A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
1 pág.
conceitos epidemiologia

Pré-visualização | Página 1 de 1

Conceitos da epidemiologia
· infecção: desenvolvimento do agente no animal
· infestação: colonização em superfície pelo agente
· contaminação: presença do agente em superfície
· patogenicidade: capacidade de um agente invadir e causar danos
· virulência: grau de patogenicidade - o quanto o agente é nocivo
· hospedeiro: termo genérico para qualquer indivíduo que possua o agente infeccioso
· portador: vertebrado que possui e elimina o agente
· vetor biológico: vertebrado na qual o agente necessita para fazer o ciclo
· vetor mecânico:  invertebrado que transporta o agente
· fonte de infecção: vertebrado que carrega e transmite o agente
· endemia: presença do agente que reflete em número de casos novos em uma localidade, geralmente são poucos casos que não saem da média (enzootia em animais)
· surto epidêmico: surgimento de novos casos de uma doença em um determinado local que não segue um número esperado
· epidemia: enfermidade que aparece e desaparece de forma repentina e em número maior que o esperado (epizootia em animais)
· pandemia: enfermidade que surge em grandes proporções em várias regiões (panzootia em animais)
· prevalência: número de enfermos conhecidos em um determinado local
· incidência: número de enfermos novos em um determinado local e tempo
· morbidade: número de doentes totais / população . 100
· letalidade: número de enfermos que morrem / enfermos totais . 100
· mortalidade: número de mortes totais / população . 100 
· fômite: objetos que estão contaminados
· área indene: área livre de contaminação pelo agente infeccioso
· enfermidades iatrogênicas: enfermidades causadas pelos próprios profissionais da saúde 
· enzoose: apenas em animais (TVT)
· zoonoses: entre humanos e animais (raiva)
· antroponoses: apenas entre humanos (aids) 
· larazetos/quartenários: local onde um grupo de animais fica durante a quarentena. (não são períodos de 40 dias)
· vigilância sanitária: promover e prevenir a saúde da população, por meio de medidas e intervir nos problemas sanitários existentes
· vigilância epidemiológica: coleta, processa e analisa dados, divulgando informações e planos de vigilância para outros órgãos a fim de ter um controle epidemiológico