Buscar

Epidemiologia e Bioestatística I

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 4 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

1 - Quando o F da ANOVA for > 1, o que podemos concluir dos grupos analisados?
A variabilidade entre os grupos é menor do que a variabilidade dentro dos grupos.
A variabilidade entre os grupos é igual à variabilidade dentro dos grupos.
Os grupos analisados não diferem entre si.
A variabilidade entre os grupos é maior do que a variabilidade dentro de cada grupo. Assim, os
grupos analisados diferem entre si, mas não é possível identificar qual é o grupo diferente.
2.Na área clínica é fundamental que haja confiabilidade nas informações publicadas, de
modo que um tratamento e suas recomendações sejam eficazes. Quanto à validade e
confiabilidade das informações qual tipo de estudo apresenta essas garantias?
Opinião de especialistas da área
Revisão sistemática de um caso controle
Revisão sistemática de ensaios clínicos randomizados
Estudos observacionais
3.Defina o nível de correlação dos gráficos, respectivamente:
 
Nula, forte, regular, nula.
Nula, forte, forte, nula.
Nula, forte, muito forte e perfeita.
Nula, fraca, regular, nula.
4. Na metade do século XX, cirurgiões torácicos na Grã-Bretanha ficaram impressionados
por estarem fazendo cirurgias em mais homens com câncer de pulmão, a maioria dos quais
era fumante. Como as impressões do cirurgião de que o tabagismo era um fator de risco
para desenvolver câncer de pulmão poderiam estar erradas?
O tabagismo confere baixo risco para câncer de pulmão.
O tabagismo havia se tornado tão comum que mais homens teriam uma história de fumo,
independentemente de estarem se submetendo a cirurgias para câncer de pulmão.
Há outros fatores de risco para câncer de pulmão.
O câncer de pulmão é um câncer incomum, mesmo entre fumantes.
5. Identifique a alternativa que apresenta fatores de risco não modificáveis:
Ambiente sem saneamento básico
História familiar
Dislipidemias
Estresse
6.As revistas científicas são classificadas conforme seu grau de confiabilidade, adquirida
pelo rigor científico e pelo tipo de pesquisa realizada. Alguns estudos são considerados
completos e inéditos, sendo publicados nas melhores revistas. Quanto à esta classificação
podemos dizer que:
Os artigos classificadas como C1 não tem qualquer confiabilidade em evidências e não devem servir de
base para recomendações
Os artigos classificados como B1, são as que têm evidências consistentes e recomendações consideradas
de confiabilidade moderadas
Os artigos classificadas como A1, são as que têm evidências consistentes e recomendações que se
aplicam à maior parte dos pacientes, sem reservas
Os artigos classificadas como B2 tem alto poder de recomendação, mas seus estudos não são baseados
em evidências
7.Segundo o valor do coeficiente de correlação (R), defina as categorias das correlações
respectivamente aos seguintes valores: 0 0 |- 0,3 0,3 |- 0,6 0,6 |- 0,9 0,9 |- 1 1
Nula, fraca, regular, forte, muito forte e negativa.
Nula, fraca, regular, moderada, forte e perfeita.
Nula, fraca, regular, forte, muito forte e perfeita.
Perfeita, muito forte, forte, regular, fraca e nula.
8.Quanto às diretrizes para a prática clínica podemos dizer que:
São definidas através de estudos multidisciplinares, sendo somente recomendações
São direcionadas a determinados grupos de interesse para atender a grupos específicos
São regras pré-definidas para os procedimentos em geral
Se atualizam sempre 1 vez ao ano como regra
9.Os profissionais da área da saúde, como os médicos, necessitam avaliar como irão lidar
com a gestão do conhecimento clínico. Como se manter atualizado? Como analisar qual
melhor procedimento para seu paciente? São alguns questionamentos constantes para
esses profissionais. A respeito da gestão do conhecimento clínico, podemos dizer que:
Não é necessário se preocupar com as fontes das informações, pois se foi publicado, de forma física ou
online é porque pode-se confiar
É possível acessar a literatura clássica de forma online, mas é ultrapassada e não deve servir de base de
conhecimento
É necessário avaliar a fonte das informações recebidas, principalmente na qualidade das evidências
científicas, mesmo que obtidas de forma online
É fundamental manter-se baseado somente na literatura clássica, de preferência nos compêndios
impressos, pois estes possuem maior credibilidade
10.Quando é indicado o uso do teste de correlação?
Para descobrir quanto é importante cada variável.
Para mostrar a associação entre duas variáveis quantitativas.
Para verificar a associação de variáveis qualitativas.
Para comparar dois grupos de variáveis.

Materiais relacionados

Perguntas relacionadas

Materiais recentes

Perguntas Recentes