LIVRO ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA KLS UNOPAR
194 pág.

LIVRO ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA KLS UNOPAR


DisciplinaDireito e Administracao Publica236 materiais2.102 seguidores
Pré-visualização48 páginas
U
N
O
PA
R
A
D
M
IN
ISTRA
Ç
Ã
O
 PÚ
BLIC
A
Administração 
pública
U
N
O
PA
R
A
D
M
IN
ISTRA
Ç
Ã
O
 PÚ
BLIC
A
Administração 
pública
U
N
O
PA
R
A
D
M
IN
ISTRA
Ç
Ã
O
 PÚ
BLIC
A
Administração 
pública
Samara Silva Headley
Joel Ricardo Raiter
Rinaldo José Barbosa Lima
Sandra Helena Dallabona
Administração
Pública
© 2014 by Editora e Distribuidora Educacional S.A. 
Todos os direitos reservados. Nenhuma parte desta publicação poderá ser reproduzida 
ou transmitida de qualquer modo ou por qualquer outro meio, eletrônico ou mecânico, 
incluindo fotocópia, gravação ou qualquer outro tipo de sistema de armazenamento e 
transmissão de informação, sem prévia autorização, por escrito, da Editora 
e Distribuidora Educacional S.A.
Diretor editorial e de conteúdo: Roger Trimer
Gerente de produção editorial: Kelly Tavares
Supervisora de produção editorial: Silvana Afonso
Coordenador de produção editorial: Sérgio Nascimento
Editor: Casa de Ideias
Editor assistente: Marcos Guimarães
Revisão: Luciane Helena Gomide
Capa: Bruno Portezan Jorge e Sheila Ueda Piacentini Barison
Diagramação: Casa de Ideias
Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP) 
 Headley, Samara Silva
H433a Administração pública / Samara Silva Headley, Rinaldo 
José Barbosa Lima, Joel Ricardo Raiter, Sandra Helena 
Dallabona. \u2013 Londrina: Editora e Distribuidora 
Educacional S.A., 2014.
 192 p.
 ISBN 978-85-68075-03-6
 1. Administração pública. 2. Princípios constitucionais. 3. Governo 
\u2013 Políticas. I. Lima, Rinaldo José Barbosa. II. Raiter, Joel Ricardo. III 
Dallabona, Sandra Helena. IV Título.
 CDD 350
book_adm_publica.indb 4 22/06/14 17:30
Unidade 1 | Administração Pública e seus aspectos conceituais
Seção 1 - Administração Pública e os aspectos conceituais
1.1 | Administração Pública: conceitos e princípios
1.2 | Características da Administração Pública
1.3 | A importância da administração e do gestor público
1.4 | O desempenho das organizações públicas e as habilidades do gestor
1.5 | Habilidades gerenciais
1.6 | Os diferentes papéis do gestor público
1.7 | O papel do gestor público no mundo globalizado
1.8 | O papel do gestor face às questões éticas
Seção 2 - As primeiras organizações
2.1 | As primeiras organizações e os métodos de gestão 
2.2 | As primeiras organizações e seus administradores 
2.2.1 | Os sumérios e as cidades-Estados 
2.2.2 | Os hebreus e a organização administrativa 
2.2.3 | A Grécia e a democracia 
2.2.4 | Os romanos e a expansão territorial 
2.3 | Administração Pública na era moderna e o camaralismo 
2.4 | Administração Pública nos Estados Unidos da América 
2.5 | Administração Pública no Brasil
Unidade 2 | A formação e o desenvolvimento do Estado brasileiro
Seção 1 - As primeiras medidas tomadas por Dom João
1.1 | Medidas administrativas tomadas por Dom João
1.2 | Modelos de Administração Pública brasileira
1.2.1 | Modelo patrimonialista
1.2.2 | A elite patrimonialista
1.3 | As primeiras crises e as reformas do Estado
1.4 | Departamento administrativo e o Taylorismo
1.5 | Princípios da burocracia
1.5.1 | Principais vantagens da burocracia na Administração Pública
1.5.2 | O profissionalismo e a capacitação dos servidores
1.6 | Disfunções da burocracia
1.7 | Consequências da administração pública burocrática
1.7.1 | Administração Pública burocrática e a criação do DASP
1.8 | Brasil e o paradigma pós-burocrático
1.9 | A reforma administrativa do Estado nos anos 1980
Seção 2 - Modernização da Administração Pública: realidade e desafios
2.1 | Modernização da gestão pública 
2.2 | Administração Pública gerencial 
2.3 | A era da informação e a Administração Pública 
2.4 | Governança corporativa no setor público 
2.4.1 | Princípios da governança pública
Unidade 3 | Administração Pública e os princípios constitucionais
Seção 1 - Administração Pública e os princípios constitucionais
