Estruturalismo
6 pág.

Estruturalismo


DisciplinaTeoria Geral da Administração - Fa528 materiais1.278 seguidores
Pré-visualização1 página
FACULDADE DE TECNOLOGIA DE CURITIBA \u2013 FATEC-PR
CURSO SUPERIOR DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS
TEORIA GERAL DA ADMINISTRAÇÃO
Abordagem Estruturalista da Administração
ADRIANO BRASIL VAZ
CIÊNCIAS CONTABEIS
2º Período - NOITE
SÃO JOSÈ DOS PINHAIS
2020
SUMÁRIO
 
1 INTRODUÇÃO	2
2 CONTRIBUIÇÃO DO ESTRUTURALISMO, CARACTERÍSTICAS E VISÃO.	3
3 CONCLUSÕES	4
BIBLIOGRAFIA	5
1 INTRODUÇÃO
Estrutura organizacional é o conjunto ordenador de responsabilidades, autoridades, comunicações e decisões das unidades organizacionais de uma organização. É a forma pela qual as atividades são divididas, organizadas e coordenadas, provocando impactos na cultura organizacional.
A Teoria Estruturalista foi criada a partir de um desdobramento da Teoria da Administração e como contrapartida da reviravolta na Administração, causada pelos princípios sociais e filósofos da Teoria das Relações Humanas.
2 CONTRIBUIÇÃO DO ESTRUTURALISMO, CARACTERÍSTICAS E VISÃO.
	A contribuição do estruturalismo à teoria das organizações parece indiscutível pela consolidação da incorporação iniciada pelos behavioristas, dos estudos de outros tipos de organizações, que não as empresas, bem como pela ênfase nova nas relações entre as partes da organização, tais como grupos e outros elementos formais e informais, os vários níveis hierárquicos, as recompensas e incentivos sociais e materiais, além do destaque dado às relações entre a organização e seu ambiente, que preparou o campo para a análise baseada na teoria geral dos sistemas abertos.
	Embora o estruturalismo seja uma síntese entre duas escolas: a escola científica e a escola das relações humanas o enfoque fica mais sobressalente a parte formal da escola clássica o que difere o ponto de vista das relações humanas.
 	O estruturalismo que possui enfoque explicativo, ao contrário da administração científica e da escola das relações humanas, que possuíam enfoque prescritivo. No enfoque explicativo, a concepção da organização está
pautada em um sistema social, que é deliberadamente construído, significando que as relações entre administradores e empregados geram, muitas vezes, conflitos, e esses conflitos são inevitáveis, porém desejados.
O homem moderno, ou seja, o homem organizacional, para ser bem-sucedido em todas as organizações, precisa ter as seguintes características de personalidade:
Flexibilidade, em face das constantes mudanças que ocorrem na vida moderna e da diversidade de papéis desempenhados nas organizações.
Tolerância às frustrações para evitar o desgaste emocional decorrente do conflito entre necessidades organizacionais e necessidades individuais, cuja mediação é feita através de normas racionais, escritas e exaustivas.
Capacidade de adiar as recompensas e poder de compensar o trabalho rotineiro na organização em detrimento de preferências pessoais.
Permanente desejo de realização para garantir cooperação e conformidade com as normas organizacionais para obter recompensas sociais e materiais.
3 CONCLUSÕES
\u201cAlega-se, contra o estruturalismo, que as estruturas não podem ser demonstradas como universais, isto é, que não temos como saber, cientificamente, se o espírito (a racionalidade) é o mesmo para todos os seres humanos. O estruturalismo concorda que as subjetividades, por definição, são incomparáveis e incomunicáveis. Mas isto não leva à particularização da racionalidade. Ao contrário, argumentam os estruturalistas, se interagimos, como de fato o fazemos, é porque temos algo em comum para além da subjetividade, algo de que não temos consciência, isto é, uma vida mental cuja estrutura é compartilhada por toda a humanidade. A estrutura inata do espírito humano (Lévi-Strauss, 1973b)\u201d.
Aparentemente o método estruturalista pressupõe um estudo com base nas ferramentas organizacionais e os indivíduos que fazem parte dela, mas sugere que não há uma \u201creceita definida \u201c para exercer a administração.
REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS
https://pt.wikipedia.org/wiki/Teoria_estruturalista
http://www.adminconcursos.com.br/2014/07/estruturas-organizacionais.html
http://periodicos.uem.br/ojs/index.php/CadAdm/article/download/41544/751375139678/
https://blog.softwareavaliacao.com.br/teoria-estruturalista/
https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-65552006000200008