A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
9 pág.
História dos Povos Indígenas e Afro-descendentes - AVALIANDO APRENDIZADO AULAS 01, 02 e 03

Você está vendo uma pré-visualização

Pre-visualização do material História dos Povos Indígenas e Afro-descendentes - AVALIANDO APRENDIZADO AULAS 01, 02 e 03 - página 1
Pre-visualização do material História dos Povos Indígenas e Afro-descendentes - AVALIANDO APRENDIZADO AULAS 01, 02 e 03 - página 2
Pre-visualização do material História dos Povos Indígenas e Afro-descendentes - AVALIANDO APRENDIZADO AULAS 01, 02 e 03 - página 3

História dos Povos Indígenas e Afro-descendentes - AVALIANDO APRENDIZADO AULAS 01, 02 e 03

Parte superior do formulário
			AULA 01
	
	 Retornar
	
	
		  HISTÓRIA DOS POVOS INDÍGENAS E AFRO-DESCENDENTES
		
	 
	Lupa
	 
	
	
	 
	Exercício: CEL0495_EX_A1_201601426127 
	Matrícula: 201601426127
	Aluno(a): FERNANDA DE SOUZA MONTEIRO
	Data: 17/03/2016 21:55:25 (Finalizada)
	
	 1a Questão (Ref.: 201601523060)
	 Fórum de Dúvidas (8)       Saiba  (2)
	
	Os indígenas brasileiros foram vítimas do processo colonizador europeu, tendo sua cultura desprezada. A partir do século XVI há um decréscimo da população nativa, que se agravou com o passar dos anos. Os principais fatores que contribuíram para esta queda no número total da população indígena foram:
		
	
	As permanentes guerras entre as tribos indígenas, e estas com os brancos.
	
	A exploração do trabalho indígena na extração da borracha e as missões jesuítas.
	
	Os grupos caracterizados como indolentes não foram aproveitados para o trabalho na lavoura.
	
	A venda dos nativos para o trabalho escravo nas minas espanholas.
	 
	As doenças trazidas pelo colonizador europeu e a escravização dos índios.
	
	 Gabarito Comentado
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201601598989)
	 Fórum de Dúvidas (8)       Saiba  (2)
	
	Canibalismo ritual, ou antropofagia era:
		
	
	Uma invenção portuguesa para justificar o assassinato dos ameríndios.
	
	A comemoração por ter subjugado o inimigo, sendo uma forma de pilhéria.
	
	Uma festa que se fazia quando o menino matava seu primeiro animal.
	 
	A ideia era se alimentar (simbolicamente) das características do oponente.
	
	A prática dos índios de comerem seus inimigos para chocar aos adversários.
	
	 Gabarito Comentado
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201602110134)
	 Fórum de Dúvidas (8)       Saiba  (2)
	
	Um dos problemas que a população brasileira enfrentou no período colonial foi a constante escassez de alimentos. Isto ocorria, entre outros fatores, por que:
		
	
	Em meados do século XVIII, o desenvolvimento da indústria têxtil na Inglaterra estimulou a produção pernambucana de algodão destinado à exportação, o que resultou na redução da área de plantio de produtos alimentares.
	
	A partir de meados do século XIX, o aumento dos preços do café no mercado internacional provocou uma expansão do cultivo desse grão no Brasil, levando a uma queda na produção de itens de subsistência.
	 
	Quando a exportação de açúcar se encontrava em uma fase ascendente, os esforços se canalizavam ao máximo para a sua produção, diminuindo o cultivo de outros produtos alimentícios.
	
	A transferência da corte portuguesa para o Rio de Janeiro representou um aumento no consumo de produtos alimentícios, causando um colapso na economia de subsistência do Reino Unido de Brasil e Portugal.
	
	Devido à carência de mão de obra, os escravos eram utilizados na exploração mineradora, na madeireira e na pecuária, o que impediu o desenvolvimento da produção de alimentos e a formação de um mercado interno nacional.
	
