Buscar

CLUBE DOS ZULUS ~ ITAÚNA DÉCADAS

Prévia do material em texto

CLUBE DOS ZULUS
 17:24 CHARLES AQUINO CARNAVAL NO COMMENTS 
 ESCOLA DE SAMBA CLUBE DOS ZULUS
Breve Histórico
Nossa origem remonta ao ano de 1958. Itaúna não tinha o título (mundial) de Cidade
Educativa, conferido pela ONU. Seu parque industrial não tinha ainda a pujança que tem em
nossos dias. Nossa Universidade e outros colégios só viriam anos depois.
Naquele ano alguns jovens itaunenses que estudavam em outros centros, resolveram, para
despedir das férias, abrilhantar um pouco o carnaval da cidade, com um novo bloco. Já existia
o tradicional “Farrapos da Lagoinha”, mas nem o Newton Regal saia ainda com o “Eu
Sozinho”.
Rumaram os jovens para a casa do Tucha e, vestidos com sacos de aniagem, se pintaram com
pó preto e pomada. Era apenas uma brincadeira e nem bateria havia. “Todos os anos repetiam
o bloco, variando as fantasias. Em 1963 o bloco saiu com bateria, o que era inédito na cidade.
Tambores de carburetos foram transformados na oficina do Afonso Franco em surdos e
tamborins, aos quais a turma juntou frigideiras obtidas em suas cozinhas.
Em 1965, surgiu o nome ZULUS, com fantasias de couro, confeccionadas pelo Vico
Sapateiro. De onde velo essa denominação? Vamos responder.
17/05/2024, 22:19 CLUBE DOS ZULUS ~ ITAÚNA DÉCADAS
https://itaunaemdecadas.blogspot.com/2022/06/clube-dos-zulus.html 1/4
https://itaunaemdecadas.blogspot.com/2022/06/clube-dos-zulus.html
https://itaunaemdecadas.blogspot.com/2022/06/clube-dos-zulus.html
https://itaunaemdecadas.blogspot.com/search/label/Carnaval
https://www.blogger.com/post-edit.g?blogID=2328591432647899814&postID=1876055842805308355&from=pencil
https://www.blogger.com/post-edit.g?blogID=2328591432647899814&postID=1876055842805308355&from=pencil
https://itaunaemdecadas.blogspot.com/
https://itaunaemdecadas.blogspot.com/
Tarefa, conversando com outros do bloco em um banco da praça, imaginou reforçar o clube
com belas mulatas. Como parecia difícil conseguir que as famílias deixassem suas cabrochas
participar de carnaval de rua, alguém sugeriu que se importasse espécimes da tribo africana
dos Zulus. A brincadeira evoluiu e o audacioso plano previa até uma criação de mulatas numa
fazenda (com altas cercas, é claro) na Bagaginha ou na Vista Alegre. Foi daí que a fantasia do
bloco em 1965 se inspirou nas vestes, armas e totens zulus, saindo o cortejo da casa do Nô do
Jove. Face ao grande êxito, a fantasia do ano seguinte foi ainda baseada na tribo africana.
Em 1967 criou-se o estatuto do Clube dos Zulus, registrado em 1968, quando o bloco alugou
uma casa, para sede, na rua do Correio, perto do Bazar do Abelardo. Nessa altura foi que o Zé
Waldemar desenhou o Zuluzinho, nosso símbolo. Em 1968 os rapazes conseguiram
incorporar diversas: moças ao bloco, o que foi uma novidade na cidade, E hoje podemos até
“exportar” mulatas, pois temos tido diversos convites para desfilar em Belo Horizonte e
outras cidades.
Em 1969, desfilamos no sábado, usando pólvora e outras milongas. Fomos proibidos de
queimar pólvora na rua é tivemos que continuar nosso carnaval na vizinha cidade de Mateus
Leme, ficando, assim, excluídos do primeiro concurso, patrocinado pela Folha do Oeste...
Saímos pela primeira vez como Escola de Samba em 1970 e ganhamos competindo com a
Unidos do Mirante e com a tradicional Unidos da Ponte, pioneira em Itaúna. Mas nossa
Escola foi, aqui, à primeira a sair dividida em alas, com mestre-sala, porta bandeira, enredo e
samba enredo.
O enredo foi Gonçalves da Guia, bandeirante fundador da cidade. Procuramos, desde o início,
exaltar coisas, figuras e fatos de nossa terra. Em 1971 conseguimos o bicampeonato com
Brasil, Riquezas de Norte a Sul. Em 1972 apresentamos Nordeste, Lendas e Glórias, com
nova vitória. Em 1973 fomos, tetracampeões, com Zumbi, Rei dos Palmares. Em 1974, com
Um Sonho em um País de Sol, obtivemos à preferência, popular. Não houve concurso da
Prefeitura no ano de 1975, em virtude do grave surto de meningite que atingiu a cidade, mas a
Escola estava quase toda - montada, com o enredo Domingo na Praça e o samba já escolhido.
Em 1976 obtivemos o penta campeonato, com O último Boêmio do Império (No Tempo de
Paula Ney). Finalmente, no ano de-1977 a Escola se Sagrou hexacampeã, homenageando um
escritor itaunense, com seu enredo baseado no conto Abunã. Em 1978 conseguimos o
heptacampeonato com “Ameno Resedá” O Rancho que foi Escola.
 
17/05/2024, 22:19 CLUBE DOS ZULUS ~ ITAÚNA DÉCADAS
https://itaunaemdecadas.blogspot.com/2022/06/clube-dos-zulus.html 2/4
https://itaunaemdecadas.blogspot.com/2021/06/itauna-vacinacao-epidemia-meningite.html
https://www.estantevirtual.com.br/segundamaolivros/david-de-carvalho-abuna-3130209444?show_suggestion=0
UMA ESCOLA DE SAMBA AUTÊNTICA
Escola de samba CLUBE DOS ZULUS congrega em suas alas, destaques, bateria e passistas,
elementos representativos de toda a comunidade itaunense. São muitos aqueles que, com seu
trabalho voluntário, colaboram para o engrandecimento da Escola. Costureiras, bordadeiras
figurinistas, pesquisadores de enredos, artistas plásticos, compositores, cantores, ritmistas e
uma longa lista de destacados maiorais e encarregados de diversos setores, chefes de alas,
coordenadores, etc., emprestam a Escola todo o seu talento e criatividade.
Já apresentamos diversos enredos de cunho Folclórico, de lendas, visando sempre divulgar
coisas do Brasil para maior aprimoramento cultural de nosso povo, como ABUNÃ e O
ÚLTIMO BOÊMIO DO IMPÉRIO (No Tempo de Paula Ney). Sempre promovemos
concursos de enredo e de samba enredo e de samba-enredo, dos quais participam
representantes da própria Escola, valorizando, assim, a prata-da-casa. No próximo ano haverá
concursos também para escolha de Porta-Estandarte, Porta-Bandeira e Mestre-Sala. A ala de
compositores já ê bem grande. Nossos concursos de samba-enredo movimentam a cidade,
dele participando até 12 composições musicais, como ocorreu em 1974.
Nossa Escola mais se assemelha a uma república livre e democrática, onde todos se
confraternizam em sadio lazer e onde só existe um status: o de sambista. Em 1978 nosso
enredo foi Ameno Resedá, onde revivemos o glorioso rancho que foi Escola. Este ano
apresentaremos “A Casa da Fantasia” escrito pelo: nosso garoto-poeta Dênio de Carvalho.
Diretoria da Escola de Samba Clube dos Zulus:
Presidente: Silmar Moreira de Faria
Vice Presidente: José Eustáquio Campolina Diniz
1º Secretário: José Estevão Pércope
2º Secretário: Roosevelt Montecastelo Machado
1º Tesoureiro: Sílvio Diniz Souza
Diretor de Carnaval: Olber Moreira de Faria
Membros do Conselho:
17/05/2024, 22:19 CLUBE DOS ZULUS ~ ITAÚNA DÉCADAS
https://itaunaemdecadas.blogspot.com/2022/06/clube-dos-zulus.html 3/4
https://www.estantevirtual.com.br/segundamaolivros/david-de-carvalho-abuna-3130209444?show_suggestion=0
Raimundo da Silva Rabello
Valmir Falcão
Suely de Faria Nogueira
 
Referências:
Organização para o blog: Charles Aquino
Panfleto da Escola de Samba Clube dos Zulus – Carnaval de Itaúna 1980
Apoio a pesquisa: Markinhos Crispim - Bibliotecário/Historiador 
17/05/2024, 22:19 CLUBE DOS ZULUS ~ ITAÚNA DÉCADAS
https://itaunaemdecadas.blogspot.com/2022/06/clube-dos-zulus.html 4/4
http://lattes.cnpq.br/0432574344809018

Mais conteúdos dessa disciplina