A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
19 pág.
PIM VI RH UNIP

Pré-visualização | Página 1 de 3

UNIVERSIDADE PAULISTA
DAIANE SIMOES FERNANDES
RA 1896612
COCA-COLA
PIM VI
 
UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP
2019�
UNIVERSIDADE PAULISTA
DAIANE SIMOES FERNANDES
RA 1896612
TÍTULO DO TRABALHO:
PIM XX
Projeto Integrado Multidisciplinar VI para obtenção do título de Tecnólogo em Gestão de Recursos Humanos apresentado à Universidade Paulista – UNIP.
 Orientador: Diego Tabaldi
 
UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP
2019�
RESUMO
Nesse trabalho o objetivo é falar da empresa Coca-Cola uma das empresas mais conhecidas pelo mundo por suas bebidas refrescantes, tendo como a principal bebida o refrigerante. O trabalho visa buscar como a empresa se posiciona em questão de matérias do curso de Recursos Humanos. A metodologia usada no trabalho foi de pesquisa bibliográfica, com as matérias de modelos de liderança, plano de negócios e ética e legislação: Trabalhista e empresarial. Foi utilizado pesquisa via internet e livros também utilizados matérias disponíveis pela UNIP como videoaula, questionários e livros textos para chegar as conclusões reais sobre a empresa. 
Palavras-chave: Modelos de liderança, plano de negócios e ética e legislação: Trabalhista e empresarial.
�
SUMÁRIO
51. INTRODUÇÃO	�
72. MODELOS DE LIDERANÇA	�
92.1. Paradigma e conflitos da empresa Coca-Cola	�
102.2 Criatividade de liderança	�
123. PLANO DE NEGÓCIOS	�
123.1 Plano de negócio desenvolvido pela empresa	�
133.2 Marketing da Coca-Cola	�
143.3 Plano financeiro da companhia	�
154. ÉTICA E LEGISLAÇÃO: TRABALHISTA E EMPRESARIAL	�
154.1 Coca-Cola e sua prática organizacional	�
164.2 Responsabilidade social	�
164.3 Direito na organização	�
185. CONSIDERAÇÕES FINAIS	�
196. REFERÊNCIAS	�
�
�
INTRODUÇÃO
Neste trabalho de Projeto Integrado Multidisciplinar irá mostrar como a empresa atua no seu setor de Recursos Humanos, focando nas matérias estudadas pela Universidade Paulista durante esse bimestre, tais como: Modelo de liderança, plano de negócios e ética e legislação empresarial e trabalhista. 
A empresa estudada nesse trabalho se refere à Coca-Cola fundada no dia 08 de maio de 1886 pelo farmacêutico John S. Permberton em Atlanta, nos EUA. No início a bebida tinha como objetivo ser um xarope para solucionar problemas de digestão e dar energia. Porem com a alta demanda de copos vendidos por dia Permberton percebeu que sua invenção poderia ser um êxito, foi então seu contabilista Frank Robinson quem idealizou e criou a marca Coca-Cola em 1891 teve participação também pelo farmacêutico Asa G. Candler, o seu irmão John S. Candler e Frank Robinson. Dois anos depois registaram a marca no Instituto Nacional da Propriedade Industrial dos EUA conhecida atualmente. 
A marca Coca-Cola conta hoje com mais de 24 milhões de pontos de vendas distribuídas em 200 países, vende 1900 milhões de unidades ao longo do dia e gera emprego a mais de 71.000 pessoas. Não é novidade que seu principal e mais destacado produto é o refrigerante de Coca-Cola, porem a companhia comercializa mais de 500 marcas e 3500 produtos, dentre as bebidas com ou sem gás, sumos e cafés. Das cinco bebidas mais famosas do mundo quatro é da empresa destacando-se elas as Coca-Cola, Coca-Cola Light, Fanta e Sprite, atualmente suas marcas estão avaliadas em mais de mil milhões de dólares. 
Na década de 70 deu-se início a uma das maiores rivalidades da história: Coca-Cola e Pepsi. A empresa da Pepsi começou divulgar propagandas em que a Coca-Cola era criticada deixando visível a rivalidade entre as duas. Pepsi usou como uma forma de ataque contra alegando que a bebida energética (POWERADE) feita pela Coca-Cola, era incompleta aos atletas. Logo após a Pepsi lançou a combinação entre o refrigerante e o limão conhecida até hoje como a Pepsi Twist, foi aí a era onde bateu recordes de venda deixando Coca-Cola para trás, entretanto, Coca-Cola se reergueu fazendo propagandas para o Natal com papai noel, ursos polares e um caminhão da empresa. Em uma disputa acirrada hoje a Coca-Cola abastece o MC Donald’s enquanto a Pepsi fornece bebida ao Burger King, duas das empresas mais conhecidas de fast food.
