Buscar

Morfofisiologia - Revisando os Conteúdos

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 7 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 6, do total de 7 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

1 
Instagram: @rotinadaemi 
Lembrando: 
Quando se fala que uma pessoa tem pré-disposição não significa que vai 
ter com certeza, o que vai fazer a pessoa ser hipertenso, por exemplo, é a 
influência dos fatores da vida como ele leva fazendo a expressão do gene que 
está adormecido. Se fosse determinante ia nascer hipertenso. 
Ou seja, o que faz a expressão de um gene aparecer é o fator ambiental 
e o comportamento de vida, salvo se for uma alteração cromossômica – já vai 
nascer com isso. 
❖ Homeostase 
O que significa? Condição de relativa estabilidade dinâmica que o 
organismo necessita para realizar suas funções e manter bom funcionamento 
corporal. 
Existem vários controladores do que circulam o corpo. 
1. Ph: serve para controlar o sangue. Esse pH é controlado pelos 
gases que estão dissolvidos e os sais minerais que estão no 
sangue, fazendo com que haja um equilíbrio no pH, permitindo 
a manutenção a lubrificação e oxigenação do corpo. Quando 
ele entra em alteração, começa a desenvolver algumas 
doenças. 
2. Frequência cardíaca: junto com a pressão arterial e frequência 
respiratória são indicadores de que há uma necessidade de 
trabalho a mais no sistema respiratório e cardiovascular. 
Exemplo: quando está fazendo atividade física precisa aumentar o 
suporte de energia dos músculos para se movimentar – quem vai fazer isso é o 
coração, pressão arterial e frequência respiratória. Quando cessar a atividade, 
os níveis vão abaixar, porque tem a homeostase. 
 
2 
Instagram: @rotinadaemi 
3. Controle da temperatura: os seres humanos são 
homeotermos, ou seja, não vai ficar com a temperatura do 
ambiente, porque tem artifícios para aquecer e extravasar no 
excesso de calor (permite aumentar a temperatura no frio e 
abaixar a temperatura no calor – com o suor). 
Tipos de sistemas do corpo: 
 
A homeostase é conseguida por 2 sistemas: 
1. Sistema nervoso: coordenar as ações do organismo. 
2. Sistema endócrino: sinaliza as respostas que devem ser feitas 
por cada órgão (ativar ou desativar). 
Os hormônios produzidos pelo sistema endócrino são sinalizadores de 
ativação de órgão ou desativação de função. Os hormônios da tireoide, por 
 
3 
Instagram: @rotinadaemi 
exemplo, são responsáveis por ativar e desativar o metabolismo do corpo, o qual 
é a energia que o corpo tem de ter disposição para fazer as atividades. 
Quem faz o controle do momento que é para ativar ou desativar é o 
sistema nervoso – faz o estímulo ou diminuição do funcionamento daquele 
órgão. Depois do estímulo do sistema nervoso, o sistema endócrino vai liberar o 
hormônio para realizar a ação exigida. 
O encéfalo humano é diferente de todos os outros mamíferos, tanto pelo 
tamanho quanto pela qualidade. Isso porque existe uma área responsável por 
criar raciocínio logico (córtex cerebral) e apenas os seres humanos possuem 
isso. 
Isso acontece porque o sistema nervoso do ser humano é integrador. 
❖ Sistema Nervoso Integrador 
É o responsável pelo que é feito entre a sensação e a ação. Ou seja, o 
sistema nervoso trabalha percebendo, aprendendo, absorvendo em forma de 
memória e faz um planejamento das ações. 
Percepção → Aprendizagem → Memória → Planejamento 
➢ Divisão anatômica 
O sistema nervoso é dividido da seguinte forma: 
 
O SNP autônomo é aquele que controla os órgãos de modo automático, 
não controla. Exemplo: quando está com cólica, não tem como controlar a dor 
do útero, porque é o autônomo que está fazendo ou tirando o estímulo. 
 
