Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Qual a definição de liberalismo?


4 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

RD Resoluções Verified user icon

Há mais de um mês

CONTEXTUALIZAÇÃO

O liberalismo foi um conjunto de ideias que se expandiu a partir do século XVIII em oposição às ideias tradicionais e aos aspectos econômico, político e sociais que correspondem ao regime mercantilista e ao grande poder do Estado. Foi um conjunto de ideias que filósofos, pensadores, políticos e economistas tomaram como válidas, como é o caso de John Locke, considerado um dos pais do liberalismo político, e de Adam Smith, considerado um dos país do liberalismo econômico.


RESOLUÇÃO

O liberalismo é um agrupamento de ideias em que há a predominância da aspiração pela liberdade de ação dos indivíduos e pela igualdade de tratamento entre os indivíduos segundo as leis. Essas ideias estiveram presentes em movimentos políticos que fizeram parte do Iluminismo, tendo sido aderidas por inúmeros autores. Posteriormente, as ideias vinculadas ao liberalismo fizeram parte de movimentos revolucionários, caso da Revolução Gloriosa, o movimento de Independência dos EUA e a Revolução Francesa. O liberalismo é considerado como sendo uma das bases da democracia moderna por apresentar distintas ideias. São elas: negação da base religiosa da existência humana, o grande papel da racionalidade no pensamento humano e em suas ações, o grande papel da propriedade privadas nos meios de produção numa sociedade liberal, o fato de que o homem possui um direito natural de ter liberdade, a grande importância da divisão do trabalho nas estruturas produtivas para impactar no crescimento dos mercados, a importância do livre-mercado, da livre concorrência para a evolução das trocas comerciais, e demais ideias que faziam oposição ao Mercantilismo, até então predominante.


CONCLUSÃO

O Liberalismo foi um conjunto de ideias que se expandiu a partir do iluminismo e criou grande parte das bases revolucionárias de movimentos como a Revolução Francesa e outras Revoluções Burguesas. John Loche e Adam Smith contribuíram, respectivamente, para a elaboração das ideias políticas e econômicas do movimento, cada um da sua maneira, no seu devido tempo; e contribuíram também para criar sólidas bases para as revoluções que ocorreram séculos depois.


CONTEXTUALIZAÇÃO

O liberalismo foi um conjunto de ideias que se expandiu a partir do século XVIII em oposição às ideias tradicionais e aos aspectos econômico, político e sociais que correspondem ao regime mercantilista e ao grande poder do Estado. Foi um conjunto de ideias que filósofos, pensadores, políticos e economistas tomaram como válidas, como é o caso de John Locke, considerado um dos pais do liberalismo político, e de Adam Smith, considerado um dos país do liberalismo econômico.


RESOLUÇÃO

O liberalismo é um agrupamento de ideias em que há a predominância da aspiração pela liberdade de ação dos indivíduos e pela igualdade de tratamento entre os indivíduos segundo as leis. Essas ideias estiveram presentes em movimentos políticos que fizeram parte do Iluminismo, tendo sido aderidas por inúmeros autores. Posteriormente, as ideias vinculadas ao liberalismo fizeram parte de movimentos revolucionários, caso da Revolução Gloriosa, o movimento de Independência dos EUA e a Revolução Francesa. O liberalismo é considerado como sendo uma das bases da democracia moderna por apresentar distintas ideias. São elas: negação da base religiosa da existência humana, o grande papel da racionalidade no pensamento humano e em suas ações, o grande papel da propriedade privadas nos meios de produção numa sociedade liberal, o fato de que o homem possui um direito natural de ter liberdade, a grande importância da divisão do trabalho nas estruturas produtivas para impactar no crescimento dos mercados, a importância do livre-mercado, da livre concorrência para a evolução das trocas comerciais, e demais ideias que faziam oposição ao Mercantilismo, até então predominante.


CONCLUSÃO

O Liberalismo foi um conjunto de ideias que se expandiu a partir do iluminismo e criou grande parte das bases revolucionárias de movimentos como a Revolução Francesa e outras Revoluções Burguesas. John Loche e Adam Smith contribuíram, respectivamente, para a elaboração das ideias políticas e econômicas do movimento, cada um da sua maneira, no seu devido tempo; e contribuíram também para criar sólidas bases para as revoluções que ocorreram séculos depois.


