A maior rede de estudos do Brasil

Qual a diferença de laminação a frio e a laminação a quente?


2 resposta(s)

User badge image

matheus matheus

Há mais de um mês

http://www.galvaminas.com.br/blog/chapas-de-aco-laminadas-frio-quente/

 

Chapa laminada a quente

As chapas de acho laminadas a quente são fabricadas a alta temperatura, acima de 900ºC. Elas são produzidas através da laminação de placas no LTQ (Laminador de Tiras a Quente), resultando as bobinas laminadas a quente. Depois dessa fase ela passa por um processo chamado desbobinamento, onde as chapas são cortadas transversalmente e saem prontas.

A medida exata para o cliente é feita no processo de desbobinamento e irá variar de acordo com as especificações do uso final. A espessura também pode ser diferente entre uma peça e outra. As chapas de aço laminadas a quente são indicadas para:

– Rodas;

– Pisos (Chapa Xadrez);

– Longarinas;

– Tubos metálicos;

– Fabricação de autopeças;

– Móveis, etc.

 

Chapa laminada a frio

Ao contrário da anterior, as chapas laminadas a frio são produzidas em uma temperatura abaixo de 100°C. As bobinas são obtidas através da laminação de placas no LTF (Laminador de Tiras a Frio), usando como matéria-prima as bobinas laminadas a quente. Mesmo sendo originada pelas produzidas em altas temperaturas, as suas aplicações são diferentes.

As chapas de aço laminadas a frio são resistentes, maleáveis e possuem um acabamento diferenciado. Por essas razões são aplicadas na produção de:

– Eletrodomésticos (linha branca);

– Indústria automobilística;

– Esquadrias;

– Construção civil, entre outros.

http://www.galvaminas.com.br/blog/chapas-de-aco-laminadas-frio-quente/

 

Chapa laminada a quente

As chapas de acho laminadas a quente são fabricadas a alta temperatura, acima de 900ºC. Elas são produzidas através da laminação de placas no LTQ (Laminador de Tiras a Quente), resultando as bobinas laminadas a quente. Depois dessa fase ela passa por um processo chamado desbobinamento, onde as chapas são cortadas transversalmente e saem prontas.

A medida exata para o cliente é feita no processo de desbobinamento e irá variar de acordo com as especificações do uso final. A espessura também pode ser diferente entre uma peça e outra. As chapas de aço laminadas a quente são indicadas para:

– Rodas;

– Pisos (Chapa Xadrez);

– Longarinas;

– Tubos metálicos;

– Fabricação de autopeças;

– Móveis, etc.

 

Chapa laminada a frio

Ao contrário da anterior, as chapas laminadas a frio são produzidas em uma temperatura abaixo de 100°C. As bobinas são obtidas através da laminação de placas no LTF (Laminador de Tiras a Frio), usando como matéria-prima as bobinas laminadas a quente. Mesmo sendo originada pelas produzidas em altas temperaturas, as suas aplicações são diferentes.

As chapas de aço laminadas a frio são resistentes, maleáveis e possuem um acabamento diferenciado. Por essas razões são aplicadas na produção de:

– Eletrodomésticos (linha branca);

– Indústria automobilística;

– Esquadrias;

– Construção civil, entre outros.

User badge image

Pérpetua Pereira

Há mais de um mês

LAMINAÇÃO A FRIO

O aço laminado a frio acontece quando a laminação do aço é feita na temperatura ambiente ou próxima a ela. Esse tipo de laminação envolvem bobinas laminadas planas e produtos laminados. Nesse tipo, há mais processamento do aço do que na laminação a quente, isto porque é necessária mais pressão para tomar forma.

Além de melhorar as propriedades mecânicas do produto acabado por meio do endurecimento a laminação a frio tem o efeito adicional de reforçar o material. Isso garante que o produto tenha uma dimensão mais precisa, quando comparado ao processo de laminação a quente.

Outra característica é que o aço laminado a frio é bem menos maleável que o laminado a quente, o que causa uma limitação do seu formato. Seu uso é frequente quando é necessária uma superfície com acabamento melhor.


LAMINAÇÃO A QUENTE

Como o próprio nome já indica, o aço laminado a quente é um processo que envolve a laminação com altas temperaturas, acima da recristalização para a maioria dos aços. Isso faz com que o material seja mais fácil para trabalhar e se formar. Mas, o aço laminado a quente tem menos resistência quando comparado a laminação a frio.

Esse tipo de laminação também confere ao material o acabamento tolerância mais frouxas do que os aços laminados a frio, o que também o torna acabado livre de tensões internas que podem surgir durante os processos de endurecimento ou têmpera.

Por ser mais maleável, o aço laminado a quente pode ser fundido em vários formatos diferentes, por isso é uma boa escolha para componentes estruturais e chapas metálicas.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes