A maior rede de estudos do Brasil

requesitos para crimes hediondos?

Direito Penal II

ESTÁCIO


2 resposta(s)

User badge image

Fazendo Direito

Há mais de um mês

Crime hediondo é todo aquele cometido com crueldade, sem piedade pelo sofrimento alheio, com sofrimento desnecessário e desproporcional à conduta da vítima em face de seu algoz. Não há "requisitos" para crime hediondo, mas a lei 8.072/90 os define de maneira clara.

Crime hediondo é todo aquele cometido com crueldade, sem piedade pelo sofrimento alheio, com sofrimento desnecessário e desproporcional à conduta da vítima em face de seu algoz. Não há "requisitos" para crime hediondo, mas a lei 8.072/90 os define de maneira clara.

User badge image

Fazendo Direito

Há mais de um mês

São considerados crimes hediondos:

  • homicídio, quando praticado em atividade típica de grupo de extermínio, ainda que cometido por um só agente (art. 121 do CP);
  • homicídio qualificado (art. 121, § 2º, I, II, III, IV, V, VI e VII do CP);
  • lesão corporal dolosa de natureza gravíssima e lesão corporal seguida de morte, quando praticadas contra autoridade ou agente descito nos arts. 142 e 144 da CF, integrantes do sistema prisional e da Força Nacional de Segurança Pública, no exercício da função ou em decorrência dela, ou contra seu cônjuge, companheiro ou parente consanguíneo até terceiro grau, em razão dessa condição;
  • latrocínio (art. 157, § 3º, do CP);
  • extorsão qualificada pela morte (art. 158, § 2º, do CP);
  • extorsão mediante sequestro e na forma qualificada (art. 159, caput, e §§ 1º, 2º e 3º, do CP);
  • estupro (art. 213, caput e §§ 1º e 2º, do CP);
  • estupro de vulnerável (art. 217-A, caput e §§ 1º, 2º, 3º e 4º, do CP);
  • epidemia com resultado morte (art. 267, § 1º, do CP);
  • falsificação, corrupção, adulteração ou alteração de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais (art. 273, caput e § 1º, §1º-A, § 1º-B, do CP);
  • favorecimento da prostituição ou de outra forma de exploração sexual de criança ou adolescente ou de vulnerável;
  • genocídio (arts. 1º, 2º e 3º da Lei 2.889/56);
  • posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito (art. 16 da Lei 10.826).

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes