A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
62 pág.
Famílias botânicas

Pré-visualização | Página 1 de 2

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO
CAMPUS UNIVERSITÁRIO DE TANGARÁ DA SERRA
CURSO DE AGRONOMIA
Famílias Botânicas
Sistemática Vegetal
Docente: Angélica Massaroli
Discentes: André Luiz; Estéfani Vieira; Joao Rosalen
Introdução
Fabídeas
Fagales Myrtales
Grupo
Ordem
Introdução
Fagales
Fagaceae
Betulaceae
Casuarinaceae
Myricaceae
Junglandaceae
Myrtales
Lythraceae
Onagraceae
Combretaceae
Myrtaceae
Melastomaceae
FAGALES
Fagáceae
(Familia do carvalho)
Características Gerais:
Árvores ou arbustos, com presença de taninos;
Pelos: simples ou estrelados;
Folhas: geralmente alternas e espiraladas;
simples; (estipulas presentes)
Inflorescência: determinada, com frequência
ereta ou com formatos de espigas;
Fagáceae
(Familia do carvalho)
Características Gerais:
Flores: estaminadas e carpeladas;
unissexuais (plantas geralmente monoicas);
6 tépalas;
4 à numerosos estames;
filetes livres;
ovário ínfero;
estigmas separados;
dois óvulos por lóculo.
Fagáceae
(Familia do carvalho)
Características Gerais:
Fruto: noz; associado com uma cúpula
espinhosa.
Fagáceae
(Familia do carvalho)
Distribuição ecologica:
amplamente distribuída em regiões tropicais do
hemisfério norte.
Fagáceae
(Familia do carvalho)
Gêneros
9
Espécies
900
Fagáceae
(Familia do carvalho)
Importância 
econômica
Nozes 
comestíveis
Rolhas de 
cortiça
Cultivo 
ornamental
Betulaceae
(Família da bétula)
Características gerais:
Árvores ou arbustos; presença de taninos; casca lisa ou escamosa;
Pelos: simples glandulosos ou peltados;
Betulaceae
(Família da bétula)
Características gerais:
Folhas: Alternas, espiraladas ou dísticas, simples, duplamente serredas, com
venação peninérvea, nervuras; estípulas presentes.
Betulaceae
(Família da bétula)
Características gerais:
Flores: estaminadas e carpeladas em inflorecências separadas, flores
unissexuais;
(plantas monóicas); radiais.
Betulaceae
(Família da bétula)
Características gerais:
de 1 a 6 tépalas livres;
geralmente 4 estames;
filetes curtos e livres;
ovário ínfero; com placentação axial.
Betulaceae
(Família da bétula)
Características gerais:
2 estigmas;
geralmente 2 óvulo por lóculo, todos abortivos, exceto um.
Betulaceae
(Família da bétula)
Características gerais:
Fruto: aquênio, noz ou sâmara.
Betulaceae
(Família da bétula)
Gêneros
6
Espécies
157
Betulaceae
(Família da bétula)
Distribuição ecológica:
amplamente dispersa em regiões temperadas do hemisfério norte, mas Alnus
(gênero) se estende até a américa do sul;
Também ocorrem em áreas úmidas com elementos dominantes de florestas.
➢ Alnus pode fazer fixação de nitrogênio biologicamente pela simbiose.
Betulaceae
(Família da bétula)
Importância 
econômica
Nozes 
comestíveis
Fonte de 
madeira e 
celulose
Cultivo 
ornamental
Recuperação 
de áreas 
degradadas
Casuarinaceae
(Familia das casuarinas)
Características gerais:
Arvores ou arbustos com ramos finos, verdes e articulados;
Raizes com nódulos com bactérias fixadoras de nitrogênio;
(Presença de taninos)
Pelos: simples ou ramificados.
Casuarinaceae
(Familia das casuarinas)
Características gerais:
Folhas: Verticiladas, formando bainha; serrada nos nós; (estípulas ausentes);
inflorescência indeterminada;
Casuarinaceae
(Familia das casuarinas)
Características gerais:
Flores: unissexuais; tépalas ausentes.
1 estame, 2 carpelos.
ovário presumivelmente ínfero.
2 estigmas, 2 óvulos por lóculo, endosperma ausente.
Casuarinaceae
(Familia das casuarinas)
Características gerais:
Fruto: sâmara associado com bractéolas lenhosas.
Casuarinaceae
(Familia das casuarinas)
Gêneros
4
Espécies
96
Casuarinaceae
(Familia das casuarinas)
Distribuição ecológica: amplamente distribuída no sudeste da Ásia, na
Austrália e nas ílhas do sudeste do pacífico
Porém, naturalizada em ambientes costeiros de regiões tropicais e subtropicais
da África e das américas.
Casuarinaceae
(Familia das casuarinas)
Importância econômica: fonte de madeira e cultivo ornamental.
Myricaceae
(Família do samouco)
Características gerais:
Árvores ou arbustos aromáticos; presença de taninos.
fixam nitrogênio biologicamente pela simbiose;
Folhas: Alternas ou espiraladas e simples.
estipulas ausente ou presente.
Inflorescência indeterminada;
Myricaceae
(Família do samouco)
Características gerais:
Flores: estaminadas e carpeladas; unissexuais;
2 carpelos;
ovário supero;
2 estigmas alongados;
um óvulo por ginece;.
Myricaceae
(Família do samouco)
Características gerais:
Fruto: drupa, coberto por papílas carnosas ou
cerosas. (endosperma ausente ou muito excasso)
Myricaceae
(Família do samouco)
Gêneros
3
Espécies
40
Myricaceae
(Família do samouco)
Distribuição ecológia: Regiões tropicais,
temperadas; áreas brejosas.
Myricaceae
(Família do samouco)
Importância econômica:
São extraídas ceras aromáticas do fruto de várias
espécies;
Algumas espécies apresenta frutos comestíveis;
Espécies cultivadas como ornamentais;
Juglandaceae
(Família da Nogueira)
Características gerais:
Árvores aromáticas; presença de taninos;
Pelos: diversos, frequentemente estrelados e escamados;
Juglandaceae
(Família da Nogueira)
Características gerais:
Folhas: alternas ou espiraladas, ocasionalmente opostas, pinado-composta
ocasionalmente unifoliada inteiras e serradas;
(estípulas ausentes);
Inflorescência: indeterminada, espigas ou panículas eretas;
Juglandaceae
(Família da Nogueira)
Características gerais:
Flores: estaminadas e carpeladas; unissexuais (plantas monoicas e raramente
dioicas), ovário unilocular na região superior e bilocular na inferior.
2 estigmas;
estilete expandido;
1 óvulo;
Juglandaceae
(Família da Nogueira)
Características gerais:
Fruto: noz ou núcula.
Juglandaceae
(Família da Nogueira)
Gêneros
8
Espécies
59
Juglandaceae
(Família da Nogueira)
Distribuição ecológica: amplamente dispersa em regiões tropicais e
temperadas.
Juglandaceae
(Família da Nogueira)
Importância econômica: são importantes e essenciais para recuperações
florestais.;
cultivadas como ornamentais.
MYRTALES
Lythraceae
(familia da romã)
Características gerais:
árvores, arbustos ou ervas;
Pelos: diversos tipos; estipulas tipicamente reduzidas;
Inflorescência: diversas;
Lythraceae
(familia da romã)
Características gerais:
Flores: bissexuais;
sépalas geralmente de 4 a 8; livres, valvadas com
frequência muito expeça.
Pétala geralmente de 4 a 8; livres.
Estames numerosos;
Filetes de comprimente desiguais;
2 óvulos;
2 carpelos;
ovário supero;
Lythraceae
(familia da romã)
Características gerais:
Fruto: geralmente capsula seca, diversamente deiscentes,
ocasonalmente baga;
Lythraceae
(familia da romã)
Distribuição ecológica: maioria das espécies tropical,
também ocorrem em hábitos aquáticos ou semiaquáticos.
Gêneros
30
Espécies
600
Lythraceae
(familia da romã)
Cultivo de 
plantas 
ornamentais
Contém 
numerosas 
sementes 
comestíveis 
Frutos 
(romã)
Importância 
econômica
Onagraceae
(familia da fuchsia)
Características gerais:
Ervas e arbustos, ocasionalmente arvores; (presença de
rafídeos)
Pelos: simples;
Folhas: alternas espiraladas, opostas ou verticiladas,
simples na maioria das vezes.
Estipulas pequenas