A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
9 pág.
ATIVIDADES DE APRENDIZAGEM - MUDANÇAS CLIMÁTICAS E AGRICULTURA

Pré-visualização | Página 1 de 4

Atividade de aprendizagem
MÓDULO I
1. Sobre os conceitos relacionados às mudanças climáticas, assinale a alternativa correta.
a) O aquecimento global é um tipo de mudança climática caracterizada pelo o aumento da temperatura da Terra, resultante de uma variabilidade natural desse parâmetro climático ao longo do tempo.b) O aquecimento global é um tipo de mudança do clima caracterizadas pelo aumento da temperatura da Terra, resultante da intensificação de gases causadores do efeito estufa (GEE) em decorrência das atividades humanas.c) O efeito estufa é um fenômeno natural responsável pela manutenção do calor na Terra, e sua intensificação, decorrente do aumento das emissões de GEE, não se relaciona às atividades humanas.d) O efeito estufa é um fenômeno prejudicial à vida na Terra, o qual se caracteriza pela retenção de calor feita por gases que estão presentes na atmosfera.
Exatamente! A resposta correta é a alternativa “b”.
O aumento da temperatura média dos oceanos e da camada de ar próxima à superfície da Terra pode ser verificado em relação às médias históricas de temperaturas de períodos anteriores. Portanto, o aquecimento global representa uma mudança climática.
As elevações de temperatura atribuídas à realização de algumas atividades humanas ou antrópicas são chamadas de aquecimento global. E Além disso, a emissão dos GEE, resultantes das atividades humanas, intensifica o fenômeno do efeito estufa e é a causa o aquecimento global.
Acompanhe a explicação para as demais alternativas:
• O aquecimento global é um tipo de mudança climática caracterizada pelo aumento da temperatura da Terra, sim, mas não resulta de uma variabilidade natural, visto que possui uma causa antrópica. Por isso, a alternativa “a” está incorreta.
• O efeito estufa é um fenômeno natural responsável pela manutenção do calor na Terra, mas sua intensificação decorrente do aumento das emissões de GEE, sendo as atividades humanas as responsáveis por esse aumento. Por isso, a alternativa “c” está incorreta.
• O efeito estufa é um fenômeno que mantém a possibilidade de vida na Terra, não sendo, em si, prejudicial ao planeta. Na verdade, é a intensificação desse efeito, em decorrência das atividades humanas, que prejudica a vida no planeta por gerar o aquecimento global e comprometer os sistemas. Por isso, a alternativa “d” está incorreta.
2. Com relação ao Brasil no Contexto Global das Mudanças Climáticas, assinale a alternativa correta.
a) Em 2015, por ocasião do Acordo de Paris, o Brasil estava na terceira posição no ranking dos países mais emissores de GEE, sendo considerado um país comprometido internacionalmente com a proteção do sistema climático global, embora classificado como país em desenvolvimento.b) A Contribuição Nacionalmente Determinada (Intended Nationally Determined Contribution – INDC, na sigla em inglês) é o principal instrumento de comunicação dos compromissos individuais voluntariamente assumidos pelas partes no Acordo de Paris. Por ser um país em desenvolvimento, o Brasil não elaborou uma INDC brasileira.c) Em setembro de 2015, o Governo brasileiro anunciou a INDC brasileira, partindo dos resultados positivos já alcançados pelo País na redução de GEE e estabelecendo compromissos bem modestos.d) O Brasil é um dos únicos países em desenvolvimento a assumir uma meta absoluta de redução de emissões, tão ou mais ambiciosa que as metas de países desenvolvidos.
Exatamente! A resposta correta é a alternativa “d”.
O Brasil é um dos únicos países em desenvolvimento a assumir uma meta absoluta de redução de emissões, tão ou mais ambiciosa que as metas de países desenvolvidos.
Conforme consta na Contribuição Nacionalmente Determinada (CND ou NDC) do Brasil, o País tem metas de redução das emissões de GEE a cumprir, para os anos 2025 e 2030, de até 37% e até 43%, respectivamente, em relação aos níveis de 2005.
