Apostila - Cinética Química
8 pág.

Apostila - Cinética Química


DisciplinaCinética Química308 materiais1.716 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Apostila 
1
QUÍMICA
Profª Msc. Érika Almeida
Email: erika33quimica@hotmail.com
 CINÉTICA QUÍMICA
1. Conceito
Cinética química é o ramo da Química que 
estuda a velocidade de uma reação, bem como os 
fatores que a influenciam. 
1.1 Velocidade média de reação
A velocidade média de uma reação 
química é a relação entre a quantidade consumida 
de reagentes ou a quantidade formada de produtos 
sobre o intervalo de tempo.
Ex: 2 N2O5(g) 4 NO2(g) + O2(g)
a) Velocidade média de consumo de N2O5(g) 
 VmN2O5= quantidade de N2O5 consumida
b) Velocidade média de formação do NO2(g) 
 Vm
NO2 
= quantidade de NO2 formada
c) Velocidade média de formação do O2(g) 
 VmO2 = quantidade de O2 formada
 Vm = Vm
N2O5
 = Vm
NO2
 = Vm
O2
2. Teoria das Colisões
Uma reação química ocorre através das 
colisões entre as substâncias reagentes. Mas essa 
colisão não pode ser um simples contato entre as 
moléculas. Para garantir a ocorrência da reação, 
temos que ter a colisão eficaz ou efetiva, entre os 
reagentes.
2.1 Complexo Ativado
É o estado intermediário (estado de 
transição) formado entre reagentes e produtos. 
2.2 Energia de Ativação
Energia de ativação é a menor 
quantidade de energia necessária que deve ser 
fornecida aos reagentes para a formação do 
complexo ativado e, consequentemente, para a 
ocorrência da reação. 
Esse fato ocorre tanto para as reações 
exotérmicas quanto para as endotérmicas, e seus 
diagramas, indicando o caminho da reação e a 
entalpia, podem ser representados por: 
1
intervalo de tempo
intervalo de tempo
intervalo de tempo
2 4 1
Apostila 
1
QUÍMICA
Profª Msc. Érika Almeida
Email: erika33quimica@hotmail.com
\u2714 As reações que exigem uma menor 
energia de ativação ocorrem mais rapidamente, 
ou seja, ocorrem com maior velocidade. 
3. Fatores que influenciam a velocidade de uma 
reação
3.1 Superfície de Contato
Quando um reagente está no estado sólido, 
a reação ocorrerá na sua superfície. Assim, quanto 
mais fragmentado (disperso) for esse reagente, 
maior será o número de choques, e maior será a 
velocidade da reação. 
3.2 Temperatura
Todo aumento de temperatura provoca o 
aumento da energia cinética média das moléculas, 
fazendo com que aumente o número de colisões 
eficazes e, portanto, aumentando a velocidade da 
reação .
3.3 Catalisador
É toda substância que aumenta a 
velocidade de uma reação química. Não é 
consumido e nem sofre alteração na sua estrutura, 
no final da reação s eficazes e, portanto, 
aumentando a velocidade da reação .
\u2714 Os catalisador não altera o \u2206H da reação.
a) Catálise homogênea
O catalisador e os reagentes estão 
numa mesma fase, formando um sistema 
homogêneo.
 Ex: SO2(g) + ½ O2(g) SO3(g) 
 b) Catálise heterogênea 
O catalisador está em um estado 
físico diferente dos reagentes.
 Ex: N2(g) + 3 H2(g) NH3(g)
3.4 Concentração dos reagentes
Aumentando a concentração dos 
reagentes, aumenta o número de colisões entre as 
moléculas dos reagentes e, portanto, aumenta a 
velocidade da reação.
4. Lei da Velocidade
Vários cientistas tentaram estabelecer uma 
relação matemática entre a velocidade da reação e 
a concentração, entretanto, foram Guldberge 
Waage, em 1867, que enunciaram a lei que 
relaciona essas duas grandezas, a qual recebeu o 
nome da Lei da Ação das Massas, cujo enunciado 
é o seguinte: 
\u201cA velocidade de uma reação é diretamente 
proporcional ao produto das concentrações 
2
Maior superfície 
de contato
Fe(s)
Apostila 
1
QUÍMICA
Profª Msc. Érika Almeida
Email: erika33quimica@hotmail.com
molares dos reagentes, elevadas a potências 
determinadas experimentalmente\u201d. 
 A + B C
 v = k [ A ]x . [ B ]y
v = velocidade da reação 
k = constante da velocidade (a uma dada temperatura) 
[ A ] e [ B ] = concentrações em mol/L dos reagentes 
x e y = expoentes determinados experimentalmente, 
denominados ordem da reação 
\u2714 Quando a reação ocorre numa única 
etapa, dizemos que se trata de uma reação 
elementar.
\u2714 A maioria das reações ocorre por meio de 
várias etapas nas quais são denominadas de 
mecanismo da reação (reações não-
elementares). 
Ex: 
2A + B A2B
\u2022 mecanismo: 
etapa lenta A + A A\u21d2 2
etapa rápida A\u21d2 2 + B A2B 
Nesse tipo de reação, a equação da 
velocidade é determinada pela etapa lenta do 
mecanismo de reação. 
Logo, a equação da velocidade será: 
v = k [ A ][ A ] ou v = k [ A ]2 
4. 1 Molecularidade
Termo utilizado para designar a soma do 
número de mols dos reagentes:
1 H2 + 1 I2 2 HI reação bimolecular 
 
