Buscar

estudododerhumanocontemporaneo01_2022 3

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 155 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 6, do total de 155 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 9, do total de 155 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

Questão 1
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Do ponto de vista da teoria evolucionista, um ato altruísta é aquele que promove a aptidão
do recipiente às custas do doador. Esta definição é distinta da social, que considera como
altruísta a maioria dos atos que beneficiam o recipiente, sem considerar os custos para o
doador. Portanto, um ato altruísta do ponto de vista social ou moral pode ser egoísta do
ponto de vista evolutivo (...).
OLIVA, A. D. (et al). Razão, emoção e ação em cena: a mente humana sob um olhar
evolucionista. Psic.: Teor. E Pesq. 22 (1) abr. 2006. Disponível em:
https://doi.org/10.1590/S0102-37722006000100007, Acesso em 29 de maio 2021.
Avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
I. Pode haver posicionamentos que sejam contraditórios ao serem comparadas as teorias
evolucionista e social, porém, valerem como verdade em si mesmas.
PORQUE
II. Doador e recipiente não são considerados do mesmo modo nos âmbitos evolucionista e
social.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
Escolha uma opção:
As asserções I e II são proposições falsas.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da I.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma
justificativa correta da I.
Questão 2
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Podemos notar, então, que, para algumas abordagens a razão parece estar submetida à
afetividade (conforme algumas interpretações do modelo freudiano, por exemplo), ou
vice-versa (conforme algumas críticas feitas à abordagem piagetiana do assunto). Assim,
consideramos muito importante rever os estatutos e os papéis atribuídos aos aspectos
afetivos e cognitivos, nas diferentes teorias para empreender uma compreensão para além
da visão dicotômica da natureza humana.
SOUZA, Maria Thereza C. C. As relações entre afetividade e inteligência no desenvolvimento
psicológico. Psic.: Teor. e Pesq. 27 (2) junho 2011. Disponível em:
https://www.scielo.br/j/ptp/a/byCS7FDbNwLSZZNRmBSvdJD/?lang=pt, Acesso em: 29 de
maio 2021.
Analise as proposições, a partir do trecho.
I. Para se compreender mais sobre o ser humano, é preciso superar uma visão binária sobre
sua realidade.
II. É preciso estabelecer qual aspecto deve ser privilegiado ao se entender o ser humano: o
afetivo ou o cognitivo.
III. A realidade humana, em todos os seus âmbitos, não pode ser entendida apenas como
oposição de contrários.
É correto o que se afirma apenas em:
Escolha uma opção:
II e III.
I.
II.
I e III.
I e II.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: I e III.
Questão 3
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
... [o ser humano] sabe que está separado daquilo que o cerca, ele não apenas olha, mas
interpreta, por isso é um animal que processa o que vive, digere, elabora. A possibilidade de
configurar o mundo, de criar sistemas, é o resultado desta capacidade da espécie de
distanciar-se de si mesma, de posicionar-se em relação aos outros.
MOSÉ, Viviane. O homem que sabe. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2012. [p. 25]
A partir da ideia citada, analise as proposições:
I. A vida humana vai além do que permite sua animalidade; ser humano é olhar de fora.
II. Quanto mais se distancia de si, mais o ser humano se perde de sua essência.
III. Ser humano significa ser consciente de uma diferença essencial entre os animais.
É correto o que se afirma apenas em:
Escolha uma opção:
III.
II e III.
I.
II.
I e III.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: I e III.
Questão 4
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Afinal, o corpo poderia apresentar apenas uma das duas sensações e estaria tudo certo.
Não é bem assim. A cada momento é necessário uma predominar sobre a outra e, no final,
as duas se interpor. Muitas vezes a razão precisa predominar sobre a emoção, pois,
somente assim algumas consequências catastróficas podem ser amenizadas. As
compulsões são frutos das emoções. Com emoção predominante, os acidentes de trânsito
podem aumentar, indivíduos podem comprar e gastar influenciados pelos anúncios
relâmpagos da internet, acreditar devocionalmente em fake news de promessas de
tratamentos esdrúxulos quando a sua saúde se põe abalada, entre outras séries de
situações inusitadas pela prevalência emocional.
CASÉ, Júlio. A interposição razão e emoção. GC Notícias. 25/06/2020. Disponível em:
http://www.gcnoticias.com.br/artigos/a-interposicao-razao-e-emocao/1934752, Acesso em
29/05/2021.
A partir do texto, analise as proposições abaixo e atribua o valor V (verdadeira) ou F (falsa)
para cada uma.
( ) É a própria pessoa que escolhe trabalhar com apenas uma sensação – razão ou emoção.
( ) De acordo com uma situação determinada, a pessoa utiliza mais uma base de reflexão
que outra – razão ou emoção.
( ) Ao escolher decidir racionalmente, a pessoa deve sustentar este posicionamento sempre,
como sendo sua identidade
( ) Costumeiramente, situações inesperadas levam as pessoas a uma decisão mais
emocional que racional, mesmo profissionalmente.
( ) Profissionalmente, uma pessoa deve sempre escolher a partir da razão, deixando de lado
qualquer emoção.
Assinale a alternativa cuja sequência de valores é correta.
Escolha uma opção:
V, V, F, V, F
F, F, V, V, V
F, V, F, V, V
V, F, F, V, V
F, V, F, V, F
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: F, V, F, V, F
Questão 5
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Os cientistas acreditam que onde localizamos nosso 'eu' é relacionado com a visão que
temos sobre o nosso relacionamento com outras pessoas. Gente que se considera mais
independente localiza o eu no cérebro enquanto os mais família apontam o coração.
Se o que os cientistas acham, que a localização do eu pode determinar traços de
personalidade, ficar provado, um novo campo de pesquisa pode ser aberto. Pode-se
determinar, por exemplo, as melhores opções de carreira para alguém, novas estratégias de
marketing serão criadas e também a nossa forma de interpretar outras pessoas pode
mudar.
GALASTRI, Luciana. Você pensa com a razão ou com a emoção? Sua resposta pode dizer
muito sobre sua relação com os outros. Galileu. 17/07/2015. Disponível em:
https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/noticia/2015/07/voce-pensa-com-razao-ou-com-e
mocao-sua-resposta-pode-dizer-muito-sobre-sua-relacao-com-os-outros.html, Acesso em 29
de maio 2021.
Sobre o tema apresentado pelo trecho, pode-se entender que o ‘posicionamento do eu’:
Escolha uma opção:
deve classificar as pessoas, determinando quais caminhos profissionais devem ser
oferecidos a elas.
as pessoas devem determinar a partir de quais parâmetros suas escolhas serão feitas – a
razão ou a emoção.
se refere ao modo como a pessoa entende o ‘lugar’ do outro, a partir de onde aquele formula
e emite seus julgamentos.
o ser humano não consegue lidar com razão e emoção, sendo sempre parcial em suas
escolhas.
é algo que toma parte diretamente no modo como é formulado um juízo de qualquer
espécie.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: é algo que toma parte diretamente no modo como é formulado um
juízo de qualquer espécie.
Questão 1
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Segundo o filósofo e antropólogo René Girard (1923-2015), a metáfora do “bode expiatório”
nos ajuda a compreender alguns fenômenos sociais. Ele explica que quando algum flagelo
atinge um determinado povo (pode ser uma inundação, ou uma praga, ou uma peste, etc.),
há uma tendência a se apontar um culpado que geralmente é alguém que pertence a
minorias mal integradas.
A partirdo exposto acima, avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
I. A angústia e as frustrações coletivas tendem a encontrar uma satisfação vicária, isto
é, uma solução substituta, imputando a culpa dos flagelos sobre “vítimas” que que são
geralmente identificadas e escolhidas dentre aquelas pessoas ou grupos que facilmente
provocam a união contra elas, isto é, as minorias.
PORQUE
II. As minorias são, como o próprio termo sugere, segmentos da sociedade que têm
número reduzido e, portanto, não devem ser confundidos com as grandes massas de
pessoas que estão em desvantagem social.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
Escolha uma opção:
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
As asserções I e II são proposições falsas.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da I.
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição
falsa.
Questão 2
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
O bom senso é o que existe de melhor dividido no mundo, pois cada um se julga tão bem
dotado dele que ainda os mais difíceis de terem satisfeitos em outras coisas não costumam
querê-lo mais do que têm. E, a esse propósito, não é crível que todos se enganem; isso
prova, pelo contrário, que o poder de bem aquilatar e diferenciar o vero do falso, quer dizer, o
chamado bom senso ou a razão, é naturalmente igual em todos os homens.
DESCARTES, René. Discurso do método. São Paulo: Hemus, 1972. [p. 9]
Segundo o autor:
Escolha uma opção:
Toda pessoa tem o bom senso na medida necessária.
Qualquer ação humana independe do bom senso.
Todas as pessoas julgam corretamente sobre qualquer assunto.
O ser humano deseja ter sempre mais bom senso.
O bom senso permite realizar bons julgamentos.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: O bom senso permite realizar bons julgamentos.
Questão 3
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Se você tem um celular e redes sociais, provavelmente sabe que Facebook, Google e outras
gigantes da tecnologia conseguem prever com bastante precisão seu comportamento,
principalmente de consumo.
POLLO, Luiza. Livre-arbítrio: é você ou o universo que determina suas escolhas? TAB Uol.
