Buscar

Av2 Aspectos Filosoficos

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 6, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 9, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

1. Pergunta 1
0/0
“Os poemas homéricos têm por fundamento uma visão de mundo clara e coerente. Manifestam-na quase a cada verso, pois colocam em relação com ela tudo quanto cantam de importante – é, antes de mais nada, a partir dessa relação que se define seu caráter particular. Nós chamamos de religiosa essa cosmovisão, embora ela se distancie muito da religião de outros povos e tempos. Essa cosmovisão da poesia homérica é clara e coerente. Em parte alguma ela enuncia fórmulas conceituais à maneira de um dogma; antes se exprime vivamente em tudo que sucede, em tudo que é dito e pensado. E embora no pormenor muitas coisas resultem ambíguas, em termos amplos e no essencial, os testemunhos não se contradizem. É possível, com rigoroso método, reuni-los, ordená-los, fazer-lhes o cômputo, e assim eles nos dão respostas explícitas às questões sobre a vida e a morte, o homem e Deus, a liberdade e o destino (…).”
(OTTO. Os deuses da Grécia: a imagem do divino na visão do espírito grego. 1ª Ed., trad. [e prefácio] de Ordep Serra. – São Paulo: Odysseus Editora, 2005 – p. 11.).
Com base no texto, e em seus conhecimentos sobre a função dos mitos na Grécia arcaica, assinale a alternativa correta.
Ocultar opções de resposta 
1. 
O mito já era pensamento. Ao formalizar os versos de sua poesia, Homero inaugura uma modalidade literária bem singular no ocidente. As ações dos deuses e dos homens, por exemplo, sempre obedeceram a uma ordem pré-estabelecida, a qual sempre revelou uma lógica racional em funcionamento.
2. 
As poesias de Homero sempre mantiveram a função de educar o homem grego para o pleno exercício da atividade racional que surgiria no século VI a.C., uma vez que, de acordo com historiadores e helenistas, não houve uma ruptura na passagem do mito para o logos, mas sim um processo gradual e contínuo de enraizamento histórico que culminou no advento da filosofia.
3. 
De acordo com os poemas homéricos, os deuses em nada poderiam interferir no destino dos humanos e, assim, a determinação divina (ananque. se colocava em segundo plano, uma vez que era o acaso (tykhe. quem governava, isto é, possuía a função de ensinar ao homem o que este deveria escolher no momento de sua livre ação.
4. 
Correta: Os mitos homéricos serviram de base para a educação, formação e visão de mundo que o homem grego arcaico possuía. Em seus cânticos, Homero justapõe conceitos importantes como harmonia, proporção e questionamentos a respeito dos princípios, das causas e do porquê das coisas. Embora todas essas instâncias apresentassem-se como tal, os mitos não deixaram de lado o caráter mágico, fictício e fabular em que eram narrados.
Resposta correta
5. 
Os mitos tiveram função meramente ilustrativa na educação do homem grego, pois o caráter teórico e abstrato da cultura grega apagou em grande parte os aspectos que se revelariam relevantes na poesia grega.
2. Pergunta 2
0/0
A Filosofia nasceu na Jônia no final do século VII a.C. O conteúdo que norteia a preocupação dos filósofos jônicos é de natureza:
Ocultar opções de resposta 
1. 
Política.
2. 
Religiosa.
3. 
Correta: Cosmológica.
Resposta correta
4. 
Mitológica.
5. 
Antropológica.
3. Pergunta 3
0/0
A virtude é, pois, uma disposição de caráter relacionada com a escolha e consistente numa mediania, isto é, a mediania relativa a nós, a qual é determinada por um princípio racional próprio do homem dotado de sabedoria prática.
ARISTÓTELES. Ética a Nicômaco. Tradução de Leonel Vallandro e Gerd Bornheim. São Paulo: Nova Cultural, 1987 (adaptado).
De acordo com o excerto acima, a virtude aristotélica consiste:
Ocultar opções de resposta 
1. 
