A maior rede de estudos do Brasil

O que é uma hemoglobina glicada e qual sua relação com a diabetes?


3 resposta(s) - Contém resposta de Especialista

User badge image

Leilane Lopes Verified user icon

Há mais de um mês

O termo genérico “hemoglobina glicada” refere-se a um conjunto de substâncias formadas com base em reações entre a hemoglobina A (HbA) e alguns açúcares. O termo “hemoglobina glicosilada” tem sido erroneamente utilizado como sinônimo de hemoglobina glicada. O processo de “glicação” de proteínas envolve uma ligação não enzimática e permanente com açúcares redutores como a glicose, ao contrário do processo de “glicosilação”, que envolve uma ligação enzimática e instável. Essa ligação é potencializada quanto mais glicose tem livre na corrente sanguínea. Em pessoas com diabetes, por conta da grande quantidade de glicose disponível na corrente sanguínea, assim como muitas quantidades de corpos cetonicos. Por esse motivo, quanto mais glicose disponível, mais a hemoglobina presente na membrana das hemácias irá ser glicada. Assim ela se torna um indicador para a diabetes, no entanto ela não deve ser considerada como unica forma de diagnostico para a diabetes. 

O termo genérico “hemoglobina glicada” refere-se a um conjunto de substâncias formadas com base em reações entre a hemoglobina A (HbA) e alguns açúcares. O termo “hemoglobina glicosilada” tem sido erroneamente utilizado como sinônimo de hemoglobina glicada. O processo de “glicação” de proteínas envolve uma ligação não enzimática e permanente com açúcares redutores como a glicose, ao contrário do processo de “glicosilação”, que envolve uma ligação enzimática e instável. Essa ligação é potencializada quanto mais glicose tem livre na corrente sanguínea. Em pessoas com diabetes, por conta da grande quantidade de glicose disponível na corrente sanguínea, assim como muitas quantidades de corpos cetonicos. Por esse motivo, quanto mais glicose disponível, mais a hemoglobina presente na membrana das hemácias irá ser glicada. Assim ela se torna um indicador para a diabetes, no entanto ela não deve ser considerada como unica forma de diagnostico para a diabetes. 

User badge image

Felipe Andrade

Há mais de um mês

A hemoglobina glicada é formada a partir de reações entre a hemoglobina e a glicose quando a hemoglobina é exposta a niveis elevados de glicose. Ela é importante na indentificação de altos níveis de açucar no sangue já que se as concentrações de açucar estiverem altas, maior será a quantidade de hemglobina glicada. Em um indivíduo diabético, você pode ter ou deficiência na produção de insulina (diabetes tipo 1) ou uma resistência insulínica pelas  células (diabetes tipo 2), em ambos os casos a falta de insulina ou resistência fará com que não haja a realocação de transportadores de glicose na membrana das celulas (GLUT2) o que acarretará em níveis altos de glicose no sangue favorecendo então o aumento nos níveis de hemoglobina glicada.

User badge image

Marinalva Veras

Há mais de um mês

O exame de hemoglobina glicada analisa o nível de hemoglobinas que sofreram glicação na corrente sanguínea, esse exame auxilia no controle e diagnóstico da diabetes, é um exame simples porém o resultado de extrema importância, estabelece por exemplo uma média da glicose da paciente no período dos últimos três meses.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos especialistas