Acompanhe a explicação para as demais alternativas:
• Em 2015, por ocasião do Acordo de Paris, o Brasil estava na quinta posição no ranking dos países mais emissores de GEE, antecedido por China, EUA, União Europeia e Índia. Por isso, a alternativa “a” está incorreta.
• Apesar de ser uma país em desenvolvimento, o Brasil elaborou uma INDC brasileira, assumindo o compromisso voluntário no Acordo de Paris. Por isso, a alternativa “b” está incorreta.
• Em setembro de 2015, o Governo brasileiro anunciou a INDC brasileira, partindo dos resultados positivos já alcançados pelo País na redução de GEE e estabelecendo compromissos bem ambiciosos. Por isso, a alternativa “c” está incorreta.
3. Sobre o marco legal do Brasil relacionado às mudanças climáticas, assinale a alternativa correta.
a) Os compromissos internacionais de redução das emissões de GEE assumidos pelo Brasil não foram ratificados pela Lei nº 12.187/2009, que institui a Política Nacional de Mudanças Climáticas (PNMC).b) A PNMC prevê que o Poder Executivo estabelecerá o Plano Nacional de Mitigação e Adaptação às Mudanças Climáticas visando à consolidação de uma economia de baixa emissão de carbono.c) De acordo com o Decreto nº 7.390/2010, para o setor da agricultura, ficou estabelecida a constituição do Plano para a Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura.d) O Plano Nacional de Adaptação às Mudanças do Clima, lançado pela Portaria nº 150/2016, do Ministério do Meio Ambiente, não contempla as ações de adaptação propostas pelo Plano ABC.
Exatamente! A resposta correta é a alternativa “c”.
De acordo com o Decreto nº 7.390/2010, para o setor da agricultura, ficou estabelecida a constituição do Plano para a Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura.
O Decreto nº 9.578, de 22 de novembro de 2018, que substitui o Decreto anterior, inclui na lista de Planos Setoriais de Mitigação e de Adaptação Às às Mudanças Climáticas, no inciso IV do artigo 17, o Plano Setorial de Mitigação e de Adaptação às Mudanças Climáticas para a Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono na Agricultura - Plano ABC.
Acompanhe a explicação para as demais alternativas:
• Os compromissos internacionais de redução das emissões de GEE assumidos pelo Brasil foram, sim, ratificados pela Lei nº 12.187/2009, que institui a Política Nacional de Mudanças Climáticas (PNMC). Essa foi, inclusive, uma das razões de se instituir tal política. Por isso, a alternativa “a” está incorreta.
• A PNMC não prevê o estabelecimento de um Plano Nacional de Mitigação e Adaptação às Mudanças Climáticas, mas, sim, os Planos Setoriais de Mitigação e de Adaptação às Mudanças Climáticas, no parágrafo único do seu artigo 11, visando à Consolidação de uma Economia de Baixa Emissão de Carbono. Por isso, a alternativa “b” está incorreta.
• O Plano Nacional de Adaptação às Mudanças do Clima, lançado pela Portaria No 150/2016, do Ministério do Meio Ambiente, para o setor da agricultura, contempla as ações de adaptação propostas pelo Plano ABC. Por isso, a alternativa “c” está incorreta.
MÓDULO II
1. Sobre os potenciais impactos negativos, assinale a alternativa correta.
a) A evolução histórica de dados oficiais das emissões de GEE pelos diferentes setores brasileiros mostra que a agropecuária sempre esteve em primeiro lugar entre os setores, passando para o segundo lugar só recentemente, após 2015.b) Os principais processos do setor agropecuário emissores de GEE são: fermentação entérica, emissões de N2O provenientes de solos agrícolas, manejo de dejetos animais, cultivo de arroz, queima de resíduos agrícolas. As emissões resultantes das atividades em solos agrícolas representam a maior fatia. Em segundo lugar, está a fermentação entérica do rebanho de ruminantes.c) As projeções climáticas para o Brasil, desenvolvidas a partir dos possíveis cenários considerados nas avaliações internacionais (IPCC, 2014) , revelam que ainda não há com o que se preocupar, pois é muito pouco provável que ocorram aumentos médios da temperatura e diminuição das precipitações.d) São exemplos de impactos negativos do aquecimento global sobre as atividades agropecuárias: