A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
9 pág.
ASPECTO JURÍDICOS - prova 2

Pré-visualização | Página 1 de 3

Aspecto 
· Pergunta 1
1 em 1 pontos
	
	
	
	O Termo de Referência IBAMA/19, de Análise de Impactos Ambientais Tipologia: COMPLEXOS EÓLICOS MARÍTIMOS Versão: dezembro/2019, constituído da itemização própria, tem como um dos itens a função da área de influência ambiental e sua definição consta no texto apresentado no termo.
 
IBAMA. Termo de Referência. Processo n. 02007.003499/2019-91. Estudo de Impacto Ambiental e Relatório de Impacto Ambiental EIA/Rima. Tipologia: Complexos Eólicos Marítimos. Porto Alegre: Ibama, dez. 2019. p. 2. Disponível em: https://www.ibama.gov.br/phocadownload/consultapublica/2020/SEI_IBAMA-6708691-TR.pdf. Acesso em: 2 mar. 2020.
Com base no texto deste termo de referência, sobre a função da área de influência ambiental, analise as afirmativas a seguir e assinale V para a(s) Verdadeira(s) e F para a(s) Falsa(s).
 
I. (  ) Definir os limites da área geográfica a ser direta ou indiretamente afetada pelos impactos, denominada área de influência do projeto, considerando, em todos os casos, a bacia hidrográfica na qual se localiza.
II. ( ) Identificar, caracterizar, georreferenciar e mapear os elementos determinantes para as delimitações das áreas de influência.
III. (  ) Considerar na definição das áreas de influência os dados obtidos e a análise dos impactos.
IV. (  ) Apresentar no formato kmz os limites das áreas de influência, exclusivamente por meio (sico/bióco/socioeconômico).
 
Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
V, V, V, F.
	Resposta Correta:
	 
V, V, V, F.
	Feedback da resposta:
	Resposta correta. A alternativa está correta, pois a definição apresentada na alternativa assinalada está em desacordo com o apresentado pelo Termo de Referência do IBAMA/19. As alternativas verdadeiras são condizentes com o que dispõe o Termo, uma vez que a função da área de influência ambiental é de definir, identificar, caracterizar, georreferenciar e mapear todas as áreas de influência do projeto apresentado pelo desenvolvedor.
	
	
	
· Pergunta 2
0 em 1 pontos
	
	
	
	Todo Projeto de Lei apresentado deve seguir uma ordem cronológica para tramitar na Câmara, até finalmente ser votado. Nesse trâmite, o projeto deverá passar por análise de todas as comissões envolvidas no projeto ou que possua interesse em sua aprovação ou não.
 
COLLOR, F. Projeto de Lei n. 11.247/2018. Dispõe sobre a ampliação das atribuições institucionais relacionadas à Política Energética Nacional com o objetivo de promover o desenvolvimento da geração de energia elétrica a partir de fonte eólica localizada nas águas interiores, no mar territorial e na zona econômica exclusiva e da geração de energia elétrica a partir de fonte solar fotovoltaica. Disponível em: https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/fichadetramitacao?idProposicao=2190084. Acesso em: 2 mar. 2020.
 
Assinale a alternativa que apresenta, cronologicamente, qual é a ordem de tramitação da PL 11.247/2018.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
O projeto será lido e corrigido pelas comissões de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Fundo Nacional de Desenvolvimento, Empresa de Pesquisa Energética. Depois segue para o Plenário da Câmara para votação.
	Resposta Correta:
	 
O projeto será analisado pelas comissões de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Minas e Energia; Finanças e Tributação; e Constituição e Justiça e de Cidadania. Depois segue para o Plenário da Câmara para votação.
	Feedback da resposta:
	Sua resposta está incorreta. A alternativa está incorreta, pois não descreve cronologicamente a tramitação do referido Projeto de Lei, nem consta todos as comissões interessadas em sua votação, as quais emitirão parecer a favor ou contra a sua tramitação.
	
	
	
· Pergunta 3
1 em 1 pontos
	
	
	
	A Resolução Normativa n. 675/2015 da ANEEL, em seu artigo 6º, traz regulamentação sobre como se dá o recebimento dos requerimentos de outorga protocolados, que deverão ser por meio de despacho emitido pela SCG - Superintendência de Concessões e Autorizações de Geração, considerando o artigo 6º §4º da REN n. 675/2015. 
 
BRASIL. AGÊNCIA NACIONAL DE ENERGIA ELÉTRICA (ANEEL). Resolução normativa n. 675, de 25 de agosto de 2015. Altera a Resolução nº 395, de 4 de dezembro de 1998, as Resoluções Normativas nº 390 e nº 391, ambas de 15 de dezembro de 2009, nº 412, de 6 de outubro de 2010, e nº 594, de 17 de dezembro de 2013, e dá outras providências. Disponível em: http://www2.aneel.gov.br/cedoc/ren2015675.pdf. Acesso em: 2 mar. 2020.
 
Analise as afirmativas a seguir, no que se refere à revogação do requerimento, em relação a qual (ou quais) situação(ões) o requerimento será revogado.
 
I. A condição do parque, levando-se em consideração o prazo inicial de concessão do Despacho.
II. O reconhecimento de compra de equipamentos, contratos de seguro e outros acordos necessários para início da obra do parque.
III. A realização de obrigações e cumprimento de prazos do processo de licenciamento ambiental pelo detentor do Despacho.
IV. A comprovação da venda ou propósito futuro da energia do parque.
 
Está correto o que se afirma em:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
I, II, III e IV.
	Resposta Correta:
	 
I, II, III e IV.
	Feedback da resposta:
	Resposta correta. A alternativa é correta, pois o Texto é fiel ao que está descrito da REN 675/15, e demonstra todas as causas de revogação de um requerimento de outorga quando o requerente se comportar como descrito no texto. Basta que o mesmo apresente uma única situação para ter seu requerimento revogado.
	
	
	
· Pergunta 4
1 em 1 pontos
	
	
	
	Os parques eólicos offshore na Europa somam atualmente 4149 turbinas instaladas em 11 países, calcula-se que em 2020 a capacidade seja de 25 GW e 98% dessa geração é concentrada em 5 países. E a expansão da eólica no mar torna evidente que esse continente está mais do que preparado para alcançar objetivos ainda maiores como a incorporação de fontes renováveis no consumo de energia passar a ser de 35%.
BARBOSA, R. Inserção da energia eólica offshore no Brasil: análise de princípios e experiências regulatórias. Tese (Doutorado em Ciências) - Universidade de São Paulo, São Paulo, 2018. Disponível em: https://www.marinha.mil.br/chm/sites/www.marinha.mil.br.chm/files/u1947/barbosa_2018.pdf. Acesso em: 2 mar. 2020.
 
Sobre a instalação de parques eólicos offshore na Europa, assinale a alternativa que indica os 5 maiores países em ordem de capacidade de produção de energia eólica offshore.
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
Reino Unido, Alemanha, Dinamarca, Holanda e Bélgica.
 
	Resposta Correta:
	 
Reino Unido, Alemanha, Dinamarca, Holanda e Bélgica.
 
	Feedback da resposta:
	Resposta correta.  A alternativa é correta, pois é a ordem de capacidade de produção de energia eólica offshore de acordo com a WindEurope. O Continente Europeu possui 4149 turbinas espalhadas por 11 países, porém 98% delas são concentradas nos 5 países indicados na alternativa.
	
	
	
· Pergunta 5
1 em 1 pontos
	
	
	
	Tendo em vista que a energia eólica offshore consiste na implantação de turbinas eólicas em alto mar, vale saber que, apesar do termo “offshore” possuir o significado de “no mar” ou “em alto mar”, também é possível criar parques eólicos em áreas de água terrestres, tais como lagos, rios ou outras áreas costeiras. Essa definição de geração de energia tem chamado a atenção dos principais desenvolvedores de projetos eólicos, pois a produção de eletricidade é aumentada pela instalação de turbinas eólicas de potências muito superiores aos projetos de produção de energia eólica terrestre, o que resulta em custos de manutenção por MW (Megawatts) menores. Além do que, por ser de uma fonte de energia limpa, sustentável e renovável, a energia eólica apresenta vários benefícios onde ela é instalada.
A partir do exposto, analise as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
 
I. A energia eólica é totalmente renovável, ou seja, você pode reutilizá-la
Pois
II. Energia eólica é inesgotável, ou seja, nunca

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.