A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
bioestatistica exercicios

Pré-visualização | Página 2 de 4

de extrema importância na visualização e interpretação de informações acerca de temas de aspectos naturais, sociais e econômicos. São instrumentos que possibilitam apresentar dados de forma eficiente e atrativa ao leitor. Cada tipo de gráfico é adequado para uma diferente situação. Se um gráfico for selecionado de forma incorreta, pode ocorrer erros de interpretação. A escolha do tipo de gráfico depende do tipo de variável. Para uma variável qualitativa, são indicados os seguintes gráficos:
R: c barras (ou colunas) e setores circulares (pizza).
O gestor de um determinado hospital teve como objetivo identificar se o tempo de internação no hospital estava relacionado à idade do paciente. Nesta situação, o gestor tem o objetivo de avaliar:
R: a duas variáveis quantitativas continuas
O gestor de um determinado hospital teve como objetivo identificar se o tempo de internação no hospital estava relacionado ao sexo (masculino e feminino). Neste caso, o gestor pretende avaliar a relação entre variáveis, sendo que:
R: uma variável é quantitativa continua e a outra qualitativa nominal
Em uma pesquisa em duas Unidade Básica de Saúde, observou-se que o ganho de peso durante a gestação de mulheres foi, respectivamente, de 15,1 kg e 13,6 kg, e que 52% tiveram bebês do sexo feminino. Neste caso, as duas variáveis de estudo (ganho de peso e sexo da criança) são classificadas como: 
R: a Ganho de peso: quantitativa continua e Sexo: qualitativa nominal
As porcentagens da tabela abaixo são respectivamente:
 
	Escolas
	Nº de alunos
	%
	A
	175
	 
	B
	222
	 
	C
	202
	 
	TOTAL
	599
	100
R: b A-29%; B-37%; C-34%
Distribuição de freqüência é um método de se agrupar dados em classes a fim de mensurar os resultados de cada classe. Um dos tipo de frequência bastante utilizada é a relativa, que pode ser representada por:
R:b Porcentagens
Com a distribuição de frequencias apresentadas em tabelas ou gráficos podemos resumir e visualizar um conjunto de dados sem precisar levar em conta os valores individuais. Considerando a natureza da variável, é correto afirmar que é possivel calcular as frequencias (simples/abosluta, relativa e acumulada) para os seguintes tipos de variaveis: 
R: c qualquer tipo de variável
Complete com as frequencias acumulada da tabela abaixo:
 
	Escolas
	Nº de alunos
	Freqüência acumulada
	A
	175
	 
	B
	222
	 
	C
	202
	 
	TOTAL
	599
	 
R: c A-175; B-397; C-599
Ao representar uma variavel quantitativa continua em uma tabela é recomendado agrupar os dados em intervalos de classe. Um intervalo construído que varie de 32 (incluindo o 32) a 34,99999999999 pode ser representado como:
R: d 32 |-- 35
	Faixa salarial (salário mínimo)
	n
	%
	< 6
	25
	11,06
	6> 10
	23
	10,18
	10> 25
	36
	15,93
	15>20
	29
	17,26
	20>25
	52
	23,01
	Acima de 25
	51
	22,57
R: Intervalos de classe
Ao representar uma variavel quantitativa continua em uma tabela é recomendado agrupar os dados em intervalos de classe. Suponha que ao apresentar os dados de idade (anos) de uma determinada população de estudo em uma tabela, foram contruidos os seguintes intervalos de classe:
30 |-- 35
35 |-- 40
40 |-- 45
45 |-- 50
Podemos afimar que neste exemplo a amplitude (tamanho) do intervalo de classe foi de:
R: a 5 anos
PARA ESTE EXERCICIO É PERMITIDO O USO DE CALCULADORA
A prefeitura de uma cidade quer conhecer o padrão de consumo mensal de energia elétrica e de água de duas de suas regiões: uma delas com residências de alto padrão de construção e outra com residências de baixo padrão de construção. O profissional responsável pelo estudo solicitou, junto às companhias de distribuição de energia elétrica e água, os valores de consumo mensal de energia e de água das residências de uma amostra aleatória de cada região. As companhias distribuidoras forneceram um resumo dos dados solicitados mostrados na tabela 1.
Tabela 1- Número de residências e consumo  de energia e água segundo região. Sâo Paulo,  2012.
	Região
	Numero de residencias
	Insumo
	Número de residências com consumo acima do recomendado
	Alto padrão
	200
	Energia
Agua
	120
134
	Baixo padrão
	600
	Energia
Agua
	256
567
R: e Residências de alto padrão consomem mais energia e menos água que os de baixo padrão
PARA ESTE EXERCICIO É PERMITIDO O USO DE CALCULADORA
No preparo de porções de batata frita em um restaurante, cada batata é cortada ao meio e, em seguida, cada metade é dividida em 4 fatias, sendo que cada uma delas é cortada em 5 tiras iguais. Quantas tiras de batata contêm uma porção, considerando que a mesma corresponde a 3 batatas?
R:b 120
PARA ESTE EXERCICIO É PERMITIDO O USO DE CALCULADORA
Houve um levantamento de saúde em uma região de um municipio e constatou-se que de 480 pessoas entrevistadas, 130 já tinham contraido dengue e 16 malária, sendo que destas, 9 já tinham contraido as 2 doenças. Nessas condições, qual a porcentagem de pessoas não tinham contraido nenhuma das duas doenças:
R:c 69,6%
Associe a série de dados estatísticos com o tipo de gráfico adequado para representá-la em estudos quantitativos 
SÉRIE DE DADOS: 
S1: Renda mensal familiar (R$)
S2: Relação entre consumo de água e quantidade de urina produzida e excretada 
S3: Quantidade de alunos de uma escola por sexo.
GRÁFICOS:
G1: Histograma
G2: Gráfico de dispersão
G3: Gráfico setorial (Pizza)
R: a S1 e G1 
S2 e G2
S3 e G3
Em um restaurante foi selecionada uma amostra de 15 individuos para avaliar o consumo de carne (g) em um almoço. Os dados obtidos foram:
 