EXERCÍCIOS
Questão 01. A relação a seguir mostra a variação 
da concentração de uma substância A, em função 
do tempo, em uma reação química:
Qual será o valor da velocidade média da 
reação de A correspondente ao intervalo entre 4 e 
14 minutos?
a) 0,80 mol. L-1. min-1
b) 0,90 mol. L-1. min-1
c) 0,70 mol. L-1. min-1
d) 0,50 mol. L-1. min-1
e) 0,40 mol. L-1. min-1
Questão 02. (PUC-MG 2004 adaptada) A 
amônia (NH3) é uma substância química muito 
importante para a indústria. Ela é utilizada na 
preparação dos produtos de limpeza, dos 
explosivos, dos fertilizantes, das fibras de matéria 
têxtil, etc. A síntese de NH3 é realizada em fase 
gasosa, à temperatura de aproximadamente 450°C, 
de acordo com a seguinte reação: 
 
 N2 + 3 H2 2NH3 + energia
 É CORRETO afirmar que: 
a) a velocidade da reação de síntese de NH3 não 
aumenta com a elevação da temperatura. 
b) a velocidade da reação de síntese de NH3 
diminui com a elevação da temperatura. 
c) a velocidade da reação de síntese de NH3 
aumenta se a pressão de N2 aumenta. 
d) a reação de síntese de NH3 é endotérmica. 
3
Apostila 
1
QUÍMICA
Profª Msc. Érika Almeida
Email: erika33quimica@hotmail.com
Questão 03. (FATEC-2006) Pode-se detectar a 
presença de iodetos em águas-mães de salinas, por 
meio da reação representada pela equação: 
Os seguintes gráficos, mostrando a velocidade da 
reação em função da concentração dos reagentes, 
foram construídos com os dados coletados em 
vários experimentos: 
Com base na análise dos gráficos, afirma-se que a 
velocidade da reação :
I. depende apenas da concentração de H+. 
II. é diretamente proporcional à 
concentração de H2O2. 
III. independe da concentração de H+. 
IV. é inversamente proporcional à 
concentração de I-. 
É correto o que se afirma apenas em: 
a) I 
b) III 
c) IV 
d) II e III 
e) II, III e IV 
Questão 04. (UFV-MG) A formação do dióxido 
de carbono (CO2) pode ser representada pela 
equação: 
C(s) + O2(g) CO2(g)
 Se a velocidade de formação do CO2 for de 
4 mol/minuto, o consumo de oxigênio, em 
mol/minuto, será: 
a) 8
b) 16
c) 2
d) 12
e) 4
Questão 05. (UFMG-2006) Analise este gráfico, 
em que está representada a variação da 
concentração de um reagente em função do tempo 
em uma reação química: 
Considerando-se as informações desse 
gráfico, é CORRETO afirmar que, no intervalo 
entre 1 e 5 minutos, a velocidade média de 
consumo desse reagente é de:
a) 0,200 (mol/L)/min 
b) 0,167 (mol/L)/min 
c) 0,225 (mol/L)/min 
d) 0,180 (mol/L)/min 
Questão 06. (UNIRIO-adaptada) Num 
laboratório, foram efetuadas diversas experiências 
para a reação:
 Ex: 2 H2(g) + 2 NO(g) N2(g)