4 
Instagram: @rotinadaemi 
O SNP somático está relacionado ao movimento motor. Exemplo: 
contração do bíceps, contração do quadril. 
O sistema nervoso tem uma ligação do que vem do periférico para o 
central, tanto do central para o periférico. Quem leva as informações do SNP 
para o SNC são os nervos aferentes (captam as sensações e levam a 
informação); quem leva a resposta do SNC para o SNP são os nervos efetores. 
Subdivide em autônomo e somático – se é dentro das vísceras é o 
autônomo, se é relacionada à musculatura é o somático. 
➢ Divisão funcional do sistema nervoso 
 
❖ Mecanismos “homeostáticos” dos principais sistemas funcionais 
 
O sangue está em todos os lugares, onde existir tecido vivo precisa passar 
sangue (precisa ter vaso, precisa ter sistema circulatório). Logo, o sistema 
circulatório é um dos principais sistemas, ajudando no controle da homeostase. 
O sistema circulatório leva nutrientes para o corpo e tira o excesso de 
substâncias indesejadas no corpo, visando manter tudo equilibrado. Também 
contribui para manter o corpo na temperatura ideal (aquecendo e esfriando). 
 
5 
Instagram: @rotinadaemi 
❖ Origem e remoção dos nutrientes do fluido extracelular 
Existem sistemas de origem e os de extratores. 
1. Origem: entram as substâncias necessárias. 
Sistema respiratório – entrada do oxigênio. 
Trato gastrointestinal – entrada da comida. 
Fígado e glândulas endócrinas – ajudam no processo hormonal e 
digestivo. 
Sistema Musculoesquelético – só consegue se alimentar se fizer um 
movimento muscular. Por isso, as pessoas que possuem paralisia precisam do 
auxílio de alguém para se alimentar. 
2. Extratores: eliminadores das substâncias indesejadas. 
Sistema respiratório – elimina CO2 
Rins (ureia, ác. Úrico, excesso de íons e H2O) – filtragem do sangue e 
eliminação de substâncias tóxicas. 
Fígado (perda de bile) – através da bile controla as substâncias 
indesejadas através do processo digestivo. 
❖ Regulação das funções corporais 
O sistema nervoso e endócrino atua juntos na coordenação e regulação 
das funções corporais. 
Nervoso: mensagens de natureza eletroquímica. Porções principais: 
aferente sensorial, SNC e eferente motor. 
Endócrino: mensagens de natureza química – hormônios. Porção 
principal: glândulas endócrinas. 
❖ Sistema de controle do corpo 
Na região cardíaca, tem-se estruturas microscópicas que são chamadas 
de barorreceptores e quimiorreceptores. 
 
6 
Instagram: @rotinadaemi 
Quando tem um bombeamento de sangue pelo coração, essa informação 
é captada, vai até o tronco encefálico para informar que há um aumento da 
pressão arterial. Como resposta, o corpo vai fazer ter uma diminuição da 
frequência cardíaca para o sangue não ser ejetado com tanta velocidade e, 
assim, manter a pressão arterial. Por conta dessa conexão da periferia com a 
parte central é que consegue variar a pressão arterial, frequência cardíaca e 
respiratória e depois voltar ao normal. 
Barorreceptores: responsáveis pela redução da variação segundo-a-
segundo da pressão arterial. 
Reflexo barorreceptor: reflexo desencadeado por receptores de 
estiramento. 
 
❖ Mecanismos de feedback 
Retroalimentação negativa: a resposta contrabalança o estímulo, 
desativando a alça de resposta. Não significa que é ruim, mas sim que está indo 
em uma direção oposta ao que está acontecendo. Por exemplo, se a frequência 
cardíaca está elevada, o feedback negativo vai fazer abaixar. 
Retroalimentação positiva: a resposta reforça o estímulo, afastando a 
variável do ponto de ajuste. Quando o estímulo vai fazer a descompensação 
inicial aumente cada vez mais. 
 
Tem um estímulo inicial – o feedback negativo vai desativar o estímulo 
inicial, fazendo com que ele caia e a pessoa volte a ter equilíbrio. 
Tem o estímulo inicial – tem uma resposta, mas tem uma retroalimentação 
do estímulo inicial, então ele segue aumentando. Esse é o feedback positivo. 
 
7 
Instagram: @rotinadaemi 
Logo, o corpo está em homeostase justamente por conta dos feedbacks. 
Ele consegue ter um equilíbrio relativo para manter as funções do corpo 
adequadas. 
Resumindo:

Outros materiais