Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
MORFOLOGIA MACROSCÓPICA DOS PULMÕES E ESTRUTURAS ENVOLVIDAS NA VENTILAÇÃO E PERFUSÃO

Pré-visualização | Página 1 de 1

MORFOFISIOLOGIA MACROSCÓPICA DOS PULMÕES E ESTRUTURAS 
ENVOLVIDAS NA VENTILAÇÃO/PERFUSÃO 
 
 
Figura 1- detalhe da irrigação vascular pulmonar 
Na região do hilo do pulmão passam as principais estruturas formadoras da raiz 
pulmonar. 
Cada pedículo pulmonar corresponde a entrada dos brônquios principais; há 
também as artérias pulmonares direita e esquerda que resultam da bifurcação do 
tronco pulmonar; as veias pulmonares (duas para cada pulmão); artérias e veias 
brônquicas, além de vasos e nodos linfáticos e também os nervos do plexo pulmonar. 
Vascularização pulmonar funcional: relacionada com as trocas gasosas na 
interface alvéolos e vasos pulmonares. Estruturas relacionadas: tronco pulmonar e as 
duas artérias pulmonares (esquerda e direita). A artéria pulmonar esquerda passa bem 
ao lado do arco da aorta, já a artéria pulmonar direita fica posterior à aorta e às veias 
cavas, sendo que as duas artérias pulmonares possuem uma série de ramificações. A 
artéria pulmonar se ramifica dando origem as artérias lobares e depois as artérias 
segmentares. Já as arteríolas dão origens aos capilares que se associarão aos alvéolos 
permitindo as trocas gasosas. Após as trocas gasosas têm-se a drenagem venosa vindo 
dos segmentos em direção à região lobar até chegar às veias pulmonares, onde a 
principio as vênulas que acompanham as arteríolas passam a corresponder as veias 
segmentares, depois as veias lobares e por fim, as veias pulmonares. Lembrando que 
existem quatro veias pulmonares (duas para cada lateralizarão): veia pulmonar 
superior esquerda e direita e veia pulmonar inferior esquerda e direita. 
 
Figura 2- detalhe mostrando as artérias pulmonares 
 
Figura 3- detalhe mostrando as veias pulmonares 
 
Vascularização pulmonar nutridora: relacionada às artérias e veias (bronquiais) 
que drenam e irrigam todas as estruturas pulmonares: raiz do pulmão, tecidos de 
sustentação, o próprio tecido conjuntivo que envolve o pulmão, além da pleura 
visceral, pois a pleura parietal é irrigada juntamente com ossos e músculos da caixa 
torácica. 
 
 
Figura 4- detalhe mostrando as artérias bronquiais 
A artéria bronquial esquerda é uma ramificação direta da aorta descendente, já 
a artéria bronquial direita é uma ramificação vinda da artéria intercostal direita, que 
vem da própria artéria aorta descendente. 
 
 
Figura 5- detalhe mostrando as veias bronquiais 
As veias bronquiais drenam o interior dos pulmões, sendo que a veia ázigo 
antes de chegar à veia cava superior (VCS) recebe o sangue venoso vindo das veias 
bronquiais direita e esquerda. Nesse caso, as veias bronquiais direitas drenam 
diretamente para a veia ázigo e desta, o sangue segue para as VCS. Já as veias 
bronquiais esquerdas primeiramente drenam para a veia hemiázigo acessória, que 
então drena para veia ázigo, que segue para VCS. 
Artéria bronquial direita 
Artéria bronquial esquerda