Incorreta: na capacidade de se encontrar a justa medida, a partir da ação própria do agente que reconhece a relatividade das circunstâncias nas quais está inserido. A medida está na capacidade de agir virtuosamente a cada momento e diante de todas as circunstâncias particulares de tempo, de lugar, de relação.
2. 
na repetição do ato virtuoso, pois este já se encontra em estado de perfeição. Diante disso, uma vez encontrada a justa medida, que está compreendida no domínio daquilo que não pode ser de outro modo, esta deve ser repetida em todas as circunstâncias.
3. 
na racionalidade com que o agente escolhe os meios para se atingir os fins desejados, ainda que estes fins não possam ser alcançados, pois, ainda que as escolhas sejam boas (oportunas e medidas., os fins almejados pelo homem virtuoso nem sempre podem ser alcançados.
4. 
na capacidade de alcançar o fim desejado, isto é, uma vida justa e feliz. Por isso, a ética, na concepção de Aristóteles, é um saber produtivo (poiesis., sendo determinado pelo produto de suas ações, o que equivale a dizer que o agente e os meios ficam em segundo plano em relação ao fim atingido.
5. 
no senso de medida universal, ou seja, na boa escolha relativa a nós, que pode ser comparada à produção aritmética em sua capacidade de escolher os meios com medida, ou de escolher a justa medida - nem o excesso, nem a falta de forma sistemática.
Resposta correta
4. Pergunta 4
0/0
O que há em comum entre Tales, Anaximandro e Anaxímenes de Mileto, entre Xenófanes de Colofão e Pitágoras de Samos? “Todos esses pensadores propõem uma explicação racional do mundo, e isso é uma reviravolta decisiva na história do pensamento”. (Pierre Hadot).
Com base no texto e nos conhecimentos sobre as relações entre mito e filosofia, seguem as seguintes proposições:
I. Os filósofos pré-socráticos são conhecidos como filósofos da physis porque as explicações racionais do mundo por eles produzidas apresentam não apenas o início, o princípio, mas também o desenvolvimento e o resultado do processo pelo qual uma coisa se constitui.
II. Os filósofos pré-socráticos não foram os primeiros a tratarem da origem e do desenvolvimento do universo, antes deles já existiam cosmogonias, mas estas eram de tipo mítico, descreviam a história do mundo como uma luta entre entidades personificadas.
III. As explicações racionais do mundo elaboradas pelos pré-socráticos seguem o mesmo esquema ternário que estruturava as cosmogonias míticas na medida em que também propõem uma teoria da origem do mundo, do homem e da cidade.
IV. O nascimento das explicações racionais do mundo são também o surgimento de uma nova ordem do pensamento, complementar ao mito; em certos momentos decisivos da história da filosofia as duas ordens de pensamento chegam a coexistir, exemplo disso pode ser encontrado no diálogo platônico Timeu quando, na apresentação do “mito mais verossímil”, a figura mítica do Demiurgo é introduzida para explicar a produção do mundo.
V. Tales de Mileto, um dos Sete Sábios, além de matemático e físico é considerado filósofo – o fundador da filosofia, segundo Aristóteles – porque em sua proposição “A água é a origem e a matriz de todas as coisas” está contida a proposição “Tudo é um”, ou seja, a representação de unidade.
Assinale a alternativa correta.
Ocultar opções de resposta 
1. 
Somente as proposições I e II estão corretas.
2. 
As proposições III e IV estão incorretas.
3. 
Correta: Todas as proposições estão corretas.
Resposta correta
4. 
Todas as proposições estão incorretas.
5. 
Apenas a proposição IV está incorreta.
5. Pergunta 5
0/0
As principais características da Filosofia são:
Ocultar opções de resposta 
1. 
Primeiro, a Filosofia é um “eu acho que” ou um “eu gosto de”. É pesquisa de opinião à maneira dos meios de comunicação de massa. Segundo, é pesquisa de mercado para conhecer preferências dos consumidores e montar uma propaganda.
2. 
