A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
13 pág.
Desafios contemporânios 2

Pré-visualização | Página 1 de 4

· Pergunta 1
1 em 1 pontos
	
	
	
	“Um novo relatório, desta vez elaborado por especialistas de 27 academias de ciência europeias reunidas num conselho chamado Easac pinta com tintas ainda mais fortes o impacto que o aquecimento global provoca na saúde dos seres humanos. Para o futuro, segundo os cientistas, há de se esperar que as ondas de calor e as secas, cada vez mais intensas e frequentes, disseminem mais doenças transmitidas por mosquitos. E chegará a expandir problemas de saúde mental provocados pelo estresse de lidar com uma situação que absolutamente não é favorável a um bem-estar humano. [...]”
Fonte: G1 Portal de Notícias – Disponível em: https://g1.globo.com/natureza/blog/amelia-gonzalez/ post/2019/06/05/novo-estudo-mostra-que-mudancas-climaticas-ja-provocam-da nos-serios-a-saude-humana.ghtml
No trecho de reportagem acima, mais um estudo internacional sobre o aquecimento global é publicado, um alerta da comunidade científica para o caminho que o nosso planeta está tomando. Desta forma, pode-se entender como um fator de aumento para o aquecimento global:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
Aumento da emissão de gases estufa
	Resposta Correta:
	 
Aumento da emissão de gases estufa
	Comentário da resposta:
	Resposta correta: Aumento da emissão de gases estufa, trata-se de gases de emissão por processo natural, porém, com o aumento da produção industrial – queima de combustíveis fosseis, madeira, fabricação de cimento, em um aumento de emissão sustentando o modelo político e econômico que vivemos.
	
	
	
· Pergunta 2
1 em 1 pontos
	
	
	
	“A definição mais aceita para desenvolvimento sustentável é o desenvolvimento capaz de suprir as necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade de atender as necessidades das futuras gerações. É o desenvolvimento que não esgota os recursos para o futuro.”
Fonte: WWF Brasil. Desenvolvimento Sustentável. Disponível em: https://www.wwf.org .br/natureza_brasileira/questoes_ambientais/desenvolvimento_sustentavel/
 
Isto posto, pode ser entendido como uma opção para alcançar o desenvolvimento sustentável:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
Adoção de um modelo econômico justo, que objetive a preservação da natureza e de seus recursos para gerações vindouras.
	Resposta Correta:
	 
Adoção de um modelo econômico justo, que objetive a preservação da natureza e de seus recursos para gerações vindouras.
	Comentário da resposta:
	Resposta correta: Adoção de um modelo econômico justo, que objetive a preservação da natureza e de seus recursos para gerações vindouras – pois trata do objetivo central do desenvolvimento sustentável, de consumo consciente dos recursos naturais com os quais temos acesso.
	
	
	
· Pergunta 3
1 em 1 pontos
	
	
	
	[...] Entende-se que a poluição é resultado de todo impacto negativo causado pelo modo de produção e consumo da sociedade moderna, característica da indústria moderna. A possibilidade de ocorrência de poluição acidental por eventos não previstos, como derramamentos, vazamentos e emanações não controladas, assim como a contaminação ambiental por lançamentos industriais de gazes, material particulado, efluentes líquidos e resíduos sólidos, é particularmente crítica nas áreas que combinam indústria e baixa prevenção
Fonte: JURAS, 2015, p.51. Disponível em : http://www.emdialogo.uff.br/content/revol ucao-industrial-e-meio-ambiente-questoes-para-refletir
Com a necessidade de estabelecer um desenvolvimento sustentável, que respeite os limites da natureza, foram convencionados uma série de tratados, protocolos e estatutos internacionais para tal, como por exemplo:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
Protocolo de Kyoto.
	Resposta Correta:
	 
Protocolo de Kyoto.
	Comentário da resposta:
	Resposta Correta: Trata-se de um protocolo firmado em 1997 na cidade de Kyoto no Japão, com objetivo de redução dos gases causadores do efeito estufa, além, de fomentar entre os países membros medidas que reduzem a poluição, proteção de florestas e uso de fontes renováveis de energia.
	
	
	
· Pergunta 4
1 em 1 pontos
	
	
	
	“Quando em 1532 se organizou econômica e civilmente a sociedade brasileira, já foi depois de um século inteiro de contato dos portugueses com os trópicos; de demonstrada na índia e na África sua aptidão para a vida tropical. Mudado em São Vicente e em Pernambuco o rumo da colonização portuguesa do fácil, mercantil, para o agrícola; organizada a sociedade colonial sobre base mais sólida e em condições mais estáveis que na índia ou nas feitorias africanas, no Brasil é que se realizaria a prova definitiva daquela aptidão. A base, a agricultura; as condições, a estabilidade patriarcal da família, a regularidade do trabalho por meio da escravidão, a união do português com a mulher índia, incorporada assim à cultura econômica e social do invasor.”
Fonte: FREYRE, Gilberto. Casa Grande e Senzala. 42. ed. Rio de. Janeiro: Record, 2001
 
A obra Casa-Grande e Senzala, de Gilberto Freyre foi publicada originalmente em 1933, estabelecendo um contraste entre a arquitetura da casa grande e o modelo de organização social e política que foi instalada no Brasil e pode ser descrito como
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
patriarcal e escravocrata.
	Resposta Correta:
	 
patriarcal e escravocrata.
	Comentário da resposta:
	Reposta correta: O sistema patriarcal foi instituiu-se no Brasil no período colonial, na qual os homens dominavam famílias, empregados e aspectos políticos de uma sociedade, no caso da obra eram a representação típica da casa grande. Escravocrata pois era o modelo de relação social da época, da exploração da mão de obra de negros trazidos da África e vendidos como escravos no Brasil.
	
	
	
· Pergunta 5
1 em 1 pontos
	
	
	
	A consolidação da burguesia como classe deu-se conjuntamente com a diminuição da influência dos senhores feudais no período final da Idade Média, ainda no século XIV, quando uma epidemia de peste bubônica agravaria a já existente paralisação do mercado agrícola feudal. Antes atuante apenas nas cidades ou burgos – vocábulo latino em sua origem de onde veio seu nome -, a burguesia expandiria sua força econômica ao adquirir as terras que os grandes senhores já não tinham condições de manter. Paulatinamente, então, o eixo financeiro da Europa acabaria se alterando do campo para as cidades, que cresceriam de maneira substancial, juntamente com o comércio feito dentro de suas muralhas. Necessitando do pagamento de mais impostos para expandir a máquina administrativa dos reinos que se centralizavam politicamente, os reis se aliariam com a burguesia ao promover a economia mercantil; bastante importante, neste sentido, seria o incentivo feito à manutenção de rotas comerciais dentro e fora do continente europeu e à exploração colonial, especialmente nos reinos ibéricos. Apesar de toda a sua contribuição para fortificar os Estados Nacionais, entretanto, a burguesia continuaria subserviente à aristocracia, que fora cooptada e subjugada pelos monarcas. Apesar da importância crescente da classe para a economia europeia no início da era industrial, o Antigo Regime europeu apresentava constantes obstáculos para a expansão da produção.Fonte: PISSURNO. F.P. Burguesia. Disponível em: <https://www.infoescola.com/sociologia/burguesia/>. Acesso em: 09 jul. 2019.
Com o advento da modernidade, a burguesia foi angariando cada vez mais espaço na sociedade e na economia. Embora tivesse importância significativa, a burguesia ainda se via subserviente à aristocracia, sendo assim passaram a reivindicar:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	 
Maior participação na política.
	Resposta Correta:
	 
Maior participação na política.
	Comentário da resposta:
	Resposta correta: Cheios de dinheiro, os burgueses também buscavam maior participação e intervenção política nas cidades que residiam, ou seja, ansiavam por ampliação de sua cidadania.
	
	
	
· Pergunta 6
1 em 1 pontos
	
	
	
	[...] O conceito de Segurança Alimentar veio à luz a partir da 2ª Grande Guerra com mais de metade da Europa devastada e