A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Setor de Produção - Recria

Pré-visualização | Página 1 de 2

Criação Animal – Jennifer Reis da Silva (@jenniferreis_vet) – É PROIBIDA A COMERCIALIZAÇÃO DESTE CONTEÚDO 
 
O setor de Recria compreende o momento 
em que a bezerra desmama até seu 
primeiro parto. Quando a bezerra alcança 
os parâmetros propostos pela propriedade, 
é destinada ao setor de Recria, onde passa 
uma longa fase, chegando até a 
maturidade sexual em que será inseminada 
e irá para o piquete de maternidade se 
tornando um animal de reposição das 
vacas em produção. 
É importante que esses animais cheguem a 
produzir cedo para que possam gerar 
lucros também para a fazenda. Logo, o 
primeiro objetivo dessa fase é antecipar a 
idade do primeiro parto. 
Diferente do setor de Cria, as fêmeas 
criadas em Recria são mantidas em 
piquetes 
 Garantir condições de manejo para 
que os animais tenham um ritmo de 
crescimento adequado, chegando na 
idade de parto dentro do tempo de 
meta estipulada pela empresa; 
 
 Desenvolver ao máximo a glândula 
mamária no período de puberdade 
determinando o potencial leiteiro 
dessa fêmea; 
 
 Garantir o melhoramento genético, 
para que seu potencial seja melhor do 
que o de sua mãe; 
 
 
O que determina a condição de mudança 
fisiológica é o peso alcançado para que 
venha demonstrar cio a primeira vez e 
também um peso específico para que haja 
inseminação e condições para gestar uma 
bezerra. 
Diferente dos machos, as fêmeas têm os 
gametas prontos já no nascimento faltando 
chegar a idade certa para sua maturação e 
liberação. Portanto, para ser eficiente as 
fêmeas devem chegar mais cedo na 
puberdade para, além de serem 
inseminadas mais cedo, comecem a ovular 
também mais cedo para aumentar sua 
vida útil na produção e não haja 
envelhecimento dos oócitos. 
Quando a vaca atinge cerca de 40 a 50% 
PV adulto da raça ela já apresenta cio a 
primeira vez, porém ainda não deve 
reproduzir em razão de ainda ser pequena 
e uma reprodução precoce pode interferir 
no desempenho do animal. 
Na recria temos 3 fases fisiológicas 
distintas: 
 Do desaleitamento à puberdade; 
 Da puberdade a maturidade sexual; 
 Da inseminação até o 1º parto. 
Do desaleitamento à puberdade é a fase de 
máximo crescimento. Já na puberdade 
devemos nos atentar a deposição de tecido 
adiposo que é muito comum nessa fase em 
Criação Animal – Jennifer Reis da Silva (@jenniferreis_vet) – É PROIBIDA A COMERCIALIZAÇÃO DESTE CONTEÚDO 
 
razão da ação dos hormônios, então a 
fêmea não pode ser obesa para que não 
haja deposição de gordura na glândula 
mamária limitando a produção de leite e 
tendo impacto negativo em seu 
desenvolvimento. 
A partir da inseminação, os animais podem 
consumir alimentação novamente já que os 
nutrientes serão para a matriz e para o 
feto. 
Numa determinada propriedade, a qual 
chamaremos de 1 a idade de desmame é 
de 82 dias, pesando 105kg portanto é 
nessa idade que as bezerras entrarão no 
setor de Recria. 
 
 
Com base nesses dados, podemos fazer um 
esquema de desempenho produtivo de 
fêmeas nessa fase. 
Vamos lá... 
Nessa propriedade, as bezerras desmamam 
com 82 dias pesando 105Kg, portanto 
corresponde a primeira marca do nosso 
esquema (D). 
Como vimos nos dados fornecidos, essa 
propriedade trabalha com meta de 2 anos 
(24 meses, sendo 720 dias) para o 
primeiro parto. Os dados também nos 
mostram que o peso adulto dos animais é 
de 600Kg e que os animais têm seu 
primeiro parto com média de 85% seu 
peso adulto, logo o peso será 510kg. 
Se sabemos que a fêmea pariu com 2 anos, 
alcançou sua maturidade sexual com 15 
meses já que a gestação de uma vaca dura 
9 meses, basta subtrairmos 9 meses dos 2 
anos nos dando o valor de 15 meses. Com 
base nos dados da propriedade, as fêmeas 
alcançam a maturidade sexual com 60% de 
seu peso adulto, logo 60% de 600kg é 
360kg que é o peso que a fêmea está ao 
ser inseminada pela primeira vez. 
O tempo que leva desde que o animal 
chega até alcançar maturidade sexual nesta 
propriedade é 368 dias, basta subtrairmos 
82 dias de 450 dias e chegaremos nesse 
resultado. O peso a ser ganho nesse período 
é 255kg, basta subtrairmos os 360kg que 
o animal pesa quando atinge sua 
maturidade sexual e subtrairmos 105kg 
que é o peso em que chega no setor de 
Recria. 
Para sabermos o peso diário que esse 
animal deve ganhar do momento em 
que chega no setor de Recria até sua 
maturidade sexual basta fazermos uma 
regra de 3. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Criação Animal – Jennifer Reis da Silva (@jenniferreis_vet) – É PROIBIDA A COMERCIALIZAÇÃO DESTE CONTEÚDO 
 