Significa que a Filosofia não trabalha com enunciados precisos e rigorosos, busca apenas encadeamentos ilógicos entre enunciados, opera com conceitos ou ideias obtidas por procedimentos de demonstração e prova, não exige a fundamentação racional do que é enunciado e pensando.
3. 
Correta: Negação, dizer não ao senso comum, aos pré-conceitos, aos pré-juízos, aos fatos e às ideias da experiência cotidiana e uma atitude positiva, uma interrogação sobre o que são as coisas, as ideias, os fatos, as situações, os comportamentos,os valores, nós mesmos.
Resposta correta
4. 
Se o opuser às doutrinas religiosas, mitológicas e tudo o que diz respeito ao sobrenatural.
5. 
O conhecimento filosófico é um trabalho emocional. É também sistemático porque se contenta em obter respostas para as questões colocadas, sem exigir que as próprias questões sejam válidas e, em segundo lugar, que as respostas sejam verdadeiras, estejam entre si, esclareçam umas às outras, formem conjuntos convergentes de ideias e significações.
6. Pergunta 6
0/0
TEXTO I
O Heliocentrismo não é o “meu sistema", mas a Ordem de Deus. COPÉRNICO, N. As revoluções dos orbes celestes [1543]. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1984.
TEXTO II
Não vejo nenhum motivo para que as ideias expostas neste livro (A origem das espéciesº se choquem com as ideias religiosas. DARWIN, C. A origem das espécies [1859]. São Paulo: Escala, 2009.
Os textos expressam a visão de dois pensadores — Copérnico e Darwin — sobre a questão religiosa e suas relações com a ciência, no contexto histórico de construção e consolidação da Modernidade. A comparação entre essas visões expressa, respectivamente:
Ocultar opções de resposta 
1. 
Ciência como área autônoma do saber — razão humana submetida à fé.
2. 
Poder secular acima do poder religioso — defesa dos dogmas católicos.
3. 
Correta: Articulação entre ciência e fé — pensamento científico independente.
Resposta correta
4. 
Moral católica acima da protestante — subordinação da ciência à religião.
5. 
Autonomia do pensamento religioso — fomento à fé por meio da ciência.
7. Pergunta 7
0/0
As relações entre ciência e senso comum sempre foram polêmicas, seja porque buscou se ver na primeira a evolução do segundo, seja porque foram definidos como formas de conhecimento excludentes entre si. Tendo em vista essas correlações, é correto afirmar que o conhecimento científico:
Ocultar opções de resposta 
1. 
Incorreta: estabelece uma ruptura com o senso comum, ao exigir constante crítica do passado.
2. 
elimina a especulação pela comprovação e transforma o discurso do senso comum em fato observável.
Resposta correta
3. 
concorda com o senso comum, ao basear suas afirmações no registro direto dos dados sensoriais.
4. 
supera o senso comum, quando alcança resultados indubitavelmente provados.
5. 
tem o poder de explicar tudo, face às dúvidas e crendices do senso comum.
8. Pergunta 8
0/0
A atividade atualmente chamada de ciência tem se mostrado fator importante no desenvolvimento da civilização liberal: serviu para eliminar crenças e práticas supersticiosas, para afastar temores brotados da ignorância e para fornecer base intelectual de avaliação de costumes herdados e de normas tradicionais de conduta.
NAGEL, E et al. Ciência: natureza e objetivo. São Paulo: Cultrix, 1975 (adaptado).
Quais características permitem conceber a ciência com os aspectos críticos mencionados?
Ocultar opções de resposta 
1. 
Correta: Estabelecer rigorosa correspondência entre princípios explicativos e fatos observados.
Resposta correta
2. 
Apresentar explicações em uma linguagem determinada e isenta de erros.
3. 
Constituir-se como saber organizado ao permitir classificações deduzidas da realidade.
4. 
Ser fundamentada em um corpo de conhecimento autoevidente e verdadeiro.
5. 
Possuir proposições que são reconhecidas como inquestionáveis e necessárias.
