A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
PROVA INTEGRADA PR2 VIII

Pré-visualização | Página 2 de 2

O brônquio principal esquerdo se dicotomiza em dois brônquios lobares : o brônquio lobar superior e o brônquio lobar inferior. O brônquio lobar superior se dicotomiza em 4 brônquios segmentares (o brônquio segmentar ápico-posterior, segmentar anterior, segmentar lingular superior e o segmentar lingular inferior) que se dirigem para a região supero-posterior, anterior, superior da língula pulmonar e inferior da lingula pulmonar do lobo superior do pulmão esquerdo, respectivamente. O brônquio lobar inferior se dicotomiza em outros 5 brônquios segmentares ( o segmentar superior, o segmentar basal anterior, segmentar basal lateral, e segmentar basal medial) que se dirigem para as regiões superior, antero-inferior, ínfero-lateral e ínfero medial do lobo inferior do pulmão esquerdo. 
A pleura costal e as partes periféricas da pleura diafragmática são supridas pelas fibras sensoriais dos nervos espinhais torácicos. A pleura mediastinal e as partes centrais da pleura diafragmática são supridas por fibras nervosas sensoriais do nervo frênico.
1. Como se apresenta a razão V/Q neste paciente citado acima? Justifique a sua resposta. (FISIO)
A relação ventilação/perfusão vai estar muito menor do que 1, uma vez que o paciente apresenta dificuldade de realizar ventilação pulmonar em decorrência da doença pulmonar obstrutiva crônica.
1. Cite os componentes do septo interalveolar (HISTO)
O septo interalveolar é uma região entre dois aléolos adjacentes. No septo há o epitélio alveolar, a lâmina basal que apoia esse epitélio e elementos do conjuntivo como colágeno III e fibras elásticas típicas do estroma pulmonar. 
1. Cite a origem embriológica dos bronquíolos respiratórios. (EMBRIO)
Originam-se dos bronquíolos terminais durante o período canalicular, entre a 16° e 26° semana.