Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
28 pág.
Registro de estoques e inventários do setor imobiliário

Pré-visualização | Página 1 de 4

Registro de estoques e inventários do 
setor imobiliário
APRESENTAÇÃO
A Contabilidade é uma ciência social aplicada, portanto, ela está em constante movimento para 
se adequar às necessidades que surgem na sociedade. No que tange às atividades imobiliárias, 
conta-se com uma legislação que tem como objetivo padronizar os processos e possibilitar, a 
todos os profissionais envolvidos, regras e procedimentos capazes de nortear a contabilização do 
patrimônio das entidades da área imobiliária. 
Ao apresentar uma legislação específica, a contabilidade das atividades imobiliárias demonstra, 
primeiramente, a importância destas para a economia nacional. Um segundo motivo que faz a 
contabilidade da atividade imobiliária demandar uma legislação especial é o fato de que esse 
setor tem muitas especificidades. Devido à necessidade de mão de obra extensiva, ao grande uso 
de insumos com valor agregado e às particularidades de venda das unidades construídas, se faz 
necessário regular a evidenciação, mensuração e contabilização do patrimônio dessas entidades. 
Nesta Unidade de Aprendizagem, você vai saber como ocorre o processo de registros de 
estoques e inventários do setor imobiliário. Também vai conhecer as necessidades em relação ao 
controle e à formação do estoque, bem como o tratamento contábil que essa atividade recebe. 
Bons estudos.
Ao final desta Unidade de Aprendizagem, você deve apresentar os seguintes aprendizados:
Listar a formação do estoque no setor imobiliário.•
Descrever o tratamento contábil aplicado aos estoques no setor imobiliário.•
Enumerar os procedimentos de inventário de estoque no setor imobiliário.•
DESAFIO
As demonstrações financeiras são importantes fontes de informação quando se 
busca compreender como ocorre a formação de estoque nas empresas do setor imobiliário. Elas 
podem fornecer informações sobre os aspectos das operações da empresa, bem como apresentar 
os componentes do estoque e seus respectivos significados.
Suponha que você é o profissional responsável pelo departamento contábil de uma grande 
empresa de construção e incorporação de capital aberto. Essa empresa precisa divulgar em suas 
demonstrações as informações de estoques disponíveis.
 
INFOGRÁFICO
O processo de elaboração das demonstrações financeiras nas empresas imobiliárias exige 
algumas particularidades. Entre elas, considera-se que a atividade em si tem algumas 
especificidades que precisam ser levadas em consideração no momento da mensuração dos 
estoques da atividade. 
Confira no Infográfico a seguir quais são os principais itens que impactam diretamente a 
atividade imobiliária e que, portanto, devem ser levados em consideração no momento da 
apuração dos saldos das contas das empresas desse setor. 
 