22/05/2021. Disponível em:
https://tab.uol.com.br/noticias/redacao/2021/05/22/livre-arbitrio-e-voce-ou-o-universo-que-
determina-suas-escolhas.htm?cmpid, Acesso em 29 de maio 2021.
Avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
I. O avanço nas tecnologias digitais pode levar à perda da liberdade individual.
PORQUE
II. O indivíduo pode escolher segundo sua vontade, sem direcionamentos.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
Escolha uma opção:
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da I.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
As asserções I e II são proposições falsas.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição
falsa.
Questão 4
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Apenas um ser que seja em seu próprio ser negação e falta é que pode dotar os objetos e a
si mesmo de falta. E a existência do desejo como fato humano é suficiente para mostrar
que ao homem falta algo e se isso acontece é porque a realidade humana não é um
ser-em-si, mas um ser que se constitui no desgarramento não apenas em relação ao mundo,
mas também em relação a si mesma.
SOUZA, Thana M. de. Sartre e o fracasso do desejo: da ontologia à descrição do desejo
frente aos objetos reais e irreais. Princípios. Natal (RN), Vol. 19, Nº 31 Janeiro/Junho de
2012, p. 123. Disponível em: https://periodicos.ufrn.br/principios/article/view/7496/5565,
Acesso em 30 de maio 2021.
Sobre as ideias do trecho, leia as proposições.
I. O ser humano é um ser desejante, pois tem tudo o que deseja.
II. A realidade humana se caracteriza por um espaço a ser preenchido em busca de
completude.
III. O existir humano se caracteriza por uma falta, por isso é que o ser humano deseja.
É correto o que se afirma apenas em:
Escolha uma opção:
II.
II e III.
I e II.
III.
I e III.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: I e II.
Questão 5
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Texto
“O Apartheid foi uma das ideologias mais perversas que brutalizou a África do Sul de 1948 a
1994. Uma ideologia abençoada por religiosos e efetivada por políticos tão estreitamente
aliados que seu implementador foi um pastor protestante que se fizera primeiro-ministro.”
Texto Base, p. 50.
Curiosamente, foi um outro pastor que se destacou como marco da luta antiapartheid, o
reverendo anglicano Desmond Tutu, falecido recentemente, aos 90 anos de idade. Foi por
causa da sua atuação em defesa dos direitos humanos, ao lado de outras personalidades
como Nelson Mandela, que ele foi agraciado com o prêmio Nobel da Paz de 1984.
Nossos estudos recentes têm destacado o tema da liberdade humana, e a discussão sobre
o livre arbítrio e os condicionamentos ideológicos que tentam nos fazer introjetar e
reproduzir valores que nem sempre visam ao nosso bem.
Marque a assertiva que melhor expressa a noção de liberdade apontada por essas
reflexões:
Escolha uma opção:
Os meios de comunicação de massa são as ferramentas eficientes e as verdadeiras
responsáveis por determinar o nosso jeito de pensar e agir.
A liberdade pode ser conquistada por meio da ruptura consciente e deliberada do ciclo
mimético a que a ideologia e os instintos tentam nos submeter.
As religiões nos esclarecem que nossa existência está definida e que tudo está
predestinado em cada detalhe por obra de um ser absoluto que tudo sabe.
A liberdade é uma ilusão, pois nosso destino já está traçado pelo DNA, de modo que não
temos autonomia suficiente para agir contra os nossos instintos.
O ciclo mimético que nos faz reproduzir os condicionamentos ideológicos nos impede de
experimentar a liberdade e exercer o livre arbítrio.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: A liberdade pode ser conquistada por meio da ruptura consciente e
deliberada do ciclo mimético a que a ideologia e os instintos tentam nos submeter.
Questão 1
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
“Talvez que o incómodo que induz a nossa resistência seja de algum modo originado pelo
caráter difícil, ambíguo, provocador e mesmo ameaçador do próprio tema, pelo facto de que,
dado não sabermos como responder adequadamente à tecnologia contemporânea,
deixa-nos desorientados e justificadamente intranquilos.”
FOLTZ, Bruce V. habitar a terra. Lisboa: Instituto Piaget, 2000. [pp. 107-108]
Avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
I. O ser humano não sabe responder à tecnologia contemporânea.
PORQUE
II. Existe um elemento de ambiguidade e de ameaça, quando se trata do tema da
tecnologia.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
Escolha uma opção:
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
As asserções I e II são proposições falsas.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da I.
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não éuma
justificativa correta da I.
Questão 2
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Texto
“Com sua mão, não apenas foi possível ao ser humano alcançar e tocar, mas desenvolver
um novo modo de fazer a natureza aparecer. E o processo se dá de maneira contínua: algo
natural é transformado, dando origem a outro elemento, que, por sua vez, levará a novas
transformações.”
Texto Base, p. 54.
A habilidade que a espécie humana desenvolveu de construir ferramentas e modificar a
natureza pelo seu trabalho, rendeu-lhe a designação:
Escolha uma opção:
Homo religiosus.
Homo erectus.
Homo sapiens.
Homo faber.
Homo artisticus.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: Homo faber.
Questão 3
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
1. Leia o texto.
“A habilidade e a facilidade com que o homem cria técnicas sempre novas e mais perfeitas
provocou nas gerações recentes uma confiança sem limites no progresso humano, nas
possibilidades de levá-lo à frente até a realização do paraíso na terra e à feliz solução de
todos os problemas e mistérios do homem.”
MONDIN, Battista. O homem, quem é ele? São Paulo: Paulus, 1997. [p. 199]
Segundo o autor, pode-se entender que a técnica:
Escolha uma opção:
É um fazer que derruba todos os limites que a natureza impõe à realidade humana.
Leva o ser humano à crença cada vez maior em sua própria capacidade de solução para
todos os problemas.
É algo fácil para o ser humano; por isso, passa a fazer parte de todos os âmbitos da
realidade social.
Assume o papel da religião, mostrando que as verdades teológicas perdem o sentido diante
do fazer técnico.
Mostra que a ideia de paraíso na terra é apenas ficção e que nunca poderá ser alcançado.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: Leva o ser humano à crença cada vez maior em sua própria
capacidade de solução para todos os problemas.
Questão 4
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
“Com efeito, há uma diferença entre o moinho de vento, a ponte de madeira sobre o rio, a
semeadura e a colheita destinadas à sobrevivência do camponês, o guarda florestal que
percorre as trilhas entre as árvores, de um lado, e a usina hidroelétrica, a agroindústria e a
indústria madeireira, de outro. No primeiro caso, dir-se-ia que há uma espécie de
continuidade entre a produção natural e a interferência humana. O moinho de vento
significa: deixar que aconteça o movimento do vento sobre o movimento das pás; a
semeadura e a colheita significam: deixar acontecer o processo natural das estações; a
ponte de madeira significa a primazia do rio a ser transposto; o guarda florestal significa o
guardador das árvores. No segundo caso, o vento, o rio, a floresta, a terra significam reserva
de energia a ser extraída, processada e consumida. Desse ponto de vista, árvore é madeira e
carvão; rio é possibilidade de acionar turbinas; ponte é possibilidade de transportar
mercadorias.”
SILVA, Franklin Leopoldo e. Martin Heidegger e a técnica. Scientiae Studia. São Paulo, vol. 5,
n. 3, p. 370-371, 2007. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/ss/v5n3/a04v5n3.pdf,
Acesso em: 05 mar. 2021.
O autor escreve a partir das ideias de Martin Heidegger. A partir do trecho, leia as
proposições e atribua valor V (verdadeira) ou F (falsa).
( ) Todo fazer humano, no fundo, acaba tomando a natureza como valor em si mesma.
( ) Há uma diferença de relação entre o ser humano e a natureza: de um lado, deixar a
natureza ser; de outro lado, dirigir a natureza.
( ) Enquanto um moinho de vento acompanha o fluxo da natureza, uma usina hidroelétrica
força a natureza a fornecer sempre mais.
( ) As tecnologias agroindustriais, mesmo sendo diferentes na prática, refletem o mesmo
cuidado que o guarda florestal tem ao preservar a floresta.
( ) A técnica sobre a natureza tem objetivos que vão além das necessidades humanas
básicas.
Assinale a alternativa com a sequência correta.
Escolha uma opção:
F, V, F, V, F
V, F, V, F, V
F, V, V, F, V
V, F, F, V, V
F, F, V, V, V
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: F, V, V, F, V
Questão 5
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
1. Leia a manchete:
“O Papa no Dia Mundial do Meio Ambiente: não podemos ser saudáveis num mundo doente
Francisco enviou uma carta ao presidente da Colômbia, Iván Duque Márquez, por ocasião do
Dia Mundial do Meio Ambiente que este ano seria realizado pessoalmente, em Bogotá, mas
por causa da pandemia da Covid-19, se realiza de forma virtual.”
JAGURABA, Mariangela. O Papa no Dia Mundial do Meio Ambiente: não podemos ser
saudáveis num mundo doente. Vatican News. Jun. 2020. Disponível em:
https://www.vaticannews.va/pt/papa/news/2020-06/papa-carta-presidente-colombia-dia-m
undial-meio-ambiente.html, Acesso em: 16 abr. 2021.
2. Leia a frase de Yuval HARARI:
“Há mil anos, quando havia uma seca, o que você fazia? Procurava o sacerdote e rezava. O
que você faz agora? Não procura um sacerdote, mas um engenheiro.”
RODA Viva | Yuval Harari | 11/11/2019, 2019. 1 vídeo (1h 23min). Publicado por Roda Viva.
Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=pBQM085IxOM&t=647s. Acesso em: 01
abr. 2021.
Na entrevista, a partir de tal ideia, Harari defende que:
Escolha uma opção:
As ciências modernas substituem o papel da religião de acalmar as pessoas diante das
incertezas.
O discurso das ciências em geral pode ser entendido como a evolução das ideias ensinadas
pela religião em tempos anteriores.
O pensamento de um engenheiro e o de um sacerdote podem se equivaler, dependendo do
contexto histórico.
A religião perdeu seu espaço de fala sobre o mundo, devendo ser subordinada a tudo o que
diz a ciência.
A religião pode ser importante quando se fala em questões ambientais, mas no aspecto de
conscientização.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: A religião pode ser importante quando se fala em questões
ambientais, mas no aspecto de conscientização.
Questão 1
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia a frase de Viviane Mosé:
“A linguagem é a grande política; ela nos castra, nos isola, nos separa e nos transforma em
sujeito (identidade).”
Café Filosófico – 2008 –https://www.youtube.com/watch?v=YuQ8sXoTCbQ. Acesso em: 14
abr. 2021.
Neste sentido, Mosé faz a crítica à linguagem:
Escolha uma opção:
Social, que cria a identidade do sujeito, mas o faz perder sua essência pensante.
Política, que se utiliza de mecanismos para amarras as pessoas a determinadas ideias.
Sentimental, que não lida com a realidade de modo objetivo.
Racional, que segue uma lógica causal e afasta a vida e a intensidade da existência.
Poética, que se mostra como devaneio e não chega a tocar a realidade.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: Racional, que segue uma lógica causal e afasta a vida e a intensidade
da existência.
Questão 2
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
Falar um com o outro significa: dizer algo para o outro, mostrar um para o outro alguma
coisa e confiar-se mutuamente ao que se mostra. Conversar significa: juntos, dizer algo,
mostrar um para o outro o que se aclama no que se proclama, o que a partir de si mesmo
chega a aparecer. O que não se fala não é somente o que não se deixa verbalizar, mas o não
dito, o que ainda não se mostrou, o que ainda não chegou a aparecer.
HEIDEGGER, Martin. A caminho da linguagem. Petrópolis: Vozes, 2012. [p. 202]
A partir das ideias de Heidegger, leia as proposições.
I. Quando fala, o ser humano sempre faz aparecer algo que pode ser nomeado.
II. Conversar é algo que independe de haver uma realidade comum entre os envolvidos.
III. Quem conversa, toca as coisas do mundo por meio dos símbolos ou palavras que devem
ser acessíveis ao interlocutor.
Assinale uma alternativa.
Escolha uma opção:
Apenas I e III estão corretas.
Apenas III está correta.
I, II e III estão corretas.
Apenas I está correta.
ApenasII e III estão corretas.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: Apenas I e III estão corretas.
Questão 3
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Texto
O homem fala. Falamos quando acordados e em sonho. Falamos continuamente. Falamos
mesmo quando não deixamos soar nenhuma palavra. Falamos mesmo quando ouvimos e
lemos. Falamos igualmente quando não ouvimos e não lemos e, ao invés, realizamos um
trabalho ou ficamos à toa. Falamos sempre de um jeito ou de outro. Falamos porque falar
nos é natural. Falar não provém de uma vontade especial. Costuma-se dizer que por
natureza o homem possui linguagem. [...] [A] linguagem é o que faculta o homem a ser o ser
vivo que ele é enquanto homem. Enquanto aquele que fala, o homem é: homem.
HEIDEGGER, apud Texto Base, p. 64. (Adap.)
A respeito da vinculação entre a fala e o entendimento humano do mundo, considere as
afirmações que se seguem:
I. Falar significa emitir sons para se poder assumir um modo de estar no mundo e
compreendê-lo.
II. Como os demais animais, o ser humano se caracteriza como aquele que fala.
III. O ser humano organiza sua fala na forma de uma língua e, fazendo isso, organiza
igualmente sua compreensão do mundo.
IV. O ser humano busca um caminho de saída de si por meio da linguagem e, dessa forma,
torna-se capaz de e trocar com os outros as suas ideias próprias, os próprios sentidos, os
próprios projetos
É correto o que se afirma em:
Escolha uma opção:
I e III, somente.
I e II, somente.
II e IV, somente.
II e III, somente.
III e IV, somente.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: III e IV, somente.
Questão 4
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
Cem linguagens da criança
“A criança é feita de cem...
A criança tem cem linguagens
(e depois cem cem cem)
mas roubam-lhe noventa e nove.
A escola e a cultura
lhe separam a cabeça do corpo...
Dizem-lhe enfim:
Que o cem não existe.
A criança diz:
Ao contrário o cem existe”
MALAGUZZI, Loris. Cem linguagens da criança. Disponível em:
https://educador.brasilescola.uol.com.br/trabalho-docente/as-diversas-linguagens-da-crianc
a.htm, Acesso em 30 mar. 2021.
A partir das ideias do texto, leia as proposições.
I. A linguagem da criança é múltipla por ainda não ter sido moldada pelos modelos da
sociedade.
II. “A escola e a cultura lhe separam a cabeça do corpo...” fala de como a sociedade deixa a
criança desenvolver plenamente suas linguagens.
III. A crítica diz do modo como a sociedade restringe a linguagem humana a um âmbito
reduzido de possibilidades.
Assinale uma alternativa.
Escolha uma opção:
Apenas I está correta.
Apenas II está correta.
I, II e III estão corretas.
Apenas II e III estão corretas.
Apenas I e III estão corretas.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: Apenas I e III estão corretas.
Questão 5
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
Da necessidade de comunicação imposta pela penúria, pela fome, e possibilitada pela
potente memória da espécie nasceu a linguagem, um processo de abreviação e
simplificação da multiplicidade, uma convenção, composta por um conjunto de sinais
capazes de, por meio da representação, se referir às coisas.
MOSÉ, Viviane. Nietzsche hoje. Petrópolis: Vozes, 2918. [p. 119]
Sobre o tema da linguagem, a autora indica que:
Escolha uma opção:
Sem necessidade propriamente dita, a linguagem nasce para embelezar o mundo humano.
As coisas sempre fazem referência às palavras – estas, dão origem à linguagem.
Ao longo do tempo, a linguagem se mostrou como supérflua ao ser humano.
A linguagem simplifica a realidade, utilizando sinais diversos – por exemplo, a palavra.
Já que é convenção, não há necessidade de que o ser humano aceite algum tipo de
linguagem.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: A linguagem simplifica a realidade, utilizando sinais diversos – por
exemplo, a palavra.
Durante o desenvolvimento humano, a criança constrói as bases da sua própria linguagem,
e só assim ela virá a constituir-se como Homo Loquens.
A língua é um fato social, parte de uma atividade ou forma de vida, que pode ser comparada
a um jogo que, para ser jogado, é preciso conhecer suas regras.
A vida coletiva depende do estabelecimento de objetivos comuns, garantidos mais por
deliberações formais que por jogos de linguagem.
A língua é uma estrutura que muda muito lentamente, e essas mudanças se dão mediante a
promulgação de acordos ortográficos.
A língua é algo prefixado que atribui um nome certo para cada coisa, sendo, portanto,
invariável.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: A língua é um fato social, parte de uma atividade ou forma de vida, que
pode ser comparada a um jogo que, para ser jogado, é preciso conhecer suas regras.
Questão 3
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
Falar um com o outro significa: dizer algo para o outro, mostrar um para o outro alguma
coisa e confiar-se mutuamente ao que se mostra. Conversar significa: juntos, dizer algo,
mostrar um para o outro o que se aclama no que se proclama, o que a partir de si mesmo
chega a aparecer. O que não se fala não é somente o que não se deixa verbalizar, mas o não
dito, o que ainda não se mostrou, o que ainda não chegou a aparecer.
HEIDEGGER, Martin. A caminho da linguagem. Petrópolis: Vozes, 2012. [p. 202]
A partir das ideias de Heidegger, leia as proposições.
I. Quando fala, o ser humano sempre faz aparecer algo que pode ser nomeado.
II. Conversar é algo que independe de haver uma realidade comum entre os envolvidos.
III. Quem conversa, toca as coisas do mundo por meio dos símbolos ou palavras que devem
ser acessíveis ao interlocutor.
Assinale uma alternativa.
Escolha uma opção:
I, II e III estão corretas.
Apenas I e III estão corretas.
Apenas III está correta.
Apenas I está correta.
Apenas II e III estão corretas.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: Apenas I e III estão corretas.
Questão 4
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
Cem linguagens da criança
“A criança é feita de cem...
A criança tem cem linguagens
(e depois cem cem cem)
mas roubam-lhe noventa e nove.
A escola e a cultura
lhe separam a cabeça do corpo...
Dizem-lhe enfim:
Que o cem não existe.