Nos capítulos à seguir iremos notar como a empresa trabalha no seu modelo de liderança, identificaremos também oportunidades através do plano de negócio e ainda será definido o que é a ética, direito e moral da Coca-Cola. 
�
MODELOS DE LIDERANÇA
No início Aristóteles acreditava que as pessoas deveriam procurar uma justa medida para viver bem e que qualquer falta de equilíbrio poderia prejudicar o relacionamento entre as mesmas. Já pensando de uma outra forma, também sabia que para motivar pessoas nem sempre pode ser simplesmente justo. Através disso, por muitos séculos acreditava-se que a liderança fosse algo muito complicado para ser ensinado vendo que uma pessoa qualquer não consegue notar seus humores em uma determinada liderança. Portanto, a liderança seria decorrente de um traço de personalidade da pessoa, suas características determinariam quem nasceu para ser líder e quem nasceu para ser liderado.
No entanto, hoje em dia é claro que uma postura de líder pode ser aprendida, a liderança para ser aprendida depende do processo de aprendizado pessoal e social do indivíduo, ele pode aprender observando seus colaboradores e fazer uso de conhecimentos que já lhe foram ensinados para então liderar sua equipe. 
Ainda assim existem muitas dúvidas e desconfianças quanto as pessoas realmente conseguirem de fato saber liderar, uma boa parte dos autores propõe modelos de liderança que os fazem se sentir bem, já são poucos os que se preocupam em perceber que a liderança parte do corpo humano tem que ser ajustada para que haja colaboração e que nas empresas funcione bem.
Bass (1990) citado por Rego (1998) diz que “existem quase tantas definições de liderança quanto as pessoas a tentar defini-la.” Será explicado a seguir três tipos de lideranças, a liderança formal, a liderança informal e a liderança de fato, a liderança informal nem sempre é visto como importante e nem sempre uma pessoa tem os requisitos formais para se tornar um chefe, a falta de um diploma ou a origem social é uma forma de impedir que a pessoa tenha um cargo de prestígio. Podemos perceber aqui requisitos que criam oportunidade para um líder se manifestar, a necessidade de estimular acordo entre as pessoas, gerenciar suas expectativas e ansiedades, utilizar uma linguagem comum entre os indivíduos do grupo e propor soluções para os problemas existentes que afetam todos. As vezes o líder não é um chefe formal. 
Já na liderança formal está relacionada a uma posição na estrutura de poder hierárquico e é determinada pela lei ou hierarquia da empresa, é aquele que é definido pela hierarquia no papel. Espera-se encontrar uma certa forma de se comportar, de se vestir, uma figura que esteja de acordo com seu cargo. Já na liderança de fato é quando acontece de forma natural, independente que tenha um cargo de destaque na empresa o empregado acaba se tornando um modelo de comportamento e alcança uma posição destacada no mercado. Esse líder então acaba tendo uma influência decisiva no grupo, pois suas ideias são ouvidas, a sua forma de atuar serve como inspiração para o comportamento dos demais colaboradores. Porem as empresas ainda exibem herdeiros ou parentes nos cargos formais, quando na pratica são seus subordinados que realmente fazer a empresa alcançar o sucesso desejado. Entretanto, liderar é uma ação que influencia as pessoas pela capacidade de comunicação que acaba por determinar a forma que um processo será realizado, liderança é um processo interativo, que surge dos resultados concretos das tarefas realizadas. 
Existem três tipos de teorias de lideranças: A teoria do traço de personalidade, a teoria de estilo de liderança, e a teoria situacional de liderança. A teoria do traço de personalidade é a mais antiga das teorias, ela determina que o líder já nasce com determinadas características