Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Método de Maguerez

Pré-visualização | Página 1 de 2

UNIFOR
TRABALHO DE ANÁLISE E POSTURA DO MOVIMENTO HUMANO 1
MÉTODO DE MAGUEREZ
BIOSSEGURANÇA
	O que observamos no refeitório, é que a biossegurança está de acordo com as normas. Todos os profissionais estavam utilizando equipamentos adequados, como luvas, botas sintéticas, aventais e etc.
TEORIZAÇÃO
	A biossegurança tem como principal objetivo minimizar riscos ocupacionais nos ambientes de trabalho, visando sempre proteger a saúde do profissional e da população em geral. Todo trabalhador deve ser informado sobre os riscos aos quais está exposto no desempenho de suas atribulações, receber instruções quanto aos meios de prevenção e controle destes riscos, e quanto aos danos que podem ser produzidos à sua saúde.
	Assegurar condições adequadas no ambiente de trabalho que garantam a saúde física e mental dos trabalhadores através da prevenção de doenças e lesões, bem como pela promoção de bem-estar e melhoria da qualidade de vida.
	“É um conjunto de medidas voltadas para prevenção, minimização ou eliminação de riscos inerentes às atividades de pesquisa, produção, ensino, desenvolvimento tecnológico e prestação de serviços que podem comprometer a saúde do homem, dos animais, do meio ambiente ou a qualidade dos trabalhos desenvolvidos”
HIPOTESE DE SOLUÇÃO
	Agindo com ações preventivas, como o uso de EPIs(Equipamento Profissional Individual), a organização do ambiente de trabalho, o uso de outros tipos de proteção (chuveiros de segurança, lava olhos e etc.) de maneira correta, e principalmente a conscientização do trabalhador e do empregador podem ser minimizados e muitas vezes evitar danos causados à saúde de todos.
	Pode se considerar que as ações corretivas causam mais gastos e desgastes do que a ação preventiva.
TREINAMENTO
	Nos foi relatado que todos os trabalhadores do refeitório recebem um treinamento sobre ergonomia onde abordam: postura adequada, regulagem de cadeiras, levantamento e transporte de materiais, pausas obrigatórias, posição correta para uma correta "pegada" de objeto, meios de transporte de materiais e etc.
TEORIZAÇÃO
	O treinamento constitui-se no processo de ajudar o empregado a adquirir eficiência no seu trabalho presente ou futuro, através de apropriados hábitos de pensamento e ação, habilidades, conhecimentos e atitudes. 
	O treinamento é a educação profissional que visa adaptar o homem ao trabalho em determinada empresa, preparando-o adequadamente para o exercício de um cargo, podendo ser aplicado a todos os níveis ou setores da empresa.
	O treinamento não deve ser confundido com uma simples questão de realizar cursos e proporcionar informação. Significa atingir o nível de desempenho almejado pela organização através do desenvolvimento contínuo das pessoas que nela trabalham. Para tanto é desejável criar e desenvolver uma cultura interna favorável ao aprendizado e comprometida com as mudanças da organização.
O Processo de Treinamento e Desenvolvimento e suas principais finalidades são:
• Adequar a pessoa à cultura da empresa;
• Mudar atitudes;
• Desenvolver pessoas;
• Adaptação das pessoas para lidar com a modernização da empresa;
• Desfrutar da competência humana;
• Preparar pessoas para serem remanejadas;
• Passar informações adiante; e
• Reduzir custos na busca por objetivos empresariais.
HIPÓTESE DE SOLUÇÃO
	O levantamento das necessidades de treinamento que objetiva diagnosticar o atual estágio das competências como: conhecimento, habilidades e atitudes e assim projetar a elevação destas ao nível desejado e exigível pelas operações e estratégias das organizações.
ESTRUTURA INADEQUADA
TEORIZAÇÃO 
	Podemos afirmar que as condições de trabalho é ainda hoje o fator determinante do perfil de adoecimento dos trabalhadores. Os fatores de risco são todas as condições existentes no ambiente de trabalho com potencial de ao interagir com o corpo do trabalhador, causar-lhe um dano à saúde. São todas as condições inadequadas que ocorrem no ambiente de trabalho que podem causar lesões imediatas no corpo do trabalhador (contusões, feridas fraturas, esmagamentos, etc.). Ex: Luz/ Ruído/ Temperatura/ Ventilação/ Umidade/ Gases/ Poeiras/ Fumos/ Vapores/ Efeitos estressantes/ Ansiedade/ Ritmos excessivos.
SOLUÇÃO 	Esses riscos podem diminuir com análise dos causadores de acidentes: para maior controle deve-se identificar o risco por meio de pesquisas e estudos, principalmente através de inspeções de segurança, o local pode ter um funcionário especializado em segurança do trabalho, que atuaria diretamente no setor observando todos os agentes causadores de acidentes.
EQUIPAMENTOS INADEQUADOS
TEORIZAÇÃO 	Apesar dos avanços que vêm sendo incorporados em relação à matéria prima, métodos de trabalhos e equipamentos, os locais destinados ao preparo das refeições apresenta, em geral, condições físicas inadequadas, tais como: ruído excessivo, temperatura elevada, iluminações precárias, ambiente de trabalho pequeno, o que prejudica não só a saúde e a qualidade de vida do trabalhador. Observa-se que alguns acidentes de trabalho estão relacionados com o desenvolvimento da tarefa em si, como cortes e queimaduras, outros se relacionam à falta de manutenção adequada dos equipamentos, ou então condições ambientais inadequadas, tais como excesso de água e gordura no chão. Em relação às condições de trabalho, os principais problemas apontados referem-se ao desconforto térmico e a problemas ergonômicos relacionados ao trabalho em pé e tarefas repetitivas.
SOLUÇÃO 	O treinamento de profissionais e melhorias na estrutura física, modernização das instalações e equipamentos, além do uso de novas tecnologias, a fim de minimizar e se possível eliminar os perigos e pontos críticos de controle, agindo tanto na redução de acidentes e incidentes neste ambiente ocupacional. Cabe lembrar que se deve levar em conta não só os aspectos de segurança, mas também os aspectos de qualidade de vida.
MOVIMENTOS REPETITIVOS
Movimentos repetitivos podem gerar lesões. Na Unifor existem alguns meios de prevenção de lesões por conta do trabalho, eles recebem treinamento então não encontramos muitos erros, no modo que os funcionários estavam trabalhando. Uma das prevenções é a ginástica laboral, o principal objetivo é preparar o corpo para trabalhar, prevenir o aparecimento de lesões, diminuindo assim os acidentes de trabalho, causado pelos movimentos repetitivos, posturas inadequadas (no qual não encontramos nos funcionários do refeitório, exceto um que estava organizando os pratos). E outro beneficio da ginástica laboral e outras prevenções é refletir a qualidade de vida da empresa. O que estava organizando os pratos estava curvando muito a coluna no qual poderia causar alguma lesão, ele também estava pegando muito peso, pensamos que para diminuir o número de vezes que ia se curvar para pegar os pratos, sendo que ele estava pegando uma carga muito pesada que pode acarretar futuramente alguma lesão. Para melhorar isso, pode-se adquirir uma plataforma para os pratos no qual ele não se agachasse tanto e treina-lo para que ele entenda que mesmo ele pegando muitos pratos e diminuindo o número de vezes no qual ele vai carrega-los, a carga excessiva
Página12