Bacterias_da_Microbiota_Norma_a_Patogenicidade

Bacterias_da_Microbiota_Norma_a_Patogenicidade


DisciplinaInfectologia1.233 materiais6.919 seguidores
Pré-visualização3 páginas
*
*
BACTÉRIAS: 
DA MICROBIOTA NORMAL 
A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes Lima
Microbiologia Clínica / Departamento de Farmácia/ Universidade Estadual da Paraíba
Farmacêutica formada pela UFPB/Mestre em Genética pela UFPB
Bacteriologista do Laboratório de Patologia Clínica HEMATO
zilkananeslima@gmail.com
*
*
 
MICROBIOLOGIA
Dedica-se ao estudo dos seres microscópicos, geralmente muito pequenos para serem observados a olho nu.
Nasceu da especulação humana sobre a origem da vida e sobre a fonte das doenças transmissíveis.
Classes de agentes infecciosos tradicionais: bactérias, fungos, parasitas e vírus.
O seu estudo está relacionado a Infectologia, Genética, Biologia Molecular, Farmacologia, Patologia, Imunologia e Semiologia.
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
 
GIROLAMO FRACASTORO 
Médico italiano em 1546 definiu que o contágio ocorria:
 1) Pelos contatos; 
	2) Através de fômites 
 ou objetos
 3) A distância 
 (através do ar).
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
POSTULADOS DE ROBERT KOCK
 (Descritos por volta de 1875)
Um microrganismo específico deve sempre está associado a uma doença
O microrganismo deve ser isolado e cultivado em cultura pura, em condições laboratoriais
A cultura pura do microrganismo produzirá a doença quando inoculada em animal susceptível
É possível recuperar o microrganismo inoculado do animal infectado experimentalmente
(Em 2009)
Nem todos os microrganismos estão
associados a doenças
Nem todos são isolados em culturas 
tradicionais
Nem todos produzem doenças em 
animais experimentais
Conseqüentemente nem todos são 
isolados de animais experimentais
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
 MICROBIOTA NORMAL 
O corpo humano é continuamente habitado por vários microrganismos diferentes, em sua maioria bactérias que, em condições normais e em um indivíduo sadio, são inofensivos e podem até ser benéficos.
Comensal: organismos que se alimentam juntos
Órgãos e sistemas internos são estéreis, incluindo o baço, o pâncreas, o fígado, a bexiga, o SNC e o sangue.
Récem-nascido sadio adquire sua microbiota normal a partir da alimentação e do ambiente, incluindo outros seres humanos.
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
MICROBIOTA NORMAL DO CORPO HUMANO (PELE)
Cocos Gram-positivos: 
 Staphylococcus aureus (comum)
 Staphylococcus epidermidis (proeminente)
 Streptococcus spp. (irregular) \u2013 S.pyogenes
Bacilos Gram-positivos:
 Corynebacterium spp. (++)
 Propionibacterium acnes
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
MICROBIOTA NORMAL DO CORPO HUMANO (CONJUNTIVA)
Cocos Gram-positivos: 
 Staphylococcus aureus (irregular )
 Staphylococcus epidermidis (comum)
 Streptococcus spp.(irregular)
Bacilos Gram-positivos: 
 Corynebacterium spp. (comum)
Cocos Gram-negativos:
	Moraxella e Neisseiria spp. (comum)
	Haemophillus spp. (irregular)
Bastonetes Gram-negativos:
	Escherichia coli (irregular)
	Proteus mirabilis (irregular)
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
MICROBIOTA NORMAL DO CORPO HUMANO (BOCA e FARINGE)
Cocos Gram-positivos: 
 Staphylococcus aureus (comum)
 Staphylococcus epidermidis (comum)
 Streptococcus spp.(proeminente)
	Enterococcus spp.(irregular) 
Bacilos Gram-positivos:
 Corynebacterium spp. (comum)
Cocos Gram-negativos:
	Neisseria ssp. (comum)
	Haemophillus spp. (irregular)
Bastonetes Gram-negativos: Pseudomonas aeruginosa (irregular), Escherichia coli (irregular) e Proteus mirabilis (irregular)
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
MICROBIOTA NORMAL DO CORPO HUMANO (INTESTINOS)
Bacilos Gram-negativos (principalmente Enterobactérias)
	Escherichia coli (proeminente)
	Proteus mirabilis (comum)
	Pseudomonas aeruginosa (comum) 
Bacilos Gram-positivos:
 Corynebacterium spp. (comum)
 Clostridium tetani (irregular)
Cocos Gram-positivos: 
 Staphylococcus aureus (proeminente)
 Staphylococcus epidermidis (comum)
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
MICROBIOTA NORMAL DO CORPO HUMANO (VAGINA)
Cocos Gram-positivos: 
 Staphylococcus spp. (comum) 
 Streptococcus spp. (comum)
 Enterococcus spp. (comum)
Bacilos Gram-positivos:
 Lactobacilos (proeminente)
Bacilos Gram-negativos:
Escherichia coli, Klebsiella spp. , Proteus mirabilis, 
Pseudomonas aeruginosa (comum)
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
MICROBIOTA NORMAL DO CORPO HUMANO (URETRA)
Cocos Gram-positivos: 
 Staphylococcus aureus (irregular)
 Staphylococcus epidermidis (proeminente)
 Streptococcus spp. (comum) 
Bacilos Gram-positivos:
 Corynebacterium spp. (comum)
 
Bacilos Gram-negativos:
	Escherichia coli (comum)
 Proteus mirabilis (comum)
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
PATOGENICIDADE (PELE) 
Staphylococcus epidermidis (colonização de ponta de cateter \u2192 sepse)
J. Pediatr. (Rio J.) vol.85 no.1 Porto Alegre Jan./Feb. 2009 / doi: 10.1590/S0021-75572009000100014  
Camila MarconiI; Maria de Lourdes Ribeiro de Souza da CunhaII; João C. LyraIII; Maria R. BentlinIV; Jackson E. N. BatalhaV; Maria Fátima SugizakiII; José E. CorrenteVI; Lígia M. S. S. RugoloIV 
Utilidade da cultura da ponta de cateter no diagnóstico de infecção neonatal 
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
PATOGENICIDADE (PELE) 
	 Staphylococcus aureus 
	 * Abscessos
* infecções de feridas operatórias
 * furúnculo \u2192
	
 Streptococcus pyogenes 
	 \u2190 * Escarlatina
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
PATOGENICIDADE (OCULAR) 
	
 Staphylococcus aureus 
 * conjutivite \u2192
	
 
			 Neisseria gonorrhoeae 
	 \u2190 * conjuntivite
BACTÉRIAS: DA MICROBIOTA NORMAL A PATOGENICIDADE
Professora Zilka Nanes (Universidade Estadual da Paraíba)
*
*
Arq. Bras. Oftalmol. vol.65 no.3 S\ufffdo Paulo June 2002
doi: 10.1590/S0004-27492002000300007  
Microbiota aeróbia conjuntival 
nas conjuntivites adenovirais   
Ocular flora in adenoviral conjunctivitis 
Eliane Mayumi Nakano / Denise de Freitas / Maria Cecília Zorat Yu / Lênio Souza Alvarenga / Ana Luisa Hofling- Lima
* A conjuntivite adenoviral causa uma modificação na microbiota conjuntival ocular e em sua vigência as culturas conjuntivais têm índice de positividade maior. Isto invalida
Rogério
Rogério fez um comentário
Propedeutica 1.
0 aprovações
Carregar mais