A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
ATIVIDADE 3 ECONOMIA(1)

Pré-visualização | Página 1 de 2

ATIVIDADE 3 - MKT - ECONOMIA E SOCIEDADE - 2019A1
Período:08/04/2019 08:00 a 21/04/2019 23:59 (Horário de Brasília)
Status:ABERTO
Nota máxima:0,50
Gabarito:Gabarito será liberado no dia 22/04/2019 00:00 (Horário de Brasília)
Nota obtida:
1ª QUESTÃO
Taxa de Câmbio geralmente indica o preço de uma moeda internacional de referência que, no caso
brasileiro, é o dólar norte-americano. No Brasil, as divisas são monopólio do Estado, que é representado
pelo Banco Central. As operações de câmbio, por sua vez, só podem ser conduzidas por meio de
estabelecimento bancário autorizado a operar em câmbio pelo Banco Central.
 
NOGAMI, Otto; PASSOS, Carlos Roberto Martins. Princípios de Economia. São Paulo: Cengage Learning,
2016.
 
Sobre a taxa de câmbio e os efeitos da sua variação sobre algumas situações, analise as afirmativas abaixo.
 
I. Em uma situação de desvalorização cambial, ficará mais caro para o brasileiro importar produtos de fora,
ao que os estrangeiros conseguem comprar mais produtos importados do Brasil.
 II. A taxa de câmbio pode ser utilizada como âncora cambial para combater a inflação, em situações em que
há uma valorização cambial.
 III. Em uma situação de valorização cambial, por nossa moeda estar valendo mais, desestimulará as
importações.
 IV. Assim como em situação do dia a dia, conhecer a variação nominal e real do câmbio é importante. Isto
porque se a desvalorização nominal for maior que a inflação, a competitividade dos produtos nacionais
aumentou.
 
É correto o que se afirma em:             
ALTERNATIVAS
I e III, apenas.
II e IV, apenas.
I, II e IV, apenas.
II, III e IV, apenas.
I, II, III e IV.
2ª QUESTÃO
Segundo Boechat (2019, p. 103) a macroeconomia “é um ramo das ciências econômicas que estuda a
evolução da economia como um todo, analisando a determinação e o comportamento dos agregados, tais
como renda e produto nacional”. Dessa maneira, a macroeconomia analisa a economia como se ela fosse
constituída de uma parte Real e outra Monetária.
  
BOECHAT, A. M. da F. Economia e Sociedade. Maringá-Pr.: UniCesumar, 2019.
 
 Sendo assim, analise os mercados que integram a macroeconomia:
 
I. Mercado de Trabalho.
 II. Mercado Financeiro.
 III. Mercado de bens e serviços.
 IV. Mercado cambial ou de divisas.
  
 Com base no exposto, são mercados que  integram a parte Monetária da economia:
ALTERNATIVAS
I e II, apenas.
I e III, apenas.
II e III, apenas.
II e IV, apenas.
I, II e III, apenas.
3ª QUESTÃO
O agronegócio segue confirmando o quanto é importante para a economia brasileira. Entre os meses de
janeiro e setembro, dos 10 principais produtos exportados pelo Brasil, 7 eram produtos agrícolas. Esse
destaque é recorrente nos últimos anos. A liderança ficou com a soja em grão, que totalizou US$ 23 bilhões
no período, com uma variação de 25,2% comparativamente com o mesmo período do ano passado.
Disponível em: <https://goo.gl/8PASxB>. Acesso em: 14/09/2018.
 
A reportagem acima apresenta os produtos que compõe a pauta de exportação brasileira. Com base nessas
informações, podemos relacionar esta situação à um importante princípio ou teoria formulada por
economistas da escola clássica. Assinale a alternativa que apresenta corretamente esta teoria e sua
definição.
ALTERNATIVAS
Teoria dos Cursos. Parte da teoria microeconômica que analise as relações entre os preços dos insumos e a
produção física.
Teoria de Produção. Refere-se às relações tecnológicas e físicas entre a quantidade produzida e a quantidade de
insumos utilizados na produção.
Teoria Quantitativa da Moeda. Ela mostra que, multiplicando o estoque de moeda pela velocidade com que a moeda
cria renda, tem-se o total da renda nominal.
Teoria do Bem-Estar. Estuda como alcançar soluções socialmente eficientes para o problema da alocação e
distribuição dos recursos, isto é, encontrar a alocação ótima dos recursos.
Teoria das Vantagens Comparativas. Segundo ela, cada país deve se especializar na produção do bem em que é
relativamente mais eficiente ou que o custo seja menor e exportá-lo.
4ª QUESTÃO
O desemprego é uma realidade presente no dia a dia dos cidadãos, além de ser uma preocupação do
governo e um dos objetivos a serem tratados por meio das políticas macroeconômicas. Contudo, o
desemprego possui algumas características que o subdivide em três grupos em relação à sua causa:
estrutural, friccional e conjuntural.
  