CONTEÚDO DO LIVRO
Conhecer o setor de incorporação imobiliária engloba entender como as empresas que adquirem 
um terreno com o objetivo de aliená-lo e/ou construir unidades imobiliárias e, posteriormente, 
comercializá-las lidam com seus estoques e realizam seu inventário.
No capítulo Registro de estoques e inventários do setor imobiliário, da obra Contabilidade 
setorial, você vai ver como essas empresas lidam com as especificidades do setor e como são 
formados os estoques nessa atividade. Também vai conhecer os principais itens do tratamento 
contábil aplicados ao setor e os procedimentos de inventário necessários.
Boa leitura.
CONTABILIDADE 
SETORIAL
Johny Henrique Magalhães Casado
Registro de estoques 
e inventários do 
setor imobiliário
Objetivos de aprendizagem
Ao final deste texto, você deve apresentar os seguintes aprendizados:
  Listar a formação do estoque no setor imobiliário.
  Descrever o tratamento contábil aplicado aos estoques no setor 
imobiliário.
  Enumerar os procedimentos de inventário de estoque no setor 
imobiliário.
Introdução
Devido às especificidades do setor imobiliário, alguns procedimentos 
devem ser realizados para o eficiente registro da conta contábil. Nas 
empresas de construção civil, os estoques são formados basicamente por 
três itens. O primeiro trata-se do almoxarifado, onde estão registrados 
todos os estoques dos itens utilizados pela empresa na construção das 
unidades mobiliárias. Já o segundo tipo de estoque trata-se dos imóveis 
prontos, que já podem ser disponibilizados para vendas. Por fim, o terceiro 
tipo refere-se aos imóveis que ainda se encontram em fase de construção. 
Como uma empresa do ramo imobiliário pode optar por vender o 
imóvel apenas quando ele estiver finalizado ou, ainda, durante a cons-
trução, é importante efetuar o correto lançamento desses imóveis em 
estoque, pois, assim, a empresa terá o seu patrimônio corretamente 
representado em suas demonstrações financeiras. 
Neste capítulo, você verá como é formado o estoque nas empresas 
do setor imobiliário. Além disso, conhecerá as principais especificidades 
do ramo imobiliário quanto ao registro de estoques em demonstrações 
contábeis. Por fim, conhecerá os procedimentos necessários para a cons-
tituição do inventário dos estoques nesse setor. 
1 Formação do estoque no setor imobiliário
Segundo Iudícibus et al. (2010, p. 72), os estoques são formados por “[...] 
bens tangíveis ou intangíveis adquiridos ou produzidos pela empresa com 
o objetivo de venda ou utilização própria no curso normal de suas ativida-
des”. Sendo assim, nas empresas do setor imobiliários, os estoques podem 
variar desde materiais que são utilizados na construção e nas reformas 
dos empreendimentos imobiliários até unidades em construção e unidades 
fi nalizadas para vendas. 
As empresas do setor imobiliário possuem diversas particularidades que 
devem ser observados no momento do controle e gestão dos seus estoques. 
Cabe ao profissional contábil a função de atentar para todos os requisitos que 
a lei impõe. Além disso, as empresas devem realizar o controle de estoque por 
meio do registro permanente de estoque.
Uma das especificidades do ramo imobiliário é que os custos oriundos dos 
imóveis em construção são sempre contabilizados na conta ativo circulante. No 
entanto, esses valores não são zerados ao fim do exercício, mas sim acumuladas, 
o que permite o acompanhamento da sua evolução, possibilitando comparar 
o valor orçado da obra com o valor executado (TEIXEIRA; PANTALEÃO; 
TEIXEIRA, 2012). 
No balanço patrimonial das empresas do setor imobiliário, a conta estoque 
é responsável por registrar “[...] os imóveis concluídos destinados à venda, ou 
seja, após a conclusão da obra, o saldo do grupo de conta obra em andamento 
referente àquela obra deve ser transferido para o grupo estoque de imóveis” 
(CHAVES, 2014, p. 145). 
Em relação aos estoques de materiais de construção, as empresas desse 
setor realizam os mesmos procedimentos de estoque que empresas de outros 
setores. É importante ressaltar que os estoques de materiais devem sempre 
ser avaliados pelo menor valor entre o custo médio de compras e os valores 
líquidos de realização, visto que, assim, no momento de sua apropriação, 
constará o valor correto da conta contábil. 
A Figura 1, a seguir, apresenta como a empresa MRV Engenharia e Par-
ticipações S.A. listou seus estoques em suas demonstrações publicadas em 
31 de dezembro de 2017.
Registro de estoques e inventários do setor imobiliário2
Figura 1. Estoques da empresa MRV Engenharia e Participações S.A. em 31 de dezembro 
de 2017 (em milhões de R$).
Fonte: MRV Engenharia e Participações S.A. (2017, documento on-line).
Por meio da análise da Figura 1, é possível observar que a empresa MRV 
Engenharia e Participações S.A. possui os três tipos de estoques apresentados 
anteriormente, os quais estão representados pelos seguintes saldos em suas 
contas contábeis:
  Imóveis em construção: R$ 1.127.916.000,00.
  Imóveis concluídos: R$ 68.695.000,00.
  Estoques de materiais: R$ 929.000,00.
É importante considerar que os terrenos que serão utilizados para a constru-
ção de futuras unidades para venda também compõem
Página1234