A criança diz:
Ao contrário o cem existe”
MALAGUZZI, Loris. Cem linguagens da criança. Disponível em:
https://educador.brasilescola.uol.com.br/trabalho-docente/as-diversas-linguagens-da-crianc
a.htm, Acesso em 30 mar. 2021.
A partir das ideias do texto, leia as proposições.
I. A linguagem da criança é múltipla por ainda não ter sido moldada pelos modelos da
sociedade.
II. “A escola e a cultura lhe separam a cabeça do corpo...” fala de como a sociedade deixa a
criança desenvolver plenamente suas linguagens.
III. A crítica diz do modo como a sociedade restringe a linguagem humana a um âmbito
reduzido de possibilidades.
Assinale uma alternativa.
Escolha uma opção:
Apenas I e III estão corretas.
Apenas II está correta.
I, II e III estão corretas.
Apenas II e III estão corretas.
Apenas I está correta.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: Apenas I e III estão corretas.
Questão 5
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia a frase de Viviane Mosé:
“A linguagem é a grande política; ela nos castra, nos isola, nos separa e nos transforma em
sujeito (identidade).”
Café Filosófico – 2008 –https://www.youtube.com/watch?v=YuQ8sXoTCbQ. Acesso em: 14
abr. 2021.
Neste sentido, Mosé faz a crítica à linguagem:
Escolha uma opção:
Política, que se utiliza de mecanismos para amarras as pessoas a determinadas ideias.
Poética, que se mostra como devaneio e não chega a tocar a realidade.
Sentimental, que não lida com a realidade de modo objetivo.
Social, que cria a identidade do sujeito, mas o faz perder sua essência pensante.
Racional, quesegue uma lógica causal e afasta a vida e a intensidade da existência.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: Racional, que segue uma lógica causal e afasta a vida e a intensidade
da existência.
Questão 1
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
“Nas culturas indígenas, o processo de socialização das crianças é considerado tarefa de
todos, cabendo às mães e aos pais a orientação nas tarefas e comportamentos que a
comunidade espera desse novo membro do grupo.”
FUNDAÇÃO NACIONAL DO ÍNDIO – FUNAI. Ministério da Justiça e Segurança Pública.
Socialização das crianças. Museu do Índio, [s. d.]. Disponível em:
http://www.museudoindio.gov.br/educativo/pesquisa-escolar/238-socializacao-das-crianc
as#:~:text=Nas%20culturas%20ind%C3%ADgenas%2C%20o%20processo,desse%20novo%
20membro%20do%20grupo. Acesso em: 14 abr. 2021.
A partir das ideias do texto, leia as proposições.
I. Processo de socialização é sempre o mesmo para todas as crianças de uma nação.
II. O processo de socialização sempre obedece ao um entendimento de mundo, de uma
sociedade e não acontece apenas de maneira formal.
III. Entendendo-se o processo de socialização, o aprendizado das crianças indígenas serve,
de modo específico, para aquela comunidade.
Assinale uma alternativa.
Escolha uma opção:
Apenas II e III estão corretas.
Apenas I está correta.
Apenas III está correta.
Apenas I e II estão corretas.
Apenas II está correta.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: Apenas II e III estão corretas.
Questão 2
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o trecho da música.
Meus heróis
Morreram de overdose
Meus inimigos
Estão no poder
Ideologia!
Eu quero uma pra viver
Ideologia!
Eu quero uma pra viver
CAZUZA. Ideologia. Cazuza [compositor]. In: CAZUZA. Ideologia. Rio de Janeiro: Polygram,
p.1988. 1CD.
Leia o trecho.
“Nossa tarefa, aqui, será desfazer a suposição de que a ideologia é um ideário qualquer ou
qualquer conjunto encadeado de ideias e, ao contrário, mostrar que a ideologia é um
ideário histórico, social e político que oculta a realidade, e que esse ocultamento é uma
forma de assegurar e manter a exploração econômica, a desigualdade social e a
dominação política.”
CHAUI, Marilena. O que é ideologia. São Paulo: Brasiliense, 2008.
A partir dos dois trechos e de seus estudos, leia as proposições.
I. A ideologia se relaciona com uma vivência social e não apenas individual.
II. Na música, a ideologia é ligada, também, à construção de uma visão de mundo (conjunto
das ideias do indivíduo).
III. Chaui entende que o termo ‘ideologia’ serve para entender o modo como a sociedade é,
abertamente, estruturada.
Assinale uma alternativa.
Escolha uma opção:
Apenas II é correta.
Apenas I é correta.
Apenas I e II são corretas.
Apenas III é correta.
Apenas II e III são corretas.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: Apenas I e II são corretas.
Questão 3
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
Nesse mesmo sentido é importante lembrar que são autores indispensáveis para tratar do
contratualismo e as teorias que o sucederam a respeito da criação e manutenção do
Estado, tendo em comum a perspectiva de que podemos pensar a história do homem em
pelo menos dois períodos distintos, o homem no estado de natureza e este na sociedade
civil fruto do contrato social. É evidente que cada um dos três trabalha suas teorias de
modo a construí-las distintamente um do outro o que fazem deles únicos, porém
complementares.
RIBEIRO, Josuel Stenio da Paixão. Os Contratualistas em questão: Hobbes, Locke e
Rousseau. Prisma Jurídico, v. 16, n. 1, p. 2-24, 2017. Disponível em:
https://periodicos.uninove.br/prisma/article/download/6863/3600. Acesso em: 01 abr.
2021
A partir da ideia apresentada no texto, leia as proposições e atribua valor V (verdadeira) ou
F (falsa).
( ) Platão é um dos pensadores contratualistas – ele entende que o contrato social é
puramente ideal.
( ) Hobbes é contratualista fala do ser humano como mau por natureza, por isso a
necessidade do contrato.
( ) Rousseau é o pensador contratualista que entende a bondade humana como uma
construção da sociedade.
( ) Locke é contratualista e entende que há 3 direitos naturais: vida, liberdade e
propriedade.
( ) Segundo o contratualista Hobbes, um soberano não assume o poder total sobre a
comunidade social.
Assinale a alternativa com a sequência correta de valores.
Escolha uma opção:
V, F, V, F, V
V, V, V, F, F
F, F, V, V, F
F, V, F, V, F
V, V, F, F, V
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: F, V, F, V, F
Questão 4
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Texto 1
“Parágrafo único. Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes
eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição. “
BRASIL. Constituição da Republica Federativa do Brasil de 1988. Disponível em:
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 14 abr.
2021.
Texto 2
“Na visão de Rousseau, não poderia haver transferência da liberdade, a não ser que aquele
que a transfere faça parte, ainda que de uma pequena parcela, da soberania, para que tal
direito possa ser transferido, em última instância, do indivíduo para ele mesmo, em seu
duplo papel na esfera política, de cidadão e de parte da soberania.”
BAPTISTA, Ligia Pavan. O Paradoxo da Origem do Poder Político em Rousseau.
Trans/Form/Ação, Marília, v. 38, n. spe, p. 111-120, 2015. Disponível em:
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31732015000400111&lng=
en&nrm=iso. Acesso em: 02 Apr. 2021.
A partir dos dois textos, avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
I. Quando o povo elege determinadas pessoas para governar, ele transfere toda sua
liberdade e direito de decisão aos governantes eleitos.
PORQUE
II. Um governante não pode intervir nas decisões individuais dos cidadãos, quando as
consequências forem restritas à vida pessoal e não afetar a outrem.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
Escolha uma opção:
As asserções I e II são proposições falsas.
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da
I.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição
verdadeira.
Questão 5
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
“Por tudo o que sabemos, somente os Sapiens são capazes de cooperar de modos muito
flexíveis com um grande número de estranhos. Essa capacidade concreta – e não uma
alma eterna ou algum tipo único de consciência – explica nosso domínio sobre o planeta
Terra”
HARARI, Y. Homo Deus. São Paulo: Companhia das Letras, 2016. [p. 139].
A partir da ideia apresentada no texto, entende-se que:
Escolha uma opção:
A flexibilidade humana se revela quando as pessoas resolvem aceitar as opiniões diversas
para que sejam evitados os conflitos.
O ser humano apenas coopera quando pode atingir os objetivos particulares, pois não quer
ser prejudicado diante da coletividade.
O cooperar humano se dá apenas quando as pessoas se conhecem e entendem que os
objetivos de todas são os mesmos.
A flexibilidade cooperativa – comum a todos os animais do gênero homo – permitiu a vida
em sociedade.
A cooperação é parte da dimensão Homo socialis, mostrando que, naturalmente, o ser
humano coopera para objetivos comuns.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: A cooperação é parte da dimensão Homo socialis, mostrando que,
naturalmente, o ser humano coopera para objetivos comuns.
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questãoLeia o texto.
Mas uma coisa engraçada aconteceu com a linguagem na vida intelectual. Em vez de ser
apreciada por sua capacidade de comunicar o pensamento, foi condenada por seu poder
de restringir o pensamento. Citações célebres de dois filósofos refletem essa
preocupação. “Temos de deixar de pensar se nos recusarmos a fazê-lo na prisão da
língua”, escreveu Friedrich Nietzsche. “Os limites da minha língua significam os limites de
meu mundo”, são palavras de Ludwig Wittgenstein.
PINKER, Steven. Tábula rasa; a negação contemporânea da natureza humana. São Paulo:
Companhia das Letras, 2004. [p. 287]
Avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
I. A língua não pode ser considerada como algo que prende o pensamento.
PORQUE
II. A língua é livre de regras e todas as pessoas podem nomear o mundo segundo sua
experiência.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
Escolha uma opção:
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da
I.
As asserções I e II são proposições falsas.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: As asserções I e II são proposições falsas.
Questão 12
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Texto
O homem fala. Falamos quando acordados e em sonho. Falamos continuamente. Falamos
mesmo quando não deixamos soar nenhuma palavra. Falamos mesmo quando ouvimos e
lemos. Falamos igualmente quando não ouvimos e não lemos e, ao invés, realizamos um
trabalho ou ficamos à toa. Falamos sempre de um jeito ou de outro. Falamos porque falar
nos é natural. Falar não provém de uma vontade especial. Costuma-se dizer que por
natureza o homem possui linguagem. [...] [A] linguagem é o que faculta o homem a ser o
ser vivo que ele é enquanto homem. Enquanto aquele que fala, o homem é: homem.
HEIDEGGER, apud Texto Base, p. 64. (Adap.)
A respeito da vinculação entre a fala e o entendimento humano do mundo, considere as
afirmações que se seguem:
I. Falar significa emitir sons para se poder assumir um modo de estar no mundo e
compreendê-lo.
II. Como os demais animais, o ser humano se caracteriza como aquele que fala.
III. O ser humano organiza sua fala na forma de uma língua e, fazendo isso, organiza
igualmente sua compreensão do mundo.
IV. O ser humano busca um caminho de saída de si por meio da linguagem e, dessa forma,
torna-se capaz de e trocar com os outros as suas ideias próprias, os próprios sentidos, os
próprios projetos
É correto o que se afirma em:
Escolha uma opção:
I e III, somente.
II e III, somente.
III e IV, somente.
II e IV, somente.
I e II, somente.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: III e IV, somente.
Questão 13
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
“Nas culturas indígenas, o processo de socialização das crianças é considerado tarefa de
todos, cabendo às mães e aos pais a orientação nas tarefas e comportamentos que a
comunidade espera desse novo membro do grupo.”
FUNDAÇÃO NACIONAL DO ÍNDIO – FUNAI. Ministério da Justiça e Segurança Pública.
Socialização das crianças. Museu do Índio, [s. d.]. Disponível em:
http://www.museudoindio.gov.br/educativo/pesquisa-escolar/238-socializacao-das-crianc
as#:~:text=Nas%20culturas%20ind%C3%ADgenas%2C%20o%20processo,desse%20novo%
20membro%20do%20grupo. Acesso em: 14 abr. 2021.
A partir das ideias do texto, leia as proposições.
I. Processo de socialização é sempre o mesmo para todas as crianças de uma nação.
II. O processo de socialização sempre obedece ao um entendimento de mundo, de uma
sociedade e não acontece apenas de maneira formal.
III. Entendendo-se o processo de socialização, o aprendizado das crianças indígenas serve,
de modo específico, para aquela comunidade.
Assinale uma alternativa.
Escolha uma opção:
Apenas II está correta.
Apenas I e II estão corretas.
Apenas I está correta.
Apenas II e III estão corretas.
Apenas III está correta.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: Apenas II e III estão corretas.
Questão 14
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Leia o trecho da música.
Meus heróis
Morreram de overdose
Meus inimigos
Estão no poder
Ideologia!
Eu quero uma pra viver
Ideologia!
Eu quero uma pra viver
CAZUZA. Ideologia. Cazuza [compositor]. In: CAZUZA. Ideologia. Rio de Janeiro: Polygram,
p.1988. 1CD.
Leia o trecho.
“Nossa tarefa, aqui, será desfazer a suposição de que a ideologia é um ideário qualquer ou
qualquer conjunto encadeado de ideias e, ao contrário, mostrar que a ideologia é um
ideário histórico, social e político que oculta a realidade, e que esse ocultamento é uma
forma de assegurar e manter a exploração econômica, a desigualdade social e a
dominação política.”
CHAUI, Marilena. O que é ideologia. São Paulo: Brasiliense, 2008.
A partir dos dois trechos e de seus estudos, leia as proposições.
I. A ideologia se relaciona com uma vivência social e não apenas individual.
II. Na música, a ideologia é ligada, também, à construção de uma visão de mundo (conjunto
das ideias do indivíduo).
III. Chaui entende que o termo ‘ideologia’ serve para entender o modo como a sociedade é,
abertamente, estruturada.
Assinale uma alternativa.
Escolha uma opção:
Apenas III é correta.
Apenas I é correta.
Apenas II e III são corretas.
Apenas II é correta.
Apenas I e II são corretas.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: Apenas I e II são corretas.
Questão 1
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
“Será que corremos o risco de virmos a ser anulados pelas máquinas, para que não
continuemos a cometer erros primários, crimes passionais, a destruir o planeta por pura
ambição e a cometer outros atos considerados absurdos por afetação ideológica? Ou,
quem sabe, estejamos tendo a oportunidade de vislumbrar um novo tempo no qual
poderemos relegar as coisas não essenciais às máquinas, para podermos nos concentrar
naquilo que é essencial, que nos é próprio?
Texto Base p. 22.
A partir das questões que acima foram levantadas, avalie as asserções a seguir e a relação
proposta entre elas.
I. É possível que, num futuro não muito remoto, as máquinas inteligentes assumam a
maioria das tarefas que antes cabiam aos seres humanos. A depender da maneira como
nós, seres humanos, lidarmos com isso, as consequências podem ser aniquiladoras ou
esperançosas.
PORQUE
II. Se tais transformações forem bem geridas, os seres humanos poderão, finalmente,
delegar às máquinas aquelas tarefas que podem ser realizadas por máquinas, para, então,
se dedicarem à realização daquilo que é essencialmente humano. Disputar espaço com as
máquinas só fará reduzir o humano à mesma condição inumana dos autômatos.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
Escolha uma opção:
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
As asserções I e II são proposições falsas.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da
I.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma
justificativa correta da I.
Questão 2
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Fisicamente, o ser humano é constituído basicamente dos mesmos elementos
encontrados comumente na natureza: oxigênio, hidrogênio, carbono e nitrogênio.
Esse dado nos permite afirmar que:
I. O ser humano, a natureza, o planeta Terra e o próprio Universo estão integrados como se
fossem um único organismo.
II. Os elementos que compõem a natureza conferemo suporte físico para a vida humana.
III. Cada ser humano que nasce contribui para aumentar a quantidade de componentes na
natureza e, quando morre, para aumentar a contaminação do planeta.
IV. Os seres humanos são a própria Terra que adquiriu consciência.
É correto somente o que se afirma em:
Escolha uma opção:
I, II e IV.
I, III e IV.
II e III.
I, II e III.
I e IV.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: I, II e IV.
Questão 3
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Afinal, o corpo poderia apresentar apenas uma das duas sensações e estaria tudo certo.
Não é bem assim. A cada momento é necessário uma predominar sobre a outra e, no final,
as duas se interpor. Muitas vezes a razão precisa predominar sobre a emoção, pois,
somente assim algumas consequências catastróficas podem ser amenizadas. As
compulsões são frutos das emoções. Com emoção predominante, os acidentes de trânsito
podem aumentar, indivíduos podem comprar e gastar influenciados pelos anúncios
relâmpagos da internet, acreditar devocionalmente em fake news de promessas de
tratamentos esdrúxulos quando a sua saúde se põe abalada, entre outras séries de
situações inusitadas pela prevalência emocional.
CASÉ, Júlio. A interposição razão e emoção. GC Notícias. 25/06/2020. Disponível em:
http://www.gcnoticias.com.br/artigos/a-interposicao-razao-e-emocao/1934752, Acesso
em 29/05/2021.
A partir do texto, analise as proposições abaixo e atribua o valor V (verdadeira) ou F (falsa)
para cada uma.
( ) É a própria pessoa que escolhe trabalhar com apenas uma sensação – razão ou emoção.
( ) De acordo com uma situação determinada, a pessoa utiliza mais uma base de reflexão
que outra – razão ou emoção.
( ) Ao escolher decidir racionalmente, a pessoa deve sustentar este posicionamento
sempre, como sendo sua identidade
( ) Costumeiramente, situações inesperadas levam as pessoas a uma decisão mais
emocional que racional, mesmo profissionalmente.
( ) Profissionalmente, uma pessoa deve sempre escolher a partir da razão, deixando de
lado qualquer emoção.
Assinale a alternativa cuja sequência de valores é correta.
Escolha uma opção:
F, V, F, V, F
V, V, F, V, F
F, V, F, V, V
F, F, V, V, V
V, F, F, V, V
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: F, V, F, V, F
Questão 4
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
... [o ser humano] sabe que está separado daquilo que o cerca, ele não apenas olha, mas
interpreta, por isso é um animal que processa o que vive, digere, elabora. A possibilidade
de configurar o mundo, de criar sistemas, é o resultado desta capacidade da espécie de
distanciar-se de si mesma, de posicionar-se em relação aos outros.
MOSÉ, Viviane. O homem que sabe. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2012. [p. 25]
A partir da ideia citada, analise as proposições:
I. A vida humana vai além do que permite sua animalidade; ser humano é olhar de fora.
II. Quanto mais se distancia de si, mais o ser humano se perde de sua essência.
III. Ser humano significa ser consciente de uma diferença essencial entre os animais.
É correto o que se afirma apenas em:
Escolha uma opção:
I e III.