User badge image

Antônio Sidney da Silva

Há mais de um mês

Indico estes dois artigos:

http://circuloliberal.org/livros/liberalismo.pdf 

http://dagobah.com.br/wp-content/uploads/2017/06/STEWART-Donald-Jr-1988-O-que-%C3%A9-liberalismo.pdf

User badge image

Andre Smaira

Há mais de um mês

CONTEXTUALIZAÇÃO

O liberalismo foi um conjunto de ideias que se expandiu a partir do século XVIII em oposição às ideias tradicionais e aos aspectos econômico, político e sociais que correspondem ao regime mercantilista e ao grande poder do Estado. Foi um conjunto de ideias que filósofos, pensadores, políticos e economistas tomaram como válidas, como é o caso de John Locke, considerado um dos pais do liberalismo político, e de Adam Smith, considerado um dos país do liberalismo econômico.


RESOLUÇÃO

O liberalismo é um agrupamento de ideias em que há a predominância da aspiração pela liberdade de ação dos indivíduos e pela igualdade de tratamento entre os indivíduos segundo as leis. Essas ideias estiveram presentes em movimentos políticos que fizeram parte do Iluminismo, tendo sido aderidas por inúmeros autores. Posteriormente, as ideias vinculadas ao liberalismo fizeram parte de movimentos revolucionários, caso da Revolução Gloriosa, o movimento de Independência dos EUA e a Revolução Francesa. O liberalismo é considerado como sendo uma das bases da democracia moderna por apresentar distintas ideias. São elas: negação da base religiosa da existência humana, o grande papel da racionalidade no pensamento humano e em suas ações, o grande papel da propriedade privadas nos meios de produção numa sociedade liberal, o fato de que o homem possui um direito natural de ter liberdade, a grande importância da divisão do trabalho nas estruturas produtivas para impactar no crescimento dos mercados, a importância do livre-mercado, da livre concorrência para a evolução das trocas comerciais, e demais ideias que faziam oposição ao Mercantilismo, até então predominante.


CONCLUSÃO

O Liberalismo foi um conjunto de ideias que se expandiu a partir do iluminismo e criou grande parte das bases revolucionárias de movimentos como a Revolução Francesa e outras Revoluções Burguesas. John Loche e Adam Smith contribuíram, respectivamente, para a elaboração das ideias políticas e econômicas do movimento, cada um da sua maneira, no seu devido tempo; e contribuíram também para criar sólidas bases para as revoluções que ocorreram séculos depois.


User badge image

Andre Smaira

Há mais de um mês

CONTEXTUALIZAÇÃO

O liberalismo foi um conjunto de ideias que se expandiu a partir do século XVIII em oposição às ideias tradicionais e aos aspectos econômico, político e sociais que correspondem ao regime mercantilista e ao grande poder do Estado. Foi um conjunto de ideias que filósofos, pensadores, políticos e economistas tomaram como válidas, como é o caso de John Locke, considerado um dos pais do liberalismo político, e de Adam Smith, considerado um dos país do liberalismo econômico.


RESOLUÇÃO

O liberalismo é um agrupamento de ideias em que há a predominância da aspiração pela liberdade de ação dos indivíduos e pela igualdade de tratamento entre os indivíduos segundo as leis. Essas ideias estiveram presentes em movimentos políticos que fizeram parte do Iluminismo, tendo sido aderidas por inúmeros autores. Posteriormente, as ideias vinculadas ao liberalismo fizeram parte de movimentos revolucionários, caso da Revolução Gloriosa, o movimento de Independência dos EUA e a Revolução Francesa. O liberalismo é considerado como sendo uma das bases da democracia moderna por apresentar distintas ideias. São elas: negação da base religiosa da existência humana, o grande papel da racionalidade no pensamento humano e em suas ações, o grande papel da propriedade privadas nos meios de produção numa sociedade liberal, o fato de que o homem possui um direito natural de ter liberdade, a grande importância da divisão do trabalho nas estruturas produtivas para impactar no crescimento dos mercados, a importância do livre-mercado, da livre concorrência para a evolução das trocas comerciais, e demais ideias que faziam oposição ao Mercantilismo, até então predominante.


CONCLUSÃO

O Liberalismo foi um conjunto de ideias que se expandiu a partir do iluminismo e criou grande parte das bases revolucionárias de movimentos como a Revolução Francesa e outras Revoluções Burguesas. John Loche e Adam Smith contribuíram, respectivamente, para a elaboração das ideias políticas e econômicas do movimento, cada um da sua maneira, no seu devido tempo; e contribuíram também para criar sólidas bases para as revoluções que ocorreram séculos depois.


Essa pergunta já foi respondida!