A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
70 pág.
O Território Nacional espaço Brasileiro o modelo econômico brasileiro

Pré-visualização | Página 10 de 15

Sul tem, na pecuária, uma tradição que se iniciou com a colonização 
do Brasil.
2. Clima
O Brasil, por sua imensidão territorial, possui uma variedade de climas. Em um 
ano, em nosso território, experimentamos extremos de chuvas e aridez, além de on-
das de calor acima de 40 graus em várias localidades, seja no interior, ou no litoral e 
até neve nas serras, principalmente, de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná. 
É claro que, por estarmos situado em imensa maioria do território na faixa tropical 
do globo, somos, via de regra, um país de climas quentes e úmidos, com exceções.
O conteúdo deste livro eletrônico é licenciado para Nome do Concurseiro(a) - 000.000.000-00, vedada, por quaisquer meios e a qualquer título,
a sua reprodução, cópia, divulgação ou distribuição, sujeitando-se aos infratores à responsabilização civil e criminal.
http://www.grancursosonline.com.br
http://www.grancursosonline.com.br
46 de 70www.grancursosonline.com.br
GEOGRAFIA DO BRASIL
O Território Nacional; Espaço Brasileiro; O Modelo Econômico Brasileiro
Prof. Luis Felipe Ziriba
2.1. Os Climas do Brasil
Os microclimas do Brasil se baseiam na atuação das massas de ar 
nascidas em áreas extensas de características homogêneas. Variam de 
intensidade de acordo as estações do ano e podem ser apenas quentes ou frias, 
ou secas ou úmidas.
2.1.1. Equatorial
Característica: quente e úmido sem estação seca.
Gerado pela zona de convergência intertropical, que são os ventos úmidos 
conhecidos como alísios.
O conteúdo deste livro eletrônico é licenciado para Nome do Concurseiro(a) - 000.000.000-00, vedada, por quaisquer meios e a qualquer título,
a sua reprodução, cópia, divulgação ou distribuição, sujeitando-se aos infratores à responsabilização civil e criminal.
http://www.grancursosonline.com.br
http://www.grancursosonline.com.br
47 de 70www.grancursosonline.com.br
GEOGRAFIA DO BRASIL
O Território Nacional; Espaço Brasileiro; O Modelo Econômico Brasileiro
Prof. Luis Felipe Ziriba
Por ser um clima hermeticamente quente, ocorre uma baixa amplitude térmica anual.
Observar também a influência mais do que direta da massa equatorial continen-
tal (quente e úmida) formada na Amazônia brasileira.
2.1.2. Tropical Típico
Características:
•	 quente, via de regra, alternando entre estação úmida e seca. O período de 
chuvas se relaciona, principalmente, com a atuação expandida da Massa 
Equatorial Continental (mEc);
•	 baixa a média amplitude térmica anual;
•	 o período de seca está relacionado com a formação de uma zona de alta pressão.
Obs.:� tropical de altitude – temperaturas amenizadas pela altitude com ocor-
rência nas serras da região Sudeste.
O conteúdo deste livro eletrônico é licenciado para Nome do Concurseiro(a) - 000.000.000-00, vedada, por quaisquer meios e a qualquer título,
a sua reprodução, cópia, divulgação ou distribuição, sujeitando-se aos infratores à responsabilização civil e criminal.
http://www.grancursosonline.com.br
http://www.grancursosonline.com.br
48 de 70www.grancursosonline.com.br
GEOGRAFIA DO BRASIL
O Território Nacional; Espaço Brasileiro; O Modelo Econômico Brasileiro
Prof. Luis Felipe Ziriba
2.1.3. Tropical Litorâneo
Características: quente em alternação de estação chuvosa inversa a do clima 
tropical típico. No tropical litorâneo, as chuvas são abundantes entre abril e agosto, 
resultado do encontro de massas de características diferentes, a massa polar atlân-
tica (mPa) e massa tropical atlântica (mTa), formando instabilidade no inverno.
2.1.4. Semiárido
Características:
•	 quente e predominantemente seco, com estação chuvosa reduzida;
•	 nos estados de Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba e na parte sul do Rio 
Grande do Norte, uma componente orográfica (de relevo), o Planalto da Bor-
borema segura os ventos úmidos. É a chamado componente barlavento.
O semiárido se caracteriza por isoietas médias entre 800mm e 300mm, como 
em Cabaceiras, na Paraíba, a menor taxa no Brasil.
O conteúdo deste livro eletrônico é licenciado para Nome do Concurseiro(a) - 000.000.000-00, vedada, por quaisquer meios e a qualquer título,
a sua reprodução, cópia, divulgação ou distribuição, sujeitando-se aos infratores à responsabilização civil e criminal.
http://www.grancursosonline.com.br
http://www.grancursosonline.com.br
49 de 70www.grancursosonline.com.br
GEOGRAFIA DO BRASIL
O Território Nacional; Espaço Brasileiro; O Modelo Econômico Brasileiro
Prof. Luis Felipe Ziriba
2.1.5. Subtropical
Características:
•	 estações bem definidas e chuvas bem distribuídas no ano e praticamente sem 
estação seca;
•	 possui média a alta amplitude térmica anual. Em Porto Alegre, por exemplo, 
pode fazer facilmente 38 até 40 graus no verão e, no inverno, zero grau, além de 
que, num mesmo dia, grandes variações de temperatura também são normais.
É no clima subtropical no Brasil que são registradas as menores temperaturas 
no País e a maior parte da ocorrência de neve.
A transição entre verões quentes e invernos frios se deve à atuação da mPa 
(fria e úmida) no inverno e mTa (quente e úmida) no verão.
Obs.:� alguns materiais mais antigos de geografia do Brasil classificavam as áreas 
em clima subtropical como de clima temperado, mas está errado. Mesmo 
fazendo parte do regime temperado climático do globo, tais localidades 
ainda são definidas como de abrangência do clima subtropical.
3. Relevo
O que forma o relevo?
A formação de um relevo se deve a dois fatores: fatores endógenos, ou seja, 
ação de dentro da terra, como atividades tectônicas que vem e removem o solo por 
força interna ou vulcanismo; e agentes exógenos, de intemperismo, tais quais o 
vento, a chuva, água, gelo etc.
O conteúdo deste livro eletrônico é licenciado para Nome do Concurseiro(a) - 000.000.000-00, vedada, por quaisquer meios e a qualquer título,
a sua reprodução, cópia, divulgação ou distribuição, sujeitando-se aos infratores à responsabilização civil e criminal.
http://www.grancursosonline.com.br
http://www.grancursosonline.com.br
50 de 70www.grancursosonline.com.br
GEOGRAFIA DO BRASIL
O Território Nacional; Espaço Brasileiro; O Modelo Econômico Brasileiro
Prof. Luis Felipe Ziriba
Características importantes do relevo brasileiro:
•	 o território brasileiro se encontra em meio à placa tectônica sul-americana, 
em zona de estabilidade tectônica, portanto, nosso relevo não sofre ações 
constantes tectônicas;
•	 nosso relevo possui feições desgastadas de altimetrias baixas, visto que + de 
90% do território possui altitudes inferiores a 800 metros.
Vulcanismo: no Brasil, não existe nenhum vulcanismo ativo mesmo em tem-
pos geologicamente recentes. O território nacional não foi afetado por nenhuma 
atividade vulcânica durante os últimos 80 milhões de anos.
O vulcanismo mais recente foi o responsável pela formação de diversas ilhas do 
Atlântico brasileiro, como Fernando de Noronha, Trindade e Abrolhos.
Tectonismo: no Brasil, ocorrem em torno de 20 abalos sísmicos por ano com 
mais de 3,0 graus na Escala Richter. O mais forte foi no interior Mato Grosso (6,2 
em 1955) + Acre (mais alto número relativo), com reflexos de epicentros em áreas 
andinas + casos no interior da região Nordeste (relação com falhas geológicas) e 
Norte, MG (em Caraíbas, única morte no Brasil em 2007).
3.1. Os Macro Blocos Geológicos Brasileiros (Estruturas)
Os escudos cristalinos: conhecidos também como escudos cratônicos, são, na 
verdade, os maciços rochosos.
Área: compreendem 36% do território. São muito antigos, mas abrangem os 
dobramentos modernos também, como a Serra do Mar, no litoral sudeste.
Potencial econômico: formação de jazidas de minerais metálicos.
Os principais escudos cristalinos brasileiros: das Guianas e escudo brasilei-
ro, sendo que este último compreende os escudos atlântico + central e nordestino).
O conteúdo deste livro eletrônico é licenciado para Nome do Concurseiro(a) - 000.000.000-00, vedada, por quaisquer meios e a qualquer título,
a sua reprodução,