A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Sistema tegumentar Resumo

Pré-visualização | Página 1 de 1

Sistema tegumentar
Geral
O sistema tegumentar é formado
por tecido epitelial e alguns anexos e
esses tecidos são conjuntos de
células que atuam de forma
integrada, de modo a desempenhar
funções específicas. Alguns tecidos
são formados por células de mesma
estrutura, enquanto outros são
formados por células com
diferentes formas e funções que,
juntas, colaboram na realização de
uma função geral maior.
Possui importantes funções, sendo a
principal agir como barreira,
protegendo o corpo da invasão de
microrganismos e evitando o
ressecamento e perda de água para
o meio externo.
● Anexos
O sistema tegumentar é formado
pela pele e seus anexos, tais como:
glândulas, pelos, cabelos, unhas,
escamas e receptores sensoriais.
Sistema tegumentar e o tecido Epitelial
O tecido epitelial reveste e protege o
corpo externamente, forrando
cavidades internas, fabricando
secreções que lubrificam a pele,
absorvendo alimentos no intestino e
recebendo estímulos do meio ambiente.
Diante de suas funções, da forma de
suas células, o tecido epitelial pode ser
de revestimento ou glandular. E no
Sistema Tegumentar possuímos os dois
tipos.
● Estrutura da pele
Epiderme : a epiderme tem origem
ectodérmica e suas células
apresentam-se de forma estratificada,
que reveste todo o corpo do ser
humano. Ela faz parte da pele, que é
considerado o maior órgão do corpo,
representando cerca de 16% do peso de
uma pessoa adulta. A epiderme atua
como uma estrutura que protege o
corpo do atrito, da dessecação e da
entrada de microrganismos. Ela possui
de dez a trinta camadas de células, que
têm a espessura aproximada de uma
folha de papel.A superfície da epiderme
é formada de células mortas e
impregnadas de queratina (proteína
resistente e impermeável). As mais
profundas são vivas e se reproduzem
constantemente por mitose, sendo
empurradas para fora. Chegando à
superfície, são queratinizadas e morrem.
Na epiderme também podemos
encontrar as células chamadas de
melanócitos. Os melanócitos se integram
à composição da pele entre a 12ª e a 14ª
semana de gestação. São células
grandes que produzem melanina,
pigmento marrom escuro que tem
função protetora contra a ação dos
raios ultravioleta. Esse pigmento atua
como um dos fatores responsáveis pela
@enfcomk
cor da pele: quanto maior a quantidade
de melanina, mais escura será a pele,
ocorrendo o mesmo com os
pelos.Estrutura protetiva, a bactéria
pode apresentar ou não em sua
estrutura.
Derme : Abaixo da epiderme encontra-se
a derme, de origem mesodérmica e que
apresenta vasos sanguíneos,
corpúsculos sensoriais e táteis,
terminações nervosas (receptores de
dor), receptores de frio e calor,
glândulas sebáceas e canais das
glândulas sudoríparas.
Hipoderme : Abaixo da derme
encontra-se a hipoderme. Nela se
encontram as glândulas sudoríparas, já
em contato com o tecido conjuntivo.
Nessa camada se situa o tecido adiposo
subcutâneo, uma camada de gordura
cuja espessura é variável.Está
relacionado a adesão das bactérias a
mucosas .
● Anexos da Pele
As unhas, os cabelos, os pelos e os
receptores sensoriais são
considerados apêndices da pele ou
apêndices epidérmicos e algumas
glândulas também.
Unhas : As unhas têm como função
proteger a ponta dos dedos, pois
são rígidas e queratinizadas. Elas
também facilitam os movimentos
mais finos, dando melhor precisão.
As unhas crescem cerca de 0,1 mm
por dia.
Pelos : Os pelos são encontrados em
quase toda a superfície do nosso
corpo. Os pelos e cabelos consistem
em uma parte livre, chamada haste e
de uma parte dentro do folículo,
denominada raiz. Também são
estruturas repletas de queratina e
melanina. Os pelos atravessam as
três camadas da pele,possuem raízes
profundas.
Cabelo: Os cabelos, espalhados pela
cabeça crescem graças às células
mortas queratinizadas produzidas no
fundo do folículo; elas produzem
queratina, morrem e são achatadas
formando o cabelo. A cor dos pelos e
cabelos é determinada pela quantidade
de melanina produzida, quanto mais
pigmento houver mais escuro será o
cabelo.
Receptores Cutâneos
São ramificações de fibras nervosas,
algumas se encontram encapsuladas
formando corpúsculos, outras estão
soltas como as que se enrolam em
torno do folículo piloso. Possuem
função sensorial, sendo capazes de
receber estímulos mecânicos, de
pressão, de temperatura ou de dor. São
@enfcomk
eles: Corpúsculos de Ruffini,
Corpúsculos de Paccini, Bulbos de
Krause, Corpúsculos de Meissner,
Discos de Merkel, Terminais do Folículo
Piloso e Terminações Nervosas Livres.
Glândulas
(estrutura de uma glândula exócrina)
São exócrinas já que liberam suas
secreções para fora do corpo. As
glândulas sebáceas são bolsas que
secretam o sebo (substância oleosa)
junto aos folículos pilosos para
lubrificá-los. Já as glândulas sudoríparas
têm forma tubular enovelada e
secretam o suor (fluido corporal
constituído de água e íons de sódio,
potássio e cloreto, entre outros
elementos) através de poros na
superfície da pele. O suor ajuda a
controlar a temperatura corporal.
Referência
» JUNQUEIRA, L. C.; CARNEIRO, J.
Capítulo 18: Pele e Anexos. Histologia
Básica-9º Edição, 1999.
» GUEDES, A. C. M.; FURTADO, T. Pele e
anexos. BRASILEIRO FILHO G, 2011.
@enfcomk