I.
II.
III.
II e III.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: I e III.
Questão 5
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Podemos notar, então, que, para algumas abordagens a razão parece estar submetida à
afetividade (conforme algumas interpretações do modelo freudiano, por exemplo), ou
vice-versa (conforme algumas críticas feitas à abordagem piagetiana do assunto). Assim,
consideramos muito importante rever os estatutos e os papéis atribuídos aos aspectos
afetivos e cognitivos, nas diferentes teorias para empreender uma compreensão para além
da visão dicotômica da natureza humana.
SOUZA, Maria Thereza C. C. As relações entre afetividade e inteligência no
desenvolvimento psicológico. Psic.: Teor. e Pesq. 27 (2) junho 2011. Disponível em:
https://www.scielo.br/j/ptp/a/byCS7FDbNwLSZZNRmBSvdJD/?lang=pt, Acesso em: 29 de
maio 2021.
Analise as proposições, a partir do trecho.
I. Para se compreender mais sobre o ser humano, é preciso superar uma visão binária
sobre sua realidade.
II. É preciso estabelecer qual aspecto deve ser privilegiado ao se entender o ser humano: o
afetivo ou o cognitivo.
III. A realidade humana, em todos os seus âmbitos, não pode ser entendida apenas como
oposição de contrários.
É correto o que se afirma apenas em:
Escolha uma opção:
I e III.
II e III.
I e II.
II.
I.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: I e III.
Questão 6
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Texto
“O Apartheid foi uma das ideologias mais perversas que brutalizou a África do Sul de 1948
a 1994. Uma ideologia abençoada por religiosos e efetivada por políticos tão estreitamente
aliados que seu implementador foi um pastor protestante que se fizera primeiro-ministro.”
Texto Base, p. 50.
Curiosamente, foi um outro pastor que se destacou como marco da luta antiapartheid, o
reverendo anglicano Desmond Tutu, falecido recentemente, aos 90 anos de idade. Foi por
causa da sua atuação em defesa dos direitos humanos, ao lado de outras personalidades
como Nelson Mandela, que ele foi agraciado com o prêmio Nobel da Paz de 1984.
Nossos estudos recentes têm destacado o tema da liberdade humana, e a discussão sobre
o livre arbítrio e os condicionamentos ideológicos que tentam nos fazer introjetar e
reproduzir valores que nem sempre visam ao nosso bem.
Marque a assertiva que melhor expressa a noção de liberdade apontada por essas
reflexões:
Escolha uma opção:
As religiões nos esclarecem que nossa existência está definida e que tudo está
predestinado em cada detalhe por obra de um ser absoluto que tudo sabe.
Os meios de comunicação de massa são as ferramentas eficientes e as verdadeiras
responsáveis por determinar o nosso jeito de pensar e agir.
A liberdade pode ser conquistada por meio da ruptura consciente e deliberada do ciclo
mimético a que a ideologia e os instintos tentam nos submeter.
O ciclo mimético que nos faz reproduzir os condicionamentos ideológicos nos impede de
experimentar a liberdade e exercer o livre arbítrio.
A liberdade é uma ilusão, pois nosso destino já está traçado pelo DNA, de modo que não
temos autonomia suficiente para agir contra os nossos instintos.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: A liberdade pode ser conquistada por meio da ruptura consciente e
deliberada do ciclo mimético a que a ideologia e os instintos tentam nos submeter.
Questão 7
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Se você tem um celular e redes sociais, provavelmente sabe que Facebook, Google e
outras gigantes da tecnologia conseguem prever com bastante precisão seu
comportamento, principalmente de consumo.
POLLO, Luiza. Livre-arbítrio: é você ou o universo que determina suas escolhas? TAB Uol.
22/05/2021. Disponível em:
https://tab.uol.com.br/noticias/redacao/2021/05/22/livre-arbitrio-e-voce-ou-o-universo-q
ue-determina-suas-escolhas.htm?cmpid, Acesso em 29 de maio 2021.
Avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
I. O avanço nas tecnologias digitais pode levar à perda da liberdade individual.
PORQUE
II. O indivíduo pode escolher segundo sua vontade, sem direcionamentos.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
Escolha uma opção:
As asserções I e II são proposições falsas.
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da
I.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição
falsa.
Questão 8
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcarquestão
Texto da questão
Leia os textos.
Texto 1
“No modelo tradicional de medicina, todos os dados relativos ao estado de saúde do
paciente eram coletados apenas de forma intermitente, sobretudo por ocasião das
consultas médicas, e ficavam dispersos em arquivos analógicos ou em diferentes bancos
digitais de registros médicos. Hoje, porém, dispomos de uma opção bem melhor:
tecnologias pessoais capazes de monitorar continuamente os sinais vitais e registrar de
forma abrangente os dados coletados.”
KRAFT, Daniel. 12 inovações que vão revolucionar o futuro da medicina. National
Geographic, dez. 2018. Disponível em:
https://www.nationalgeographicbrasil.com/2018/12/12-inovacoes-revolucao-medicina-fut
uro-tecnologia-saude. Acesso em: 31 mar. 2021
Texto 2
“Atualmente, resolvemos quase tudo pelos aplicativos de mensagens e redes sociais. Mas
é preciso cautela para que a relação humana entre médico e paciente não seja deixada de
lado”, comenta e faz um alerta sobre consultas não presenciais:
“Essa aparente facilidade esconde algumas armadilhas que devem ser consideradas em
uma consulta médica. A consulta virtual reduziria o processo de maneira significativa. A
anamnese se resumiria a um preenchimento de formulário; o exame físico se basearia em
fotos ou vídeos enquadrados a critério dos pacientes; o diagnóstico baseado em
algoritmos; e a conduta em consensos e protocolos preestabelecidos. Transformaríamos o
cuidado à saúde em uma ciência exata, absoluta, cartesiana.”
TECNOLOGIA na medicina: ajuda ou atrapalha? SBD – Sociedade Brasileira de
Dermatologia, dez. 2019. Disponível em:
https://www.sbd.org.br/JSBD/JSBD-V23-N5/Midia-e-Saude/tecnologia-na-medicina-ajuda
-ou-atrapalha/. Acesso em: 01 abr. 2021
A partir das ideias dos textos, leia as proposições.
I. A tecnologia é auxílio em todas as áreas de atuação humana – na medicina, apenas
podem ser observados benefícios.
II. Ao longo do tempo, a tecnologia vem alterando o fazer nos diferentes âmbitos
profissionais.
III. Mesmo trazendo benefícios, o papel da tecnologia nas profissões deve ser revisto e
questionado.
IV. A tecnologia modifica o mundo, trazendo inúmeros benefícios; mas o processo de
aplicação tecnológica deve ser sempre bem dirigido.
Assinale uma alternativa.
Escolha uma opção:
Estão corretas apenas I, II e III.
Estão corretas I, II, III e IV.
Estão corretas apenas III e IV.
Estão corretas apenas II, III e IV.
Estão corretas apenas II e III.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: Estão corretas apenas II, III e IV.
Questão 9
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Leia os textos.
Texto 1
“Em contrapartida, o Sapiens rompeu as barreiras que dividiam o globo em zonas
ecológicas independentes. No Antropoceno, o planeta tornou-se pela primeira vez uma
unidade ecológica. Austrália, Europa e América continuaram com seus climas e topografias
diferentes, contudo os humanos fizeram com que organismos espalhados por todo o
mundo se combinassem numa base regular, independentemente da distância e da
geografia.”
HARARI, Yuval Noah. Homo deus: uma breve história do amanhã. Tradução de Paulo
Geiger. São Paulo: Companhia das Letras, 2016.
Texto 2
“O processo natural de extinção de espécies sempre ocorreu, no entanto, não levava ao seu
total extermínio, pois a variabilidade genética permitia que novas espécies surgissem.
Atualmente, observamos um processo de extinção acelerado decorrente das ações
antrópicas, principalmente relacionadas ao aquecimento global e destruição da camada de
ozônio, o que limita o processo evolutivo e causa a extinção de muitos animais.“
SANTOS, Helivania Sardinha dos. Animais ameaçados de extinção. Biologia Net, [n. d.].
Disponível em:
https://www.biologianet.com/biodiversidade/animais-ameacados-extincao.htm. Acesso
em: 31 mar. 2021.
A partir dos textos, leia as proposições:
I. O texto 2, já que aponta para causas antrópicas, exclui o ser humano como único
responsável pela extinção.
II. As transformações realizadas pelo ser humano, ao longo do tempo, fazem com que
a extinção se torne um processo unicamente de perda.
III. Os dois textos tratam a ação humana como consequência de fatores que são
externos a ela – por exemplo a extinção de animais.
É correto o que se afirma em:
Escolha uma opção:
III, apenas.
II, apenas.
I, apenas.
I, II e III.
I e II, apenas.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: II, apenas.
Questão 10
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
“Com efeito, há uma diferença entre o moinho de vento, a ponte de madeira sobre o rio, a
semeadura e a colheita destinadas à sobrevivência do camponês, o guarda florestal que
percorre as trilhas entre as árvores, de um lado, e a usina hidroelétrica, a agroindústria e a
indústria madeireira, de outro. No primeiro caso, dir-se-ia que há uma espécie de
continuidade entre a produção natural e a interferência humana. O moinho de vento
significa: deixar que aconteça o movimento do vento sobre o movimento das pás; a
semeadura e a colheita significam: deixar acontecer o processo natural das estações; a
ponte de madeira significa a primazia do rio a ser transposto; o guarda florestal significa o
guardador das árvores. No segundo caso, o vento, o rio, a floresta, a terra significam
reserva de energia a ser extraída, processada e consumida. Desse ponto de vista, árvore é
madeira e carvão; rio é possibilidade de acionar turbinas; ponte é possibilidade de
transportar mercadorias.”
SILVA, Franklin Leopoldo e. Martin Heidegger e a técnica. Scientiae Studia. São Paulo, vol.
5, n. 3, p. 370-371, 2007. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/ss/v5n3/a04v5n3.pdf,
Acesso em: 05 mar. 2021.
O autor escreve a partir das ideias de Martin Heidegger. A partir do trecho, leia as
proposições e atribua valor V (verdadeira) ou F (falsa).
( ) Todo fazer humano, no fundo, acaba tomando a natureza como valor em si mesma.
( ) Há uma diferença de relação entre o ser humano e a natureza: de um lado, deixar a
natureza ser; de outro lado, dirigir a natureza.
( ) Enquanto um moinho de vento acompanha o fluxo da natureza, uma usina hidroelétrica
força a natureza a fornecer sempre mais.
( ) As tecnologias agroindustriais, mesmo sendo diferentes na prática, refletem o mesmo
cuidado que o guarda florestal tem ao preservar a floresta.
( ) A técnica sobre a natureza tem objetivos que vão além das necessidades humanas
básicas.
Assinale a alternativa com a sequência correta.
Escolha uma opção:
F, V, V, F, V
V, F, F, V, V
F, V, F, V, F
V, F, V, F, V
F, F, V, V, V
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: F, V, V, F, V
Questão 11
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Texto 1 (manchete)
Língua de sinais do povo indígena Terena vira história em quadrinhos de estudante da
UFPR
Quadrinho é inspirado em uma história da etnia e tem objetivo de imortalizar a língua de
sinais do povo Terena. No Brasil, são pelo menos nove línguas de sinais pesquisadas,
diferentes da libras, e essa é uma delas.
Disponível em:
https://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2021/04/03/lingua-de-sinais-do-povo-indigena-ter
ena-vira-historia-em-quadrinhos-de-estudante-da-ufpr.ghtml, acesso em 03 abr. 2021.
Texto 2
Existe um Projeto de Lei em análise no Senado que ignora a diversidade da surdez,
colocando no mesmo saco todas as pessoas surdas e fazendo a opinião pública acreditar
que as necessidades de acessibilidade e de comunicação de todos os surdos se resumem
a língua de sinais. Conforme já explicamos aqui: a surdez tem graus, nem todo surdo usa
libras e a libras é a língua natural de ALGUNS surdos, não de todos.
Disponível em: https://cronicasdasurdez.com/coisas-sobre-libras/, acesso em 03 abr.
2021.
Agora, leia as proposições e atribua valor V (verdadeira) ou F (falsa).
( ) Libras é uma linguagem e, por isso, pode ser usada para diferentes culturas.
( ) A manchete mostra que, não importando a cultura, toda comunidade desenvolve meios
específicosde comunicação.
( ) O texto 2 trata de algo que se mostra como benefício para a situação apresentada no
texto 1.
( ) Ambos os textos tratam de um mesmo tipo de padronização linguística que deve ser
buscada pela sociedade.
( ) O texto 2 critica a tentativa de padronização da língua utilizada por muitos surdos.
Assinale a alternativa com a sequência correta de valores.
Escolha uma opção:
F, V, F, F, V
V, F, F, F, V
V, V, F, F, V
V, F, V, F, V
F, V, F, V, F
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: F, V, F, F, V
Questão 12
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Texto
“[...] uma criança vai crescendo e percebendo que já existem nomes definidos para as
coisas. Disso, podemos entender que a língua é algo imposto, como algo que deve ser
seguido de determinado modo. [...] quando não se chega a um ponto comum dos nomes
das coisas, não se consegue atingir objetivos propostos.”
Texto Base, p. 50.
É correto, portanto, afirmar que:
Escolha uma opção:
A língua é uma estrutura que muda muito lentamente, e essas mudanças se dão mediante
a promulgação de acordos ortográficos.
A língua é um fato social, parte de uma atividade ou forma de vida, que pode ser
comparada a um jogo que, para ser jogado, é preciso conhecer suas regras.
A língua é algo prefixado que atribui um nome certo para cada coisa, sendo, portanto,
invariável.
Durante o desenvolvimento humano, a criança constrói as bases da sua própria linguagem,
e só assim ela virá a constituir-se como Homo Loquens.
A vida coletiva depende do estabelecimento de objetivos comuns, garantidos mais por
deliberações formais que por jogos de linguagem.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: A língua é um fato social, parte de uma atividade ou forma de vida,
que pode ser comparada a um jogo que, para ser jogado, é preciso conhecer suas regras.
Questão 13
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Texto 1
“Parágrafo único. Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes
eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição. “
BRASIL. Constituição da Republica Federativa do Brasil de 1988. Disponível em:
http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 14 abr.
2021.
Texto 2
“Na visão de Rousseau, não poderia haver transferência da liberdade, a não ser que aquele
que a transfere faça parte, ainda que de uma pequena parcela, da soberania, para que tal
direito possa ser transferido, em última instância, do indivíduo para ele mesmo, em seu
duplo papel na esfera política, de cidadão e de parte da soberania.”
BAPTISTA, Ligia Pavan. O Paradoxo da Origem do Poder Político em Rousseau.
Trans/Form/Ação, Marília, v. 38, n. spe, p. 111-120, 2015. Disponível em:
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0101-31732015000400111&lng=
en&nrm=iso. Acesso em: 02 Apr. 2021.
A partir dos dois textos, avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
I. Quando o povo elege determinadas pessoas para governar, ele transfere toda sua
liberdade e direito de decisão aos governantes eleitos.
PORQUE
II. Um governante não pode intervir nas decisões individuais dos cidadãos, quando as
consequências forem restritas à vida pessoal e não afetar a outrem.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
Escolha uma opção:
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
As asserções I e II são proposições falsas.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da
I.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição
verdadeira.
Questão 14
CorretoAtingiu 0,50 de 0,50Marcar questão
Texto da questão
Leia o texto.
“Por tudo o que sabemos, somente os Sapiens são capazes de cooperar de modos muito
flexíveis com um grande número de estranhos. Essa capacidade concreta – e não uma
alma eterna ou algum tipo único de consciência – explica nosso domínio sobre o planeta
Terra”
HARARI, Y. Homo Deus. São Paulo: Companhia das Letras, 2016. [p. 139].
A partir da ideia apresentada no texto, entende-se que:
Escolha uma opção:
A flexibilidade humana se revela quando as pessoas resolvem aceitar as opiniões diversas
para que sejam evitados os conflitos.
A cooperação é parte da dimensão Homo socialis, mostrando que, naturalmente, o ser
humano coopera para objetivos comuns.
O ser humano apenas coopera quando pode atingir os objetivos particulares, pois não quer
ser prejudicado diante da coletividade.
A flexibilidade cooperativa – comum a todos os animais do gênero homo – permitiu a vida
em sociedade.
O cooperar humano se dá apenas quando as pessoas se conhecem e entendem que os
objetivos de todas são os mesmos.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: A cooperação é parte da dimensão Homo socialis, mostrando que,
naturalmente, o ser humano coopera para objetivos comuns.
Questão 1
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
O elemento lúdico se manifesta pelo caráter irreverente, disruptivo, imaginativo e criativo
das relações sociais, inerente às culturas humanas. Isto significa que o princípio agon -
termo grego que significa luta, combate, disputa - está presente nas diversas maneiras
com que experienciamos a vida, seja nos processos orgânicos, nas relações de poderes ou
na sociedade em geral.
PIRES, Maria Raquel Gomes Maia; GOTTEMS, Leila Bernarda Donato; FONSECA, Rosa
Maria Godoy Serpa da. Recriar-se lúdico no desenvolvimento de jogos na saúde. Texto
Contexto Enferm, v. 26, n. 4, p. e2500017, 2017. Disponível em:
https://www.scielo.br/pdf/tce/v26n4/0104-0707-tce-26-04-e2500017.pdf. Acesso em: 9
abr. 2021.
Com base no fragmento acima, analise as seguintes afirmações:
I. Manifestações lúdicas ocorrem em diferentes atividades da ação humana, como na arte,
na política, na guerra, nos eventos esportivos etc.
II. Nas sociedades contemporâneas, as atividades lúdicas não se restringem aos jogos,
mas perpassam toda vida social e coletiva.
III. O atual estágio do desenvolvimento dos esportes e dos eventos esportivos exclui o
elemento lúdico, uma vez que sua finalidade é econômica.
IV. A noção de ludicidade se opõem e inviabiliza a noção de seriedade e, por isso,
atividades sérias como a política ou a guerra não contemplam o lúdico.
É correto o que se afirma em:
Escolha uma opção:
IV, apenas.
