Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
SOCIOLINGUISTICA - PROVA 1

Pré-visualização | Página 1 de 2

A variação linguística de uma língua é o modo pelo qual ela é usada, sistemática e coerentemente, de acordo com o contexto histórico, geográfico e sociocultural no qual os falantes dessa língua se manifestam verbalmente. É o conjunto das diferenças de realização linguística falada pelos locutores de uma mesma língua. Todas as línguas possuem variações linguísticas. Estas variações são decorrentes de inúmeros fatores. No que se refere à variação diastrática, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) A variação diastrática relaciona-se às diferenças linguísticas nos vários estratos sociais das comunidades linguísticas.
(    ) Os estratos sociais são classificados como faixa etária e escolaridade apenas.
(    ) Os grupos sociais participantes de estudos que enfocam a variação diastrática podem adotar, muitas vezes, gírias ou jargões.
(    ) As gírias ou jargões são utilizadas sempre por pessoas de maior escolarização.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - F - F - V.
	 b)
	F - F - V - F.
	 c)
	V - F - V - F.
	 d)
	V - V - V - F.
	2.
	A diversidade linguística é motivada por inúmeros fatores externos, que são: gênero/sexo, idade, escolaridade, contexto de interação social, dentre outros. Nesse sentido, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) Os fatores externos à língua dizem respeito à organização sociocultural da comunidade de fala.
(    ) Estudos sociolinguísticos mostram que o fator gênero/sexo é o único que não pode influenciar na variedade usada pelo falante.
(    ) Os efeitos da escolarização nas variáveis linguísticas serão aqueles que procuram preservar as formas de prestígio e a padronização da língua.
(    ) O fator que influencia na escolha da variedade adequada para cada situação de fala é o contexto social de interação.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	F - F - F - F.
	 b)
	V - F - V - V.
	 c)
	V - V - F - V.
	 d)
	F - V - V - F.
	3.
	A variação linguística pode ser compreendida como o processo pelo qual duas formas, com um mesmo valor de significado, podem ocorrer em um mesmo contexto. Dizemos, portanto, que as diferenças de uso da língua provêm de diferentes variações, que podem ser: diastráticas, diatópicas, diacrônicas, diafásicas e diamésicas. 
A seguir, você encontrará definições de expressões idiomáticas da língua portuguesa retiradas de dicionários disponíveis on-line:
Dicionário Mineiro
UAI u.a.i. 1. O correspondente ao UÉ dos paulistas: Uai é uai, uai! [1]
Dicionário Goiano
Uai - palavra que normalmente não tem sentido, mais ou menos como o tchê do gaúcho. Usada normalmente para respostas.
EX.: Pergunta: Goiano, você vai à festa hoje? Resposta: Uai, vou!
Nota do Gump: Dá a impressão de que o uai é parecido com o ué usado em outras regiões. Contudo, o ué muitas vezes é usado no caso de a pessoa achar a pergunta estranha [...]. [2]
Dicionário capixaba
Capixaba não SE ESPANTA, fala IÁ (o equivalente ao uai dos mineiros). [3]
O tipo de variação linguística mais característico das definições e exemplos apresentados é a variação:
FONTE:
[1] http://www.bernabauer.com/dicionario-mineiro/. Acesso em: 10 maio 2011.
[2] http://www.christiangump.net/guia-de-cidades/dicionrio-goians. Acesso em: 10 maio 2011.
[3] http://www.malcteria.net/vepiada.asp?nome=63. Acesso em: 10 maio 2011.
	 a)
	Diatópica.
	 b)
	Diastrática.
	 c)
	Diacrônica.
	 d)
	Diamésica.
	