 
Concluímos então que o peso ganho é de 
0,700kg ou 700 gramas por dia. 
Nesta propriedade a idade de desmame 
dos animais é de 7 meses (210 dias) com 
100Kg, portanto, é nesta idade que os 
animais entrarão no setor de Recria. 
 
 
 
 
 
 
Nessa propriedade, os animais chegam com 
7 meses, correspondendo 210 dias 
pesando 100Kg. Como sabemos que o 
primeiro parto é com 4 anos, as novilhas 
emprenham com 39 meses (1170 dias) 
que é quando alcançam a maturidade 
sexual. 
Esses animais terão sua primeira cria 
com 4 anos, pesando 425kg que equivale 
a 85% do peso vivo adulto dos animais 
dessa propriedade que é 500kg. 
Para sabermos o ganho de peso total 
basta subtrairmos os 100kg dos 300 que 
corresponde ao peso dos animais ao 
chegarem na maturidade sexual. Logo 
teremos 200kg. Para saber o tempo 
decorrido para isso basta subtrairmos os 
210 dias dos 1170 dias que é quando as 
novilhas alcançam maturidade sexual. Com 
isso teremos 960 dias. 
Para calcularmos o peso diário é necessário 
fazermos uma regra de 3: 
 
 
 
 
Podemos concluir então que os animais 
dessa propriedade ganham 
aproximadamente 0,200kg por dia, ou 
200 gramas. 
 
Nesta propriedade, os animais chegam ao 
setor de Recria com 90 dias pesando 80kg. 
 
 
 
Aqui, os animais chegam aos 90 dias 
pesando 80kg e têm o primeiro parto com 
3 anos, pesando 467,5, que corresponde a 
Criação Animal – Jennifer Reis da Silva (@jenniferreis_vet) – É PROIBIDA A COMERCIALIZAÇÃO DESTE CONTEÚDO 
 
85%PV dos animais adultos que nessa 
propriedade tem 550Kg. A inseminação 
ocorre no 27º mês, que é quando as fêmeas 
alcançam a maturidade sexual com 330kg 
que corresponde a 60% do peso vivo dos 
animais adultos. Logo, o ganho de peso 
total desde o momento em que o animal 
chega no setor de Recria até alcançar a 
maturidade sexual será 250Kg em 720 
dias. 
Por fim, faremos a regra de 3 para 
descobrirmos o peso diário a ser ganho. 
desde a chegada no setor até a 
maturidade sexual. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Com base nos dados das propriedades, 
podemos concluir que o desempenho das 
bezerras tem muita influência na fase de 
Recria já que, se chegarem mais tarde na 
recria, chegarão mais tarde na maturidade 
sexual e, posteriormente para emprenhar 
impactando na vida produtiva das fêmeas 
e no início da produção leiteira que é o 
momento que as fêmeas participam da 
renda da propriedade em questão. 
Logo, na Recria deve haver um 
planejamento de desempenho necessário 
para garantir que tenham a taxa de ganho 
esperado na meta da propriedade. 
Vale ressaltar que na puberdade (40-50% 
do peso corporal adulto) os animais 
apresentam ciclos estrais férteis, porém são 
leves para que haja uma reprodução sem 
afetar seu crescimento, portando é 
recomendada a inseminação quando os 
animais alcançam a maturidade sexual 
(50-60% do peso corporal adulto, mais ou 
menos 14-16 meses de idade). 
 
Na tabela acima podemos observar o 
padrão de desenvolvimento de raças 
grandes, pequenas e mestiças. É possível 
avaliar o tempo para inseminação e 
também o tempo de parição padrões desses 
animais. 
Quando pensamos em eficiência, os 
extremos de ganho não são bem-vindos 
como crescimento abaixo de 0,350kg/dia e 
nem acima de 0,900kg/dia. 
Quando a fêmea ganha pouco peso,