A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
29 pág.
simulado 01 DEPEN 07062020

Pré-visualização | Página 9 de 11

Distrito Federal. 
 
92 – ( ) - Segundo a Portaria MJSP nº 65/2019, que dispõe sobre a formação da 
Força-Tarefa de Intervenção Penitenciária no âmbito do Departamento Penitenciário 
Nacional, que atuará em apoio aos Governos de Estado, em caráter episódico e 
planejado, tendo em vista a situação carcerária dos Estados Federados, para situações 
extraordinárias de grave crise no sistema penitenciário e para treinamento e 
sobreaviso. 
 
93 – ( ) - As visitas sociais nos estabelecimentos penais federais de segurança 
máxima serão restritas ao parlatório e por videoconferência, sendo destinadas 
exclusivamente à manutenção dos laços familiares e sociais, e sob a necessária 
supervisão, em conformidade à Regra 58 das Regras Mínimas das Nações Unidas para 
o Tratamento de Reclusos e ao Decreto nº 6.049, de 2007. 
 
94 – ( ) - No caso de visita de criança, será necessário a permanência de um adulto 
visitante responsável dentro do parlatório e outro fora do parlatório, podendo ser 
realizado revezamento quando houver mais de duas crianças, a critério do diretor do 
estabelecimento penal federal, por razões de limitação de espaço ou de segurança. 
 
95 – ( ) - Compete ao Distrito Federal estabelecer a Política Nacional de Segurança 
Pública e Defesa Social (PNSPDS) e aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios 
estabelecer suas respectivas políticas, observadas as diretrizes da política nacional, 
especialmente para análise e enfrentamento dos riscos à harmonia da convivência 
social, com destaque às situações de emergência e aos crimes interestaduais e 
transnacionais. 
 
96 – ( ) – Somente a União deverá instituir órgãos de ouvidoria dotados de autonomia 
e independência no exercício de suas atribuições. À ouvidoria competirá o recebimento 
e tratamento de representações, elogios e sugestões de qualquer pessoa sobre as ações 
e atividades dos profissionais e membros integrantes do Susp, devendo encaminhá-los 
ao órgão com atribuição para as providências legais e a resposta ao requerente. 
 
97 – ( ) - Caberá ao Ministério da Segurança Pública elaborar o Plano Nacional de 
Segurança Pública, que deverá incluir o Plano de Nacional de Enfrentamento de 
https://www.diferencialensino.com.br/course/simulado-01----depen
https://www.diferencialensino.com.br/course/simulado-01----depen
https://www.diferencialensino.com.br/course/simulado-01----depen
https://www.diferencialensino.com.br/course/simulado-01----depen
 
21 
Click aqui para acesso ao Caderno de Prova Completo e o Gabarito. 
SIMULADO DEPEN 01 
07/06/2020 
Homicídios de Jovens, além de estabelecer suas estratégias, suas metas, suas ações e 
seus indicadores, direcionados ao cumprimento dos objetivos e das finalidades 
 
98 – ( ) – As recompensas têm como pressuposto o bom comportamento reconhecido 
do condenado ou do preso provisório, de sua colaboração com a disciplina e de sua 
dedicação ao trabalho. As recompensas objetivam motivar a boa conduta, desenvolver 
os sentidos de responsabilidade e promover o interesse e a cooperação do preso 
condenado somente. 
 
99 – ( ) – É correto afirmar que os presos estão sujeitos à disciplina, que consiste 
na obediência às normas e determinações estabelecidas por autoridade competente e 
no respeito às autoridades e seus agentes no desempenho de suas atividades 
funcionais. A ordem e a disciplina serão mantidas pelos servidores e funcionários do 
estabelecimento penal federal por intermédio dos meios legais e regulamentares 
adequados. 
 
100 – ( ) – Haverá falta ou sanção disciplinar do preso que se encontra em presídio 
federal sem expressa e anterior previsão legal ou regulamentar, aplicando nesse caso 
o princípio da Analogia. 
 
101 – ( ) - O diretor do estabelecimento penal federal poderá determinar em ato 
motivado, como medida cautelar administrativa, o isolamento preventivo do preso, por 
período não superior a vinte dias. 
 