	A língua é a característica que nos difere dos demais seres, permitindo-nos expressar sentimentos, revelar conhecimentos, expor nossa opinião frente aos assuntos relacionados ao nosso cotidiano, e, sobretudo, promovendo nossa inserção ao convívio social. Todas as línguas possuem variações linguísticas. Essas variações são causadas por inúmeros fatores. No que se refere à variação diatópica, analise as seguintes sentenças:
I- As diferenças existentes entre a língua portuguesa falada e escrita nas diferentes regiões do mundo e dentro do Brasil são exemplos de variação diatópica.
II- Falar em variação diatópica é exatamente o mesmo que falar das diferenças fonológicas e lexicais da língua por razões geográficas.
III- Para os estudos linguísticos, a variação diatópica somente é caracterizada pelas diferenças que ocorrem na língua portuguesa falada.
Assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As sentenças II e III estão corretas.
	 b)
	Somente a sentença I está correta.
	 c)
	As sentenças I e II estão corretas.
	 d)
	As sentenças I e III estão corretas.
	 *
	Observação: A questão número 4 foi Cancelada.
	5.
	Língua natural é qualquer linguagem desenvolvida naturalmente pelo ser humano, e que por isso mesmo implica interações sociais de sua vida. Podemos dizer que as línguas, a partir de uma percepção social, variam de acordo com inúmeros fatores. No que se refere aos fatores que determinam a variedade entre as línguas, analise as seguintes sentenças:
I- Um dos fatores de variação é o que diz respeito à região do falante. Cada região possui características fonéticas distintas.
II- A situação na qual o falante está no momento da fala também é fator de variação.
III- Nível social e escolaridade devem ser desconsiderados quando se trata do estudo da variação linguística.
IV- A "norma culta" brasileira é composta por diferentes variedades linguísticas.
Assinale a alternativa CORRETA:
	 a)
	As sentenças III e IV estão corretas.
	 b)
	As sentenças I, II e IV estão corretas.
	 c)
	As sentenças II e III estão corretas.
	 d)
	Somente a sentença I está correta.
	6.
	Quando estudamos a língua oral, podemos observar suas particularidade com relação à língua escrita. No que tange ao nível da variação linguística fonético-fonológica, muitas são as mudanças que podem ocorrer. Sobre o exposto, classifique V para as sentenças verdadeiras e F para as falsas:
(    ) No nível de variação fonético-fonológica, pode ocorrer variação do L nos encontros consonantais, isto é, o som de L pode ser pronunciado como um R (exemplo: flauta - frauta).
(    ) No nível de variação fonético-fonológica, pode ocorrer o apagamento do som do R em final de palavra (exemplo: mulher - mulhé).
(    ) No nível de variação fonético-fonológica, analisa-se o fato de uma comunidade falar boniteza enquanto outra fala beleza, duas pronúncias para um só termo. 
Assinale alternativa que apresenta a sequência CORRETA:
	 a)
	V - F - V.
	 b)
	V - V - F.
	 c)
	F - F - V.
	 d)
	F - V - F.
	7.
	Podemos afirmar que a sociolinguística tem por objeto de estudo os padrões de comportamento linguístico observáveis dentro de uma comunidade de falantes e os formaliza analiticamente através de um sistema heterogêneo, constituído por unidades e regras variáveis. Além disso, a sociolinguística diferencia as variações em tipos, tais como: diastrática, diamésica, diacrônica e diatópica. Com base no exposto, analise o excerto a seguir:
"Pois é. U purtuguêis é muito fáciu di aprender, purqui é uma língua qui a genti iscrevi ixatamenti cumu si fala. Num é cumu inglêis qui dá até vontadi di ri quandu a genti discobri cumu é qui si iscrevi algumas palavras. Im portuguêis, é só prestátenção. U alemão pur exemplu. Qué coisa mais doida? Num bate nada cum nada. Até nu espanhol qui é parecidu, si iscrevi muito diferenti. Qui bom qui a minha lingua é u purtuguêis. Quem soubé falá, sabi iscrevê."
Jô Soares, Revista Veja, 28 de novembro de 1990.
Assinale a alternativa CORRETA que apresenta o tipo de variação que o texto reflete:
FONTE: www.recantodasletras.com.br/artigos/3181250. Acesso em: 27 jan. 2020.
	 a)
	Diatópica, pois diferencia as possibilidades de erros que há na fala corriqueira.
	 b)
	Diastrática, pois identifica particularidades que representam erros ortográficos.
	 c)
	Diamésica, pois diferencia aspectos da oralidade para a escrita.
	 d)
	Diacrônica, pois revela a evolução da norma padrão da língua portuguesa.
	8.
	A sociolinguística é um campo de conhecimento da linguística importante para os avanços científicos acerca
Página12