Indenização por tempo de serviço e o sistema do FGTS
8 pág.

Indenização por tempo de serviço e o sistema do FGTS


DisciplinaDireito do Trabalho II5.436 materiais16.666 seguidores
Pré-visualização1 página
Indenização por Tempo de Serviço
Cabimento
Tem direito ao FGTS os empregados urbanos, rurais, trabalhadores avulsos e os domésticos.
Regime do FGTS
Atualmente, o FGTS é a única proteção legal e genérica dada ao trabalhador pelo tempo de serviço, em substituição ao antigo regime, o qual o trabalhador após 10 anos adquiria estabilidade.
O trabalhador recebe do seu empregador 8% de sua remuneração. Estas importâncias poderão ser resgatadas no término do contrato (aposentadoria, morte etc).
Contas vinculadas do FGTS.
A lei n. 8.036/90 no art. 19 manteve a faculdade da empresa.
Administração do fundo
A partir de 91, a Caixa Econômica Federal, assumiu a administração de todos os fundos do FGTS.
Natureza Jurídica do FGTS
Base de Cálculo
O FGTS corresponde a 8% da remuneração do empregado, toda parcela salarial, mesmo que paga de forma eventual. Exp: décimo terceiro
Indenização Adicional de 40%
Conversão de Regime Jurídico
Com a publicação da Lei n 8.112/90 o regime celetista dos contratos de trabalho vigente foi convertido em regime estatuário, atingindo apenas os empregados da administração pública direta, autárquica ou fundacional na esfera federal.
 
Saques
De acordo com o art. 20 da Lei 8.036/90:
Prescrição do FGTS
Julgando recurso, o STF decidiu que o prazo prescricional para o cobrança do FGTS é de 5 anos.
Expurgos Inflacionários
Título II \u2013 Indenização por Tempo de Serviço
Conceito
É o pagamento efetuado ao empregado por tempo de serviço, nos casos de despedida sem justa causa, rompimento de contrato, casos de força maior ou culpa recíproca, extinção do estabelecimento ou falência da empresa, etc.