A maior rede de estudos do Brasil

O depoimento oral como documento históricoConsegui logo emprego na casa da dona Cotinha e nessa família trabalhei dezoito anos?

O depoimento oral como documento históricoConsegui logo emprego na casa da dona Cotinha e nessa família trabalhei dezoito anos. Foi lá que criei

meus filhos [...]. Chegava de noite do meu serviço, cozinhava feijão, ensaboava a roupa deles, lavava com água quente e no outro dia levantava cedinho, para fazer almoço e deixar pronto para eles. Enchia bem o fogão de cinzas e naquele carvão miudinho botava dois tijolos e botava as panelas por cima. [...] ganhava o sustento no tanque e no fogão. E engomava blusa, vestidinho, saião de linho, terno. Vinha para lavar, passar, engomar e fazer tiotê nas rendas. BOSI, Ecléa. Memória e sociedade: lembranças de velhos. São Paulo: Companhia das Letras, 1999. P.395. Significado - Fazer tiotê: dar forma circular em babados e rendas que enfeitavam as saias e as blusas femininas. O depoimento acima foi gravado por uma pesquisadora. A entrevistada, uma senhora idosa, descreve como era sua vida por volta de 1930. A partir da leitura do depoimento, responda as questões a seguir: 1 – Em que atividade ela trabalhava? 2 – Segundo seu depoimento, o que podemos saber sobre a época? 3 – Que ideia seu depoimento nos sugere sobre a vida naquele tempo?


2 resposta(s)

User badge image

Julio Mendes

Há mais de um mês

Não faço idéia
Não faço idéia
User badge image

Lanne Souza

Há mais de um mês

partir de 1930, no Brasil, houve uma importante evolução no Direito do Trabalho. Segundo Mascaro do Nascimento [36], isso foi resultado não apenas de fatores políticos, mas também econômicos e legislativos.
A senhora trabalhava no tempo de análogo a escravidão, sem direito .

Essa pergunta já foi respondida por um dos nossos estudantes