A maior rede de estudos do Brasil

QUAIS SÃO EFEITOS JURIDICOS DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS DE PRIMEIRA GERAÇÃO ?


3 resposta(s)

User badge image

João Pedro Dourado

Há mais de um mês

As características dos direitos fundamentais são consideradas princípios norteadores, pois antecedem qualquer ordenamento jurídico. São elas:

 

 

1- UNIVERSALIDADE

 

Os direitos fundamentais são dirigidos a todo ser humano, sem restrições, independentemente de sua raça, credo, nacionalidade ou convicção política.

 

 

2- IMPRESCRITIBILIDADE

 

Os direitos fundamentais não estão sujeitos à prescrição, ou seja, não se perdem com o decorrer do tempo. Entretanto, há direitos que podem ser prescritos, como é o caso da propriedade que poderá ser atingida pela usucapião quando não exercida.

 

Por não estarem sujeitos à prescrição, os direitos fundamentais podem ser agregados a outros direitos, sem que isso os afete de qualquer forma, não permitindo que os direitos já adquiridos sejam prejudicados ou eliminados.

 

 

As características dos direitos fundamentais são consideradas princípios norteadores, pois antecedem qualquer ordenamento jurídico. São elas:

 

 

1- UNIVERSALIDADE

 

Os direitos fundamentais são dirigidos a todo ser humano, sem restrições, independentemente de sua raça, credo, nacionalidade ou convicção política.

 

 

2- IMPRESCRITIBILIDADE

 

Os direitos fundamentais não estão sujeitos à prescrição, ou seja, não se perdem com o decorrer do tempo. Entretanto, há direitos que podem ser prescritos, como é o caso da propriedade que poderá ser atingida pela usucapião quando não exercida.

 

Por não estarem sujeitos à prescrição, os direitos fundamentais podem ser agregados a outros direitos, sem que isso os afete de qualquer forma, não permitindo que os direitos já adquiridos sejam prejudicados ou eliminados.

 

 

User badge image

Rodrigo Cruz

Há mais de um mês

As características dos direitos fundamentais são consideradas princípios norteadores, pois antecedem qualquer ordenamento jurídico. São elas:

 

 

1- UNIVERSALIDADE

 

Os direitos fundamentais são dirigidos a todo ser humano, sem restrições, independentemente de sua raça, credo, nacionalidade ou convicção política.

 

 

2- IMPRESCRITIBILIDADE

 

Os direitos fundamentais não estão sujeitos à prescrição, ou seja, não se perdem com o decorrer do tempo. Entretanto, há direitos que podem ser prescritos, como é o caso da propriedade que poderá ser atingida pela usucapião quando não exercida.

 

Por não estarem sujeitos à prescrição, os direitos fundamentais podem ser agregados a outros direitos, sem que isso os afete de qualquer forma, não permitindo que os direitos já adquiridos sejam prejudicados ou eliminados.

User badge image

Júnior Oliveira

Há mais de um mês

Os direitos fundamentais de primeira geração (ou de primeira dimensão), surgidos entre os séculos XVII e XVIII, foram os primeiros reconhecidos pelos textos constitucionais no mundo. À época, o Estado era visto como o principal opressor das liberdades e garantias individuais. Por essa razão, os chamados direitos fundamentais de primeira geração visam à proteção dos direitos humanos do indivíduo de caráter negativo, por exigirem uma abstenção direta do seu principal destinatário, que é o Estado.

Nesse cenário, observamos como direitos de primeira geração os direitos civis e políticos, o direito à vida, à liberdade (de locomoção, de propriedade, de reunião e de expressão), à participação política etc.

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes