A maior rede de estudos do Brasil

A linguagem e o pensamento da criança - Piaget

Alguém teria o capítulo "A medida da linguagem egocêntrica nos intercâmbios verbais com o adulto e os intercâmbios entre crianças." do livro A linguagem e o pensamento da criança - Piaget?


1 resposta(s)

User badge image

Jaqueline Moura

Há mais de um mês

Piaget desenvolveu:
- o método clínico de investigação das ideias infantis;
- foi o primeiro pesquisador a estudar sistematicamente a percepção e a lógica infantis, trazendo para seu objeto de estudo uma nova abordagem de amplitude e ousadia incomuns.
Centrou-se nas:
- caracterísitcas distintivas do pensamento das crianças, naquilo que elas têm, e não no que lhes falta (p. 11).
6. A concepção de Piaget do desenvolvimento do pensamento se baseia na premissa, extraída psicanálise, de que o pensamento infantil é original e naturalmente autístico, só se transformando em pensamento realista sob uma longa e persistente pressão social (p. 15).
Um pouco sobre Piaget
Sir Jean William Fritz Piaget (Neuchâtel, 9 de agosto de 1896 - Genebra, 16 de setembro de 1980) foi um epistemólogo suíço, considerado o um dos mais importantes pensadores do século XX. Defendeu uma abordagem interdisciplinar para a investigação epistemológicanota 1 e fundou a Epistemologia Genética, teoria do conhecimento com base no estudo da gênese psicológica do pensamento humano.1
Estudou inicialmente biologia na Universidade de Neuchâtel onde concluiu seu doutorado, e posteriormente se dedicou à área de Psicologia, Epistemologia e Educação. Foi professor de psicologia na Universidade de Genebra de 1929 a 1954, e tornou-se mundialmente reconhecido pela sua revolução epistemológica. Durante sua vida Piaget escreveu mais de cinqüenta livros e diversas centenas de artigos.
9. As influências a que os adultos submetem as crianças seriam assimiladas e fixariam-se a sua própria substância (p. 17).
8. Para Piaget, o egocentrismo estaria tão ligado a natureza psíquica da criança, que seria impenetrável a experiência (p. 17).
7. Segundo Piaget, a atividade lógica não é tudo o que existe para a inteligência (p. 16).
Pensamento serve à satisfação imediata antes de procurar a verdade (p. 16)
4. Piaget origina teorias com seus estudos, embora quisesse evitá-las (p. 13)
3. Seu livro foi uma compilação de fatos e documentos (p. 13).
Ponto forte de Piaget

Método Clínico: Revelar fatos novos, analisá-los exaustivamente e classificá-los. "Escutar a mensagem deles" (p. 13).
1. Uma criança não é um adulto em miniatura, assim como a sua mente não é a mente de um adulto em escala menor (p. 12)
2. Piaget se tém aos fatos (p. 12).
Cuida para não resvalar nos domínios correlatod da lógica, da teoria do conhecimento ou história da filosofia. Evita generalizações.
Inter-relação, objetividade - todo os traços característicos do pensamento infantil (p. 14) ? - Para Piaget, fazem parte de um todo ordenado, com uma lógica própria, ao redor de um fato unificador central.
Ideia de evolução de Piaget
Egocentrismo - pensamento infantil (p. 14)
Pensamento Dirigido (é social -> conforme se desenvolve é influenciado por leis da experiência e da lógica)
Pensamento Autístico
Realismo Intelectual
Sincretismo
Dificuldade em Compreender 
Relações
Piaget relaciona ao
estes outros traços:
Crise entre a teoria de Piaget e a psicologia - dualidade
Contradição entre matéria factual da ciência e suas premissas metodológicas e teóricas (p. 12).
Consciente - perseque objetivos que estão na mente daquele que pensa;
Inteligente - adaptado á realidade;
Suscetível de verdade e erro;
Pode ser comunicado por meio da linguagem
Não adaptado a realidade externa;
Tende a gratificar desejos, não a estabelecer verdades.
Individualista
Pensamento original e mais primitivo do pensamento.
Pensamento egocêntrico possui uma lógica especial entre essas duas formas contrastantes de pensamento (autismo e pensamento dirigido) (p. 15)
Já pssui algumas adaptações mentais características do pensamento adulto.
Piaget enfatiza mais os traços comuns entre o pensamento egocêntrico e o autismo ao longo de sua obra.
Todo este pensamento é pedra angular do edifício teórico de Piaget.
Partindo do ponto de vista genético, inicia-se da atividade (egocêntrica e egoísta) da criança para entender seu pensar
7, 8 anos: Instinto social começa a se desenvolver.
Até 7,8 anos Piaget vê o egocentrismo como dominante.
Depois dos 7,8 anos, o egocentrismo persiste na área abstrata do pensamento puramente verbal.

Piaget desenvolveu:
- o método clínico de investigação das ideias infantis;
- foi o primeiro pesquisador a estudar sistematicamente a percepção e a lógica infantis, trazendo para seu objeto de estudo uma nova abordagem de amplitude e ousadia incomuns.
Centrou-se nas:
- caracterísitcas distintivas do pensamento das crianças, naquilo que elas têm, e não no que lhes falta (p. 11).
6. A concepção de Piaget do desenvolvimento do pensamento se baseia na premissa, extraída psicanálise, de que o pensamento infantil é original e naturalmente autístico, só se transformando em pensamento realista sob uma longa e persistente pressão social (p. 15).
Um pouco sobre Piaget
Sir Jean William Fritz Piaget (Neuchâtel, 9 de agosto de 1896 - Genebra, 16 de setembro de 1980) foi um epistemólogo suíço, considerado o um dos mais importantes pensadores do século XX. Defendeu uma abordagem interdisciplinar para a investigação epistemológicanota 1 e fundou a Epistemologia Genética, teoria do conhecimento com base no estudo da gênese psicológica do pensamento humano.1
Estudou inicialmente biologia na Universidade de Neuchâtel onde concluiu seu doutorado, e posteriormente se dedicou à área de Psicologia, Epistemologia e Educação. Foi professor de psicologia na Universidade de Genebra de 1929 a 1954, e tornou-se mundialmente reconhecido pela sua revolução epistemológica. Durante sua vida Piaget escreveu mais de cinqüenta livros e diversas centenas de artigos.
9. As influências a que os adultos submetem as crianças seriam assimiladas e fixariam-se a sua própria substância (p. 17).
8. Para Piaget, o egocentrismo estaria tão ligado a natureza psíquica da criança, que seria impenetrável a experiência (p. 17).
7. Segundo Piaget, a atividade lógica não é tudo o que existe para a inteligência (p. 16).
Pensamento serve à satisfação imediata antes de procurar a verdade (p. 16)
4. Piaget origina teorias com seus estudos, embora quisesse evitá-las (p. 13)
3. Seu livro foi uma compilação de fatos e documentos (p. 13).
Ponto forte de Piaget

Método Clínico: Revelar fatos novos, analisá-los exaustivamente e classificá-los. "Escutar a mensagem deles" (p. 13).
1. Uma criança não é um adulto em miniatura, assim como a sua mente não é a mente de um adulto em escala menor (p. 12)
2. Piaget se tém aos fatos (p. 12).
Cuida para não resvalar nos domínios correlatod da lógica, da teoria do conhecimento ou história da filosofia. Evita generalizações.
Inter-relação, objetividade - todo os traços característicos do pensamento infantil (p. 14) ? - Para Piaget, fazem parte de um todo ordenado, com uma lógica própria, ao redor de um fato unificador central.
Ideia de evolução de Piaget
Egocentrismo - pensamento infantil (p. 14)
Pensamento Dirigido (é social -> conforme se desenvolve é influenciado por leis da experiência e da lógica)
Pensamento Autístico
Realismo Intelectual
Sincretismo
Dificuldade em Compreender 
Relações
Piaget relaciona ao
estes outros traços:
Crise entre a teoria de Piaget e a psicologia - dualidade
Contradição entre matéria factual da ciência e suas premissas metodológicas e teóricas (p. 12).
Consciente - perseque objetivos que estão na mente daquele que pensa;
Inteligente - adaptado á realidade;
Suscetível de verdade e erro;
Pode ser comunicado por meio da linguagem
Não adaptado a realidade externa;
Tende a gratificar desejos, não a estabelecer verdades.
Individualista
Pensamento original e mais primitivo do pensamento.
Pensamento egocêntrico possui uma lógica especial entre essas duas formas contrastantes de pensamento (autismo e pensamento dirigido) (p. 15)
Já pssui algumas adaptações mentais características do pensamento adulto.
Piaget enfatiza mais os traços comuns entre o pensamento egocêntrico e o autismo ao longo de sua obra.
Todo este pensamento é pedra angular do edifício teórico de Piaget.
Partindo do ponto de vista genético, inicia-se da atividade (egocêntrica e egoísta) da criança para entender seu pensar
7, 8 anos: Instinto social começa a se desenvolver.
Até 7,8 anos Piaget vê o egocentrismo como dominante.
Depois dos 7,8 anos, o egocentrismo persiste na área abstrata do pensamento puramente verbal.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes