Buscar

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 5 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Prévia do material em texto

Exercício Avaliativo - Módulo 3 ENAP
Parte superior do formulário
Os princípios do controle interno são comandos gerais que trazem orientações fundamentais para que exista, de fato, uma cultura consistente de controle interno.
Sintetiza o conceito do princípio da relação custo-benefício, a seguinte opção:
Escolha uma opção:
a.
não imposta o custo, o controle é sempre importante.
b.
o custo do controle não pode ser superior ao custo da atividade controlada.
c.
os agentes de controle interno devem possuir e manter a sua independência funcional para realizar suas funções.
d.
não é necessário avaliar o custo do controle, mas tão somente os benefícios proporcionados.
e.
quem controla não pode ter menos qualificação que o controlado.
Feedback
Sua resposta está correta.
Os princípios do controle interno são diretrizes gerais que trazem orientações fundamentais para que exista, de fato, uma cultura consistente de controle interno, em respeito às normas e às boas práticas da gestão pública.
A resposta correta é: o custo do controle não pode ser superior ao custo da atividade controlada.
Questão 2
Correto
Atingiu 1,00 de 1,00
Marcar questão
Texto da questão
O controle interno visa garantir que os agentes públicos desempenhem suas funções, de acordo com normas legais estabelecidas pelo Estado.
As cinco principais finalidades do controle interno é:
Escolha uma opção:
a.
tornar a gestão pública mais flexível; padronizar os atos da gestão pública; encontrar uma forma de defender os atos do prefeito; defender, juridicamente, os atos dos agentes públicos; e, estabelecer reuniões com o sindicato da categoria.
b.
implementar controles; auditar com o fim de encontrar erros e fraudes; buscar a penalização dos servidores; inibir a corrupção; e, padronizar os atos da gestão pública.
c.
buscar por erros na administração; punir os servidores; combater a corrupção; padronizar as condutas dos servidores; e, proteger os ativos.
d.
fornecer segurança à prática do ato, mediante informação adequada; promover a eficiência operacional; estimular a obediência às normas e o respeito às políticas internas da gestão pública; proteger os ativos, que incluem pessoas; e, inibir a corrupção.
e.
promover a burocracia operacional; fornecer segurança à prática do ato administrativo; estimular a obediência às normas; proteger o prefeito; e, prevenir a corrupção.
Feedback
Sua resposta está correta.
De modo geral, pode-se afirmar que, para atingir os resultados esperado pela administração pública, o controle interno deve garantir aspectos como: eficácia e eficiência operacional, mensuração de desempenho e a proteção do patrimônio.
A resposta correta é: fornecer segurança à prática do ato, mediante informação adequada; promover a eficiência operacional; estimular a obediência às normas e o respeito às políticas internas da gestão pública; proteger os ativos, que incluem pessoas; e, inibir a corrupção.
Questão 3
Correto
Atingiu 1,00 de 1,00
Marcar questão
Texto da questão
Um dos grandes desafios dos gestores públicos é encontrar formas de aprimorar e simplificar a prestação dos serviços públicos, além de reduzir os custos e manter a qualidade.
Para tanto, muitos governos têm implementado, na estrutura administrativa do Município, a Controladoria-Geral.
A Controladoria-Geral pode ser definida como o órgão responsável pela:
Escolha uma opção:
a.
defesa judicial do prefeito municipal.
b.
implementação de novos sistemas de controle, com vistas a tornar burocrático a gestão pública.
c.
resolução dos conflitos jurídicos, que não podem ou não puderam ser resolvidos, preventivamente, e que dependerão de solução por um juiz.
d.
prestação de informações, ao gestor público, para a tomada de decisões. Geralmente, concentra, em sua estrutura, as funções de: controle interno, auditoria, corregedoria, transparência e ouvidoria.
e.
emissão de parecer jurídico nos processos licitatórios.
Feedback
Sua resposta está correta.
As controladorias têm ganhado destaque, na estrutura administrativa dos governos municipais, pois os gestores públicos têm percebido a importância de produzir informações gerenciais apropriada, para dar suporte ao processo de tomada de decisões.
A resposta correta é: prestação de informações, ao gestor público, para a tomada de decisões. Geralmente, concentra, em sua estrutura, as funções de: controle interno, auditoria, corregedoria, transparência e ouvidoria.
Questão 4
Correto
Atingiu 1,00 de 1,00
Marcar questão
Texto da questão
A sociedade está cada vez mais exigente, o que faz com que os governantes tomem medidas ágeis, para atender os anseios da população. Muitos gestores buscam, na iniciativa privada, modelos de boas práticas para implementá-las na Administração Pública.
Segundo o IBGC (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa), a boa governança está assentada em quatro pilares, quais sejam:
Escolha uma opção:
a.
equidade; prestação de contas (accountability); responsabilidade; e transparência.
b.
compliance; gestão de riscos; integridade; e auditoria.
c.
transparência; accountability; controles internos; e corregedoria.
d.
auditoria; ouvidoria; controle interno; e corregedoria.
e.
programa de integridade; canal de denúncia; transparência; e equidade.