102 – ( ) - Ocorrendo rebelião, para garantia da segurança das pessoas e coisas, 
poderá o diretor do estabelecimento penal federal, em ato devidamente motivado, 
suspender as visitas aos presos por até quinze dias, prorrogável uma única vez por até 
igual período. 
 
103 – ( ) - O cumprimento do regime disciplinar diferenciado exaure a sanção e nunca 
poderá ser invocado para fundamentar novo pedido de inclusão ou desprestigiar o mérito 
do sentenciado, salvo, neste último caso, quando motivado pela má conduta denotada no 
curso do regime e sua persistência no sistema comum. 
 
104 – ( ) - Os meios de coerção só serão permitidos quando forem inevitáveis para 
proteger a vida humana e para o controle da ordem e da disciplina do estabelecimento 
penal federal, desde que tenham sido esgotadas todas as medidas menos extremas 
para se alcançar este objetivo. 
 
105 – ( ) – As entrevistas com advogado deverão ser previamente agendadas, 
mediante requerimento, escrito ou oral, à direção do estabelecimento penal federal, 
que designará imediatamente data e horário para o atendimento reservado, dentro dos 
dez dias subsequentes. 
 
106 – ( ) – É correto afirmar que À Coordenação de Políticas para Mulheres e 
Promoção das Diversidades do DEPEN compete, dentre outros aspectos coordenar as 
planos, projetos, pesquisas, programas e ações que visem à efetiva implementação da 
Política Nacional de Atenção às Mulheres em Situação de Privação de Liberdade e 
Egressas do Sistema Prisional - PNAMPE, e à atenção às diversidades no sistema penal. 
 
107 – ( ) É correto afirmar que a Coordenação-Geral de Alternativas Penais do 
DEPEN, compete também, desenvolver e coordenar políticas públicas com foco na 
intervenção penal mínima, no desencarceramento e na restauração dos danos e laços 
https://www.diferencialensino.com.br/course/simulado-01----depen
https://www.diferencialensino.com.br/course/simulado-01----depen
https://www.diferencialensino.com.br/course/simulado-01----depen
https://www.diferencialensino.com.br/course/simulado-01----depen
 
22 
Click aqui para acesso ao Caderno de Prova Completo e o Gabarito. 
SIMULADO DEPEN 01 
07/06/2020 
sociais; 
 
108 – ( ) - O ingresso na Carreira de Agente Penitenciário Federal dar-se-á na classe 
inicial, mediante aprovação em concurso público específico de provas e títulos , 
exigindo-se certificado de conclusão do ensino médio para acesso ao cargo efetivo que 
integra. 
 
109 – ( ) - Cabe ao Ministério da Justiça implementar programa permanente de 
capacitação, treinamento e desenvolvimento, destinado a assegurar a 
profissionalização dos ocupantes dos cargos de Especialista em Assistência 
Penitenciária, Técnico de Apoio à Assistência Penitenciária e Agente Penitenciário 
Federal. 
 
110 – ( ) – Ao ingressar na penitenciária federal o preso receberá os seguintes 
materiais de higiene pessoal: 01 sabonete, rolo de papel higiênico , 01 frasco de 
desodorante, 01 escova de dentes, 01 tubo de creme dental, 01 copo de detergente e 
01 pano de chão. 
 
111 – ( ) - O serviço de saúde será chefiado por servidor que manterá essa 
assistência integrada multisetorialmente, liderando os membros da equipe para a 
elaboração de um perfil adequado às ondições físicas e psicológicas reais do preso no 
ato de inclusão e para a execução dos serviços necessários, de forma colaborativa, e 
realizando reuniões mensais com toda a equipe para uma melhor assistência ao preso. 
 
112 – ( ) - A consulta ao médico particular, sempre que autorizada pelo juízo da 
execução penal, deverá ser realizada nas instalações do serviço de saúde, em dia e 
horário previamente agendados. 
 
113 – ( ) - É vedada a realização de cirurgias estéticas e de caráter eletivo ao preso 
custodiado em penitenciária federal, sem exceção. 
 
114 – ( ) - O prontuário de saúde, de caráter individual, confidencial e permanente, 
criado no âmbito do Sistema Penitenciário Federal, destinado aos presos recolhidos