BOECHAT, A. M. da F. Economia e Sociedade. Maringá-Pr.: UniCesumar, 2018.
 
 Com base no exposto, relacione o tipo de desemprego à sua causa:
  
(1)Desemprego
Fricicional
( 
)
Pode ocorrer frente a mudanças no arcabouço econômico, tais como: mudança da
tecnologia e mudança no padrão de demanda dos consumidores.
(2)Desemprego
Conjuntural
( 
)
Ocorre quando os indivíduos estão desempregados momentaneamente, por motivos
como demissão, mudança voluntária de emprego, entre outros.
(3)Desemprego
Estrutural
( 
)
Também conhecido como desemprego cíclico, ocorre de forma involuntária tendo
origem em fases de recessão da economia.
 
 A sequência correta é:
ALTERNATIVAS
1, 2, 3.
1, 3, 2.
2, 1, 3.
3, 1, 2.
3, 2, 1.
5ª QUESTÃO
A macroeconomia possui como seu principal representante Jhon Maynard Keynes que, por muitos, é
chamado de pai da macroeconomia moderna. Segundo Keynes, se o governo americano tivesse participado
um pouco mais da economia, a crise de 1929 não teria sido tão profunda. Partindo dessa perspectiva,
Vasconcellos e Garcia (2008, apud BOECHAT, 2018), afirma que o governo deve utilizar a política
macroeconômica, tendo como objetivo:
 
I. Alto nível de emprego.
 II. Crescimento econômico.
 III. Estabilidade de preços.
 IV. Distribuição de renda socialmente justa.
  
BOECHAT, A. M. da F. Economia e Sociedade. Maringá-Pr.: UniCesumar, 2018.
 
No entanto, os objetivos descritos podem apresentar características de curto e longo prazo. Os objetivos de
curto prazo, conhecidos como conjunturais, são aqueles que o governo busca atingir rapidamente, com foco
na conjuntura atual. Dessa forma, os objetivos de curto prazo são:
ALTERNATIVAS
I e II, apenas.
I e III, apenas.
II e III, apenas.
II e IV, apenas.
I, II e III, apenas.
6ª QUESTÃO
O Balanço de Pagamentos de um país é definido como o registro sistemático das transações econômicas,
ocorridas em um certo período de tempo. Os dados do balanço são divulgados em dólares norte-
americanos, a valores correntes, sem ajustamento sazonal, e estão compilados de acordo com os critérios
estabelecidos na sexta edição do Manual de Balanço de Pagamentos e Posição de Investimento
Internacional (BPM6) do Fundo Monetário Internacional.
  
NOGAMI, Otto; PASSOS, Carlos Roberto Martins. Princípios de Economia. São Paulo: Cengage Learning,
2016.
 
Sobre o Balanço de Pagamentos, avalie atentamente as afirmativas a seguir.
 
I. Registra o movimento de capitais internacionais, como investimento direto estrangeiro, empréstimos e
financiamentos, entre outros.
 II. Os registros do Balanço de Pagamentos são entre países, não são consideradas as transações realizadas
no mercado interno.
 III. A ideia do Balanço de Pagamentos é similar ao balanço patrimonial realizado pelas empresas, já que os
dois exemplos utilizam as normas gerais oriundas da contabilidade.
 IV. Registra o comércio internacional, que são as exportações e importações, os serviços internacionais,
como pagamento de juros, royalties, remessa de lucro, turismo, fretes, etc.
 
É correto o que se afirma em:
ALTERNATIVAS
I e III, apenas.
I, II e III, apenas.
I, II e IV, apenas,
II, III e IV, apenas.
I, II, III e IV.
7ª QUESTÃO
Para analisar e compreender o desemprego de determinada localidade, torna-se necessário compreender
algumas terminologias e categorias, as quais as pessoas podem se encaixar frente ao mercado de trabalho.
  
BOECHAT, A. M. da F. Economia e Sociedade. Maringá-Pr.: UniCesumar, 2019.
 
Dessa forma, com base no exposto, analise as alternativas abaixo e assinale a correta:
ALTERNATIVAS
A denominada Taxa de Desemprego é calculada a partir

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.