1.1 | A Administração Pública
Sumário
9
12
12
15
20
21
24
26
27
32
40
40
42
43
43
44
44
45
46
48
59
62
63
66
67
69
70
72
73
75
76
76
77
78
81
82
86
86
90
96
96
99
107
110
110
1.2 | Princípios constitucionais da Administração Pública
1.3 | Princípio da legalidade
1.4 | Princípio da impessoalidade
1.5 | Princípio da moralidade
1.6 | Princípio da publicidade
1.7 | Princípio da eficiência
1.8 | Princípios reconhecidos da Administração Pública
1.9 | Princípio da supremacia do interesse público
1.10 | Princípio da autotutela
1.11 | Princípio da indisponibilidade dos bens públicos
1.12 | Princípio da continuidade dos serviços públicos
Seção 2 - Estrutura da Administração Pública
2.1 | Serviços públicos 
2.2 | Administração Pública Direta 
2.3 | Administração Pública Indireta 
2.4 | Autarquias 
2.5 | Sociedades de economia mista 
2.6 | Fundações públicas 
2.7 | Empresas públicas 
2.8 | Agências reguladoras 
2.8.1 | Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) 
2.8.2 | Agência Nacional de Petróleo (ANP) 
2.8.3 | Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) 
2.8.4 | Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) 
2.8.5 | Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) 
2.8.6 | Agência Nacional de Águas (ANA) 
2.8.7 | Agência Nacional do Cinema (Ancine)
2.8.8 | Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) 
2.8.9 | Agência Nacional dos Ttransportes Terrestres (ANTT) 
2.8.10 | Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) 
2.9 | Centralização, descentralização, concentração e desconcentração 
2.9.1 | Centralização 
2.9.2 | Descentralização 
2.9.3 | Concentração 
2.9.4 | Desconcentração
Unidade 4 | Governo, políticas e agentes públicos
Seção 1 - Governo e funções do poder
1.1 | Governo
1.2 | Políticas
1.2.1 | Política regulatória
1.2.2 | Política fiscal
1.2.3 | Política monetária
1.3 | Agentes públicos
1.3.1 | Classificação
1.3.1.1 | Agentes políticos
1.3.1.2 | Agentes administrativos
1.3.1.3 | Agentes honoríficos
1.3.1.4 | Agentes delegados
1.3.1.5 | Agentes credenciados
1.3.2 | Formas de investidura dos agentes públicos
1.3.2.1 | Investidura administrativa
1.3.2.2 | Investidura política
1.3.2.3 | Investidura originária e derivada
1.3.2.4 | Investidura vitalícia
1.4 | Dos crimes praticados contra a Administração Pública
1.4.1 | Improbidade administrativa
1.4.1.1 | Improbidade administrativa que importa em enriquecimento ilícito
149
152
152
154
156
156
157
158
159
159
160
161
162
162
163
163
164
164
164
165
166
167
111
111
112
113
114
116
118
118
119
119
120
122
122
124
125
126
129
131
132 
134
136
136
136
136
137
137
137
138
138
138
139
139
140
142
142
1.4.1.2 | Atos de improbidade administrativa que causam prejuízo ao erário
1.4.1.3 | Atos de improbidade administrativa que atentam contra os princípios 
da Administração Pública
Seção 2 - O Poder Público e normas de organização
2.1 | Decreto-Lei nº 200 (1967) 
2.2 | Ministério da Desburocratização (1979) 
2.3 | Constituição Federal de 1988 
2.4 | Emenda Constitucional nº 19 (1998) 
2.5 | Lei de Responsabilidade Fiscal (2000)
169
170
173
173
176
177
182
184
Apresentação
Durante muitas décadas, os assuntos como gestão, participação, 
qualidade, desempenho e eficácia eram palavras comumente 
empregadas no âmbito da iniciativa privada. Mas de acordo com as 
transformações aceleradas e irreversíveis elas agora também fazem 
parte do setor público. Dentro desse contexto, o papel do gestor 
público, passa por revisões constantes e exige maior conhecimento da 
realidade que cerca a sua gestão.
Os novos tempos de mudanças exigem, ainda, a ação de gestores 
públicos com características empreendedoras e que administrem 
os recursos públicos de forma coordenada, compartilhada e 
descentralizada. Outro aspecto a ser ressaltado está relacionado ao fato 
de que os gestores devem estar abertos à participação e ao trabalho 
em equipe, onde a iniciativa e a atitudes proativa são incentivadas e 
reconhecidas para gerar valor à sociedade, especialmente àquela 
parcela que utiliza os serviços públicos.
A flexibilidade, a liderança e a visão sistêmica também são fatores 
que devem