Segundo Sacristán (2000), numa concepção sobre currículo como realidade social construída no próprio processo de seu desenvolvimento, no qual

Segundo Sacristán (2000), numa concepção sobre currículo como realidade
social construída no próprio processo de seu desenvolvimento, no qual entrecruzam
subsistemas tão diferentes, é preciso ver o papel dos professores como mediadores
pedagógicos nesse processo de construção, ao mesmo tempo que são instrumentos
através dos quais se “filtram” em tal processo todos os condicionamentos culturais e
profissionais que o professor dá para a mediação que realiza. Diante disso, podemos
reafirmar que:

Disciplina:Currículo: Teoria e Prática1.519 materiais