	120
	100
	90
	85
	100
	250
	50
	0
	80
	125
	110
	110
	115
	70
	100
A média de consumo de carne é, aproximadamente: 
R:e 100 gramas
	120
	100
	90
	85
	100
	250
	50
	0
	80
	125
	110
	110
	115
	70
	100
A mediana de consumo de carne é: e 100 g
Em um restaurante foi selecionada uma amostra de 15 individuos para avaliar o consumo de carne (g) em um almoço. Os dados obtidos foram:
 
	120
	100
	90
	85
	100
	250
	50
	0
	80
	125
	110
	110
	115
	70
	100
A moda do consumo de carne é: e 100 gramas
A analise de um conjunto de dados inicia-se com a descrição das informações com medidas que resumem o conjunto de dados.De acordo com os valores obtidos é identificar aqueles que melhor resumem o conjunto de dados, como as medidas de tendencia central. Entre estas medidas, destaca-se a moda que representa:
R: b O valor ou categoria da variável de estudo que mais se repete
Foi avaliada a idade de introdução de água (meses) entre 10 crianças. Os resultados obtidos foram:
 
	1,5
	2,5
	3
	4
	5
	7
	1
	2
	2,5
	6
 
Os valores que representam o primeiro, segundo e terceiro quartil, respectivamente, são:
R: c 1,875   
  2,75   /   5,25
/Uma das limitações do uso da média amostral é quando há existência de valores aberrantes em uma série de números, interferindo na correta interpretação dos dados. É o que ocorre, por exemplo, na situação abaixo:
Idade (anos): 20, 26, 23 25, 23, 21, 20, 24, 25, 83, 21, 24, 22, 28.
Em situações como relatada acima, a medida de tendência central mais indicada para resumir os dados é:
R:a Mediana
 O estudo realizado por Cervato et al (1997) teve como objetivo analisar a dieta habitual em termos de energia e macronutrientes de 557 adultos e idosos em um município do estado de São Paulo. A tabela 1 mostra alguns resultados do consumo:
 
Tabela 1 - Média e distribuição em percentis dos componente da dieta habitual da população estudada. São Paulo, 1997.
 
	Componentes Dietéticos
	Média
	P25
	P50
	P75
	Energia (kcal)
	2.025
	1.485
	1.940
	2.440
	Carboidratos (g)
	287,25
	196,8
	267,6
	359,9
	Lipídios (g)
	63,58
	44,60
	59,10
	75,60
	Proteínas (g)
	76,87
	52,60
	73,10
	93,30
                                     
Analisando a tabela acima podemos concluir que:
R: d A mediana de consumo de energia é igual a 1940 kcal
Um estudo teve como