
Considerando o livro-base Epistemologia das Ciências Sociais, qual das alternativas a seguir corresponde à corrente filosófica que se opõe ao empirismo? Assinale a opção correta:     
Nota: 20.0
	
	A
	Inatismo.
	
	B
	Racionalismo. 
Você acertou!
“O empirismo se opõe à tese do racionalismo, que acredita que na razão como verdadeira fonte do conhecimento”. (Livro-base Epistemologia das Ciências Sociais, p. 85)
	
	C
	Idealismo. 
	
	D
	Materialismo. 
	
	E
	Estruturalismo.
Questão 2/5 - Epistemologia das Ciências Sociais - Eletiva
Atente para o excerto de texto a seguir:  
“É com a ordem e o progresso que Comte enfrentará a sociedade individualista e liberal. Com a concepção de que há um desenvolvimento histórico da sociedade, um progresso na evolução humana, um progresso, entretanto, que em momento algum prescinde da ordem ou carrega em si a possibilidade de alterar os elementos estáticos da sociedade”.  
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em SIMON, M. O positivismo de Comte. In REZENDE, Antonio (org.), Curso de filosofia. ?Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1986, p. 81.  
Com base no excerto de texto anterior e no conteúdo do livro-base Epistemologia das Ciências Sociais, analise as alternativas a seguir. Na sequência, assinale aquela que descreve de forma correta a difusão do positivismo no Brasil:    
Nota: 20.0
	
	A
	As ideias positivistas chegaram ao Brasil, mas não encontraram solo fértil para se desenvolverem.  
	
	B
	Foram importantes apenas quando foi necessário pensar sobre uma frase para a bandeira brasileira. 
	
	C
	A irrelevância das ideias positivistas no Brasil deveu-se ao distanciamento geográfico entre o nosso país e a França, berço do positivismo.
	
	D
	As ideias positivistas tiveram pouca influência no Brasil;
	
	E
	O positivismo influenciou movimentos que marcaram profundamente a história brasileira, como a Proclamação da República.  
Você acertou!
“No Brasil, o positivismo encontrou um solo fértil para seu desenvolvimento. [...] Os positivistas influenciaram o movimento pela Proclamação da República, em 1889, e a Constituição nacional de 1891. Não se pode também deixar de destacar que a bandeira brasileira ostenta o lema clássico do positivismo: ‘Ordem e Progresso’ ”. (Livro-base Epistemologia das Ciências Sociais, p. 109)
Questão 3/5 - Epistemologia das Ciências Sociais - Eletiva
Atente para o seguinte fragmento de texto:  
“A ciência é uma das poucas atividades humanas – talvez a única – em que os erros são criticados sistematicamente (e com frequência corrigidos). Por isso podemos dizer que, no campo da ciência, aprendemos muitas vezes com os nossos erros; por isso podemos falar com clareza e sensatez sobre o progresso científico. ”
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: POPPER, K. Conjecturas e refutações. Brasília: Editora da UNB. 1982. p. 242.  
Tomando como referência o fragmento de texto anterior e o conteúdo do livro-base Epistemologia das Ciências Sociais, de qual corrente filosófica podemos considerar o filósofo Karl Popper como sendo integrante?  Analise as opções a seguir e assinale aquela que contém a resposta correta:
Nota: 0.0
	
	A
	Tendência analítica da nova epistemologia. 
“Popper é considerado o principal responsável pelo movimento de renovação da filosofia da ciência e um dos nomes mais influentes da tendência analítica”. (Livro-base Epistemologia das Ciências Sociais, p. 38)  
	
	B
	Filosofia empirista inglesa. 
	
	C
	Tendência história da nova epistemologia. 
	
	D
	Filosofia platônica. 
	
	E
	Tendência positivista.  
Questão 4/5 - Epistemologia das Ciências Sociais - Eletiva
Leia a seguinte citação:  
“A matéria, diz Platão, é, por essência e por natureza, algo imperfeito, que não consegue manter a identidade das coisas, mudando sem cessar, passando de um estado a outro, contrário ou oposto. O mundo material ou de nossa experiência sensível é mutável e contraditório e, por isso, dele só nos chegam as aparências das coisas e sobre ele só podemos ter opiniões contrárias e contraditórias”.  
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: CHAUÍ, M. Convite à Filosofia. São Paulo: Ática, 2000, p. 169.  
A partir da citação anterior e do livro-base Epistemologia das Ciências Sociais, analise as alternativas a seguir. Na sequência, assinale aquela que apresenta a ideia de mito, sob a ótica do filósofo Platão:   
Nota: 20.0
	
	A
	O mito é conhecimento inválido por ser um conhecimento sensível.   
	
	B
	O mito é o conhecimento da realidade, sendo a base para a filosofia deste autor.  
Você acertou!
“Para Platão, o mito era conhecimento da realidade. Sua filosofia se constitui à base de mitos e seu método era ocultar as grandes doutrinas dentro deles”. (Livro-base Epistemologia das Ciências Sociais, p. 16)   
	
	C
	O mito, por estar relacionado a eventos fantásticos, não era considerado como válido para Platão, uma vez que não apresenta relação com a realidade.  
	
	D
	A irracionalidade do mito o torna nulo sob a perspectiva de Platão.
	
	E
	Platão tinha por premissa a racionalidade em suas formulações filosóficas e, nesse sentido, a característica irreal dos mitos não era importante para ele.  
Questão 5/5 - Epistemologia das Ciências Sociais - Eletiva
Considere a seguinte citação sobre Georg Hegel (1770-1831):  
“Para o pensador alemão, ‘tudo o que é real é racional, e tudo o que é racional é real’. A realidade histórica desenvolve-se enquanto manifestação da razão, num processo incessante de auto superação desencadeado pelo conflito e pela contradição que lhe são inerentes”. 
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: QUINTANEIRO, T. Um toque de clássicos: Marx, Weber e Durkheim. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2003, p. 19.   
Com base na citação anterior e, considerando o livro-base Epistemologia das Ciências Sociais, qual das alternativas a seguir apresenta o conceito ao qual podemos relacionar Hegel? Assinale a opção correta:   
Nota: 20.0
	
	A
	Materialismo. 
	
	B
	Positivismo.  
	
	C
	Dialética. 
Você acertou!
“Por ter criado o terceiro tempo da dialética (a síntese), Hegel é considerado o criador da dialética moderna, que mantém a contradição como con?guradora da substância da realidade”. (Livro-base Epistemologia das Ciências Sociais, p. 121)
	
	D
	Práxis.  
	
	E
	Moral.

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.