I e II apenas.
I, II e IV apenas.
I, apenas.
II, III apenas.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: I e II apenas.
Questão 2
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Riscar o chão para sair pulando é uma brincadeira que vem dos tempos do Império
Romano. A amarelinha original tinha mais de 100m. e era usada como treinamento militar.
As crianças romanas, então, fizeram limitações reduzidas do campo utilizado pelos
soldados e acrescentaram numeração nos quadrinhos que deveriam ser pulados. Hoje, as
amarelinhas variam nos formatos geométricos e na quantidade de casas. As palavras “céu”
e “inferno” podem ser escritas no começo e no final do desenho que é marcado no chão
com giz, tinta o graveto.
AMARELINHA. Mapa do Brincar. Folha de São Paulo, São Paulo, [s. d.]. Disponível
https://mapadobrincar.folha.com.br/brincadeiras/amarelinha/. Acesso em: 18 abr. 2021.
Com base no fragmento acima, avalie as sentenças a seguir
I. O jogo possui um caráter contextual e histórico, de forma que suas regras podem ser
alteradas e realinhadas conforme cada contexto social.
II. O objetivo final do jogo é o aperfeiçoamento físico e, portanto, ao ser usado em
treinamentos militares, o jogo perde seu caráter lúdico.
III. Enquanto treinamento militar, a amarelinha possui regras que devem ser seguidas,
diferentemente do que ocorre na brincadeira infantilonde o regramento é desnecessário.
IV. O caráter competitivo da brincadeira ou do jogo se transforma conforme o contexto
histórico, social e cultural.
É correto o que se afirma em:
Escolha uma opção:
I, apenas.
II e IV, apenas.
III e IV, apenas.
I e IV, apenas.
I e II, apenas.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: I e IV, apenas.
Questão 3
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
[O jogo é] Atividade ou ocupação voluntária, exercida num certo nível de tempo e espaço,
segundo regras livremente consentidas e absolutamente obrigatórias, dotado de um fim
em si mesmos, atividade acompanhada de um sentimento de tensão e alegria, e de uma
consciência de ser que é diferente daquela da vida cotidiana
HUIZINGA, J. O homo ludens. o jogo como elemento da cultura. São Paulo: Perspectiva,
2000, p. 33.
Considerando o trecho acima, assinale a alternativa correta:
Escolha uma opção:
O jogo é um elemento do universo infantil, orientado para que a criança satisfaça seus
desejos individuais.
O jogo é uma esfera distinta e externa à vida social e coletiva, mais próxima das relações
instintivas e naturais dos homens.
O jogo carrega o elemento lúdico similar à ludicidade presente na esfera do trabalho
contemporâneo.
A finalidade última do jogo é o entretenimento e o reconhecimento externo, típicos dos
grandes eventos esportivos.
O jogo é toda atividade realizada num espaço e tempo determinados, com regras, e que
promove a evasão temporária da realidade.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: O jogo é toda atividade realizada num espaço e tempo determinados,
com regras, e que promove a evasão temporária da realidade.
Questão 4
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
[...] quando, por exemplo, nos vemos lançados em um jogo (seja ele de futebol, de peteca,
de xadrez ou qualquer outro), jogamos à medida exata em que atuamos, isto é, que
desempenhamos o papel que nos é imposto pela partida disputada. Ora, ao nos lançarmos
por exemplo em um jogo de futebol, nós ganhamos a identidade de zagueiro, goleiro, meio
de campo, etc., em função da relação que estabelecemos com os outros jogadores que
conosco disputam a partida.
FRANÇA, Karen Milla da Almeida; RIBEIRO, Glória Maria Ferreira. Jogo e linguagem.
Existência e Arte – Revista Eletrônica do Grupo PET - Ciências Humanas, Estética e Artes
da Universidade Federal de São João Del-Rei. Ano III, n. III, p. 3, jan. a dez. 2007.
Disponível em:
https://ufsj.edu.br/portal-repositorio/File/existenciaearte/Edicoes/3_Edicao/JOGO%20E%2
0LINGUAGEMkaren.pdf. Acesso em: 15 abr. 2021.
Com base na definição acima, avalie as asserções a seguir e a relação proposta entre elas.
I. Os papeis e as identidades desempenhados dentro de um jogo apenas fazem sentido
enquanto são desempenhados no próprio jogo
PORQUE
II. O espaço e o sentido do jogo não podem ser compreendidos fora do seu próprio
contexto.
A respeito dessas asserções, assinale a opção correta:
Escolha uma opção:
As asserções I e II são proposições falsas.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa correta da
I.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa correta da I.
A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma
justificativa correta da I.
Questão 5
IncorretoAtingiu 0,00 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
[...], numerosas etnografias com jogadores e grupos de torcedores/as de futebol
demonstram o uso rico dos fatos do jogo na vida cotidiana destas pessoas. Se, por
exemplo, considerarmos o futebol como um “universo de atividades”, como um fenômeno
que está além do que acontece exclusivamente dentro das quatro linhas durante o tempo
de jogo, veremos que há muitos “futebóis”. Há, em primeiro lugar, o fazer profissional dos
jogadores, e seu circuito de produção profissional de espetáculos: empresas de mídia,
empresários, dirigentes clubísticos, juízes, advogados e médicos especializados, etc. Há,
também outras instâncias de “futebol jogado” sem este aparato, em várzeas, praias,
campinhos e quadras de escolas e clubes, a famosa “pelada” [...]
GASTALDO, E. Arquibancada Cotidiana: jogos,sociabilidade e interação entre torcedores de
futebol no Brasil. LOGOS 44 - Dossiê - Mídia, esporte e cultura. Vol.23, Nº 01, 1º semestre
2016, p. 25.
A partir do fragmento acima, analise as seguintes sentenças:
I. Nas sociedades atuais, os eventos esportivos se caracterizam pela perda do caráter
competitivo e de combate, intrínsecos ao jogo.
II. O jogo de futebol, nas suas diferentes instâncias, corresponde a um espaço de
sociabilidade e socialização, portadores de sentidos e significados próprios.
III. O esporte profissional e os grandes eventos esportivos se destinam ao espetáculo e
não carregam, portanto, o elemento lúdico.
IV. O espaço do esporte e dos jogos, de modo geral, representam um espaço menor na
cultura atual, visto que se transformaram em negócios.
É correto o que se afirma em:
Escolha uma opção:
II e III, apenas.
I, apenas.
II, apenas.
I e IIapenas.
IV, apenas.
Feedback
Sua resposta está incorreta.
A resposta correta é: II, apenas.
Questão 1
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Esse festival (de Parintins) alcançou nos últimos anos dimensões massivas, conjugando,
de modo inesperado e criativo, padrões e temas culturais tradicionais a procedimentos e
abordagens modernizantes. É hoje uma das grandes manifestações populares do Norte do
Brasil, atraindo milhares de pessoas não só de Manaus (a capital do estado) e cidades
próximas, como de diversas partes do país. Nos anos recentes, essa brincadeira do boi foi
eleita como bandeira de uma identidade cultural regional. Esse alcance, a tensa relação
estabelecida entre permanência e mudança, bem como a beleza artística dos Bumbás de
Parintins suscitam o interesse pela análise de seu sentido cultural profundo.
CAVALCANTI, Maria Laura Viveiros. O boi-bumbá de Parintins, Amazonas: breve história e
etnografia. História ciências, Saúde-Manguinhos, v.6 supl, p. 1019-1046, set. 2010.
Disponível
em:https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0104-59702000000500012.
Acesso em: 03 mar. 2021.
Imagem 1 |Bumbás Caprichoso e Garantido – símbolos da Festa do Boi-Bumbá
Fonte:https://cultura.am.gov.br/portal/temporada-de-boi-bumba-em-manaus-comeca-no-
proximo-domingo/. Acesso em: 15 abr. 2021.
Com base nas informações acima, analise seguintes sentenças:
I. Os significados e sentidos atribuídos aos bens culturais, assim como suas práticas,
podem se transformar ao longo do tempo ou, ainda, de um lugar para outro.
II. Manifestações da cultura popular, como a representada pela Festa do Boi Bumbá, tem
importância cultural menor, pois possuem sentido apenas para grupos pequenos.
III. A tradição da cultura popular do Boi-Bumbá permanece inalterada, garantindo a
manutenção da identidade local.
IV. A festa do Boi-Bumbá como parte do turismo reduz sua importância cultural, estética e
histórica.
É correto o que se afirma em:
Escolha uma opção:
IV, apenas.
I e II apenas.
I, II e III apenas.
II e III apenas.
I, apenas.
Feedback
Sua resposta está correta.
A resposta correta é: I, apenas.
Questão 2
CorretoAtingiu 0,10 de 0,10Marcar questão
Texto da questão
Texto 1
A sociabilidade durante o nosso século assumiu tais proporções que pode vir a ser,
legitimamente, consideradas fenômeno típico do nosso tempo. A dimensão privada
praticamente desapareceu. Com dificuldade podemos ocultar os nossos pensamentos;
mas logo que ele se transformarem em ação, tornam-se propriedade dos outros e graças à
televisão, o rádio e a imprensa, apenas em um piscar de olhos são divulgados aos quatro
cantos da terra.
MONDIN, Battista. O homem, quem ele

Outros materiais