Feedback
Sua resposta está correta.
Segundo o IBGC, são princípios básicos da governança:
•    transparência — consiste no desejo de disponibilizar, para as partes interessadas, as informações que sejam de seu interesse e não apenas aquelas impostas por disposições de leis ou regulamentos. Não deve restringir-se ao desempenho econômico-financeiro, e contemplar, também, os demais fatores (inclusive intangíveis), que norteiam a ação gerencial e que conduzem à preservação e à otimização do valor da organização;
•    equidade — caracteriza-se pelo tratamento justo e isonômico de todos os sócios e demais partes interessadas (stakeholders), considerando seus direitos, deveres, necessidades, interesses e expectativas;
•    prestação de contas (accountability) — os agentes de governança devem prestar contas de sua atuação, de modo claro, conciso, compreensível e tempestivo, além de assumir, integralmente, as consequências de seus atos e omissões e atuar, com diligência e responsabilidade, no âmbito dos seus papéis;  
•    responsabilidade corporativa — os agentes de governança devem zelar pela viabilidade econômico-financeira das organizações, reduzir as externalidades negativas de seus negócios e suas operações e aumentar as positivas, considerando, no seu modelo de negócios, os diversos capitais (financeiro, manufaturado, intelectual, humano, social, ambiental, reputacional etc.) no curto, médio e longo prazos.
A resposta correta é: equidade; prestação de contas (accountability); responsabilidade; e transparência.
Questão 5
Correto
Atingiu 1,00 de 1,00
Marcar questão
Texto da questão
O controle interno na Administração Pública visa garantir que os agentes públicos pratiquem suas funções, de acordo com os princípios e leis inerentes à atuação do Poder Público.
Dentre as finalidades do controle interno, cinco ganham destaque para regular desempenho da administração pública:
Escolha uma opção:
a.
blindar o prefeito municipal; respeito às políticas traçadas; punir os servidores públicos; prevenir a corrupção; e estimular o controle social.
b.
segurança da informação; eficiência operacional; obediência às políticas instituídas; proteção de ativos; e combate à corrupção.
c.
obtenção de informação adequada; proteger atos de desconformidade; incentivar disputas internas; proteger o prefeito municipal; e inibir a corrupção.
d.
garantir o cumprimento de metas; observância das normais legais; evitar o cometimento de erros; encontrar caminhos para práticas de atos irregulares; salvaguardar ativos financeiros.
e.
avaliar o desempenho das atividades da gestão pública; emitir parecer quanto à legalidade dos atos; orientar a administração pública no planejamento e execução de suas atividades; defender o prefeito municipal, judicialmente; e fornecer informações adequadas paratomada de decisão.
Feedback
Sua resposta está correta.
Segurança ao ato praticado e obtenção de informação adequada: todo o gestor deve ter cautela, para que os atos praticados e sujeitos a julgamento externo estejam cobertos por controles prévios seguros, suportados por documentos que os comprovem, dentro da legislação pertinente e com responsabilidade bem definida.
Promover a eficiência operacional da entidade: o estímulo à eficiência operacional consiste em prover os meios necessários à execução das tarefas, para obter desempenho operacional satisfatório da entidade. A eficiência operacional implica no estabelecimento de padrões e métodos adequados, que possam permitir que todas as áreas desenvolvam suas funções de forma racional, harmônica, integradas entre si e voltadas para os objetivos globais.
Estimular a obediência e o respeito às políticas traçadas: o processo de aderência às políticas constitui-se muito mais em um fator psicológico do que em um fator objetivo. As pessoas são convencidas a aceitarem as diretrizes fixadas e utilizarem o linguajar e as técnicas comuns na casa. O objetivo do estímulo à obediência das políticas existentes é assegurar que os propósitos da administração, estabelecidos por meio de suas políticas e procedimentos, sejam, adequadamente, seguidos pelos servidores.
Proteger os ativos, que incluem pessoas: existem três interpretações atribuídas ao conceito de proteção de ativos. A primeira, e mais abrangente, entende que os ativos devem ser resguardados de qualquer situação indesejável. Compreende-se, nesse caso, que a proteção dos ativos, na área privada, constitui uma das ações principais da administração. A segunda interpretação de proteção de ativos trata da proteção contra erros involuntários (não intencionais). Por fim, as irregularidades intencionais. A mais restrita das interpretações entende que a proteção dos ativos refere-se aos erros intencionais.
Inibir a corrupção: ao estabelecer controles internos, consequentemente, previne-se e combate-se a corrupção. No setor público, há uma preocupação recorrente de se criarem controles, como forma de inibição da corrupção ou de apuração mais rápida de desvios.
A resposta correta é: segurança da informação; eficiência operacional; obediência às políticas instituídas; proteção de ativos; e combate à corrupção.
Parte inferior do formulário
Parte superior do formulário
Parte superior do formulário
image1.wmf
image2.wmf

Mais conteúdos dessa disciplina

  • Relacionados
  • Inteligência Artificial