9. Pergunta 9
0/0
Os primeiros princípios do universo são os átomos e o vazio; tudo o mais apenas se pensa que existe. Os mundos são infinitos, sujeitos à geração e ao perecimento. Nada é gerado pelo não ser e nada parece no não ser. Os átomos são infinitos em tamanho e número; movem-se como num vórtice e geram assim todas as coisas compostas - fogo, água, ar e terra - porque esses elementos também são uniões de determinados átomos, que, por sua solidez, são impassíveis e imutáveis. 
LAÊRTIOS, D. Vidas e doutrinas dos filósofos ilustres. Cap. 7. Tradução do grego, introdução e notas de Mario da Gama Kury. 2 ed. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 2008 (adaptadoº. 
Considerando o texto apresentado, avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
I. O atomismo de Demócrito é uma escola de pensamento que atribui à natureza uma origem material.
PORQUE
II. Segundo Demócrito tudo é formado por átomos e é o acaso - e não a vontade dos deuses - que determina, tanto o movimento dos átomos quanto o ser que eles formam ao se juntarem.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta.
Ocultar opções de resposta 
1. 
Correta: As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
Resposta correta
2. 
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da I.
3. 
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
4. 
As asserções I e II são proposições falsas.
5. 
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
10. Pergunta 10
0/0
Texto I
"Eis aqui, portanto, o princípio de quando se decidiu fazer o homem, e quando se buscou o que devia entrar na carne do homem.
Havia alimentos de todos os tipos. Os animais ensinaram o caminho. E moendo então as espigas amarelas e as espigas brancas, Ixmucaná fez nove bebidas, e destas provieram a força do homem. Isto fizeram os progenitores, Tepeu e Gucumatz, assim chamados.
A seguir decidiram sobre a criação e formação de nossa primeira mãe e pai. De milho amarelo e de milho branco foi feita sua carne; de massa de milho foram feitos seus braços e as pernas do homem. Unicamente massa de milho entrou na carne de nossos pais."
(Adaptado: SUESS, P. Popol Vuh: Mito dos Quiché da Guatemala sobre sua origem do milho e a criação do mundo. In: A conquista espiritual da América Espanhola: 200 documentos – Século XVI. Petrópolis: Vozes, 1992, p. 32-33.).
Texto II 
“Se você é o que você come, e consome comida industrializada, você é milho”, escreveu Michael Pollan no livro O Dilema do Onívoro, lançado este ano no Brasil. Ele estima que 25% da comida industrializada nos EUA contenha milho de alguma forma: do refrigerante, passando pelo Ketchup, até as batatas fritas de uma importante cadeia de fast food – isso se não contarmos vacas e galinhas que são alimentadas quase exclusivamente com o grão.
O milho foi escolhido como bola da vez ao seu baixo preço no mercado e também porque os EUA produzem mais da metade do milho distribuído no mundo". 
(Adaptado: BURGOS, P. Show do milhão: milho na comida agora vira combustível.Super Interessante. Edição 247, 15 dez. 2007, p.33.º
Com base nos textos I e II e nos conhecimentos sobre as relações entre organização social e mito, é correto afirmar.
Ocultar opções de resposta 
1. 
A exemplo das narrativas que predominavam no período homérico da Grécia antiga, os mitos expressam uma forma de conhecimento científico da realidade.
2. 
Assim como nos povos Quiché da Guatemala, também os mitos gregos procuram explicar a arché, a origem, a partir de um elemento originário onde está presente o milho.
3. 
Os deuses maias criaram os homens dotados de livre arbítrio para, a partir dos princípios da razão e da liberdade, ordenarem igualitariamente a sociedade.
4. 
Para certas tradições de pensamento, como a da escola de Frankfurt, o iluminismo representa a superação completa do mito. 
5. 
Correta: Na busca de um princípio fundante e ordenador de todas as coisas, como ocorre na mitologia grega, a narrativa mítica justifica as bases da legitimação de organização política e de coesão social.
Resposta correta

Outros materiais