	 Gabarito Comentado
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201602110138)
	 Fórum de Dúvidas (8)       Saiba  (2)
	
	Enquanto os portugueses escutavam a missa com muito "prazer e devoção", a praia encheu-se de nativos. Eles sentavam-se lá surpresos com a complexidade do ritual que observavam ao longe. Quando D. Henrique acabou a pregação, os indígenas se ergueram e começaram a soprar conchas e buzinas, saltando e dançando (...) Náufragos Degredados e Traficantes (Eduardo Bueno) Este contato "amistoso" entre brancos e índios preservado:
		
	
	pelos colonos que escravizaram somente o africano na atividade produtiva de exportação.
	 
	até o início da colonização quando o índio, vitimado por doenças, escravidão e extermínio, passou a ser descrito como sendo selvagem, indolente e canibal.
	
	Igreja, que sempre respeitou a cultura indígena no decurso da catequese.
	
	em todos os períodos da História Colonial Brasileira, passando a figura do índio para o imaginário social como "o bom selvagem e forte colaborador da colonização".
	
	sobretudo pelo governo colonial, que tomou várias medidas para impedir o genocídio e a escravidão.
	
	
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201601514193)
	 Fórum de Dúvidas (8)       Saiba  (2)
	
	Por que a conversão dos índios ao catolicismo pode ser tida como um importante fator de aculturação?
		
	 
	Porque através das aulas de catequese o índio recebia instrução não só religiosa, a ele eram ensinados a língua portuguesa e os valores morais. Ou seja, aprenderam costumes e hábitos socialmente aceitos.
	
	Porque dentro dos aldeamentos jesuíticos os castigos eram notoriamente mais severos o que facilitaria a imposição de suas doutrinas.
	
	Porque através dos ensinamentos eles percebiam que a religião católica era mais piedosa do que a sua própria.
	
	Porque carentes de sentido em suas vidas os índios aceitavam de maneira grata os novos hábitos e a nova vida.
	
	Porque nos aldeamentos jesuíticos o índio entraria em contato com as famílias européias, podendo através da observação de seu cotidiano, aprender seus costumes mais facilmente.
	
	
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201601564326)
	 Fórum de Dúvidas (8)       Saiba  (2)
	
	Os índígenas colaboraram com os portugueses no início da colonização, trocando sua mão-de obra por artigos de pouco valor para os europeus. A explicação mais correta para essa atitude dos indígenas é:
		
	
	eles usaram essa tática de aproximação para, a seguir, atacar os colonos europeus.
	 
	eles tinham uma concepção de valor diferente; o que não tinha valor para os europeus, para eles, era útil.
	
	eles tinham curiosidade acerca daqueles produtos desconhecidos em sua cultura.
	
	eles eram naturalmente amistosos e desejavam se integrar com os recém chegados ao continente.
	
	eles eram muito ingênuos e achavam que se colaborassem, não seriam eliminados pelos portugueses.
	
	 Gabarito Comentado
	
	
	 Retornar
	
Parte inferior do formulário
 
 Parte superior do formulário
			AULA 02
	
	 Retornar
	
	
		  HISTÓRIA DOS POVOS INDÍGENAS E AFRO-DESCENDENTES
		
	 
	Lupa
	 
	
	
	 
	Exercício: CEL0495_EX_A2_201601426127 
	Matrícula: 201601426127
	Aluno(a): FERNANDA DE SOUZA MONTEIRO
	Data: 17/03/2016 22:08:23 (Finalizada)
	
	 1a Questão (Ref.: 201601514746)
	 Fórum de Dúvidas (7)       Saiba  (2)
	
	Sobre a relação das populações indígenas com os povos europeus que aqui chegavam, pode-se dizer:
		
	
	Que muitos embates ocorreram levando inclusive as tribos indígenas a uma união homogênea que visava combater os colonizadores (portugueses) buscando alianças com outros povos europeus (franceses), que rivalizavam com seu dominador.
	
	Que não hove embates e as realções estabelecidas com francese e portugueses eram totalmente pacíficas e baseadas no escambo.
	 
	Que muitos embates ocorreram levando inclusive as tribos a uma união homogênea que visava se aliar somente aos colonizadores (portugueses) e combater qualquer outro povo invasor.
	
	Que muitos embates ocorreram levando inclusive as tribos indígenas a uma união homogênea que visava combater todo e qualquer invasor.
	 
	Que muitos embates ocorreram com algumas tribos se aliando aos colonizadores (portugueses), outras a comerciantes e possíveis conquistadores (franceses) e algumas que se recusaram a fazer alianças com qualquer um dos dois lados.
	
	 Gabarito Comentado
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201602110135)
	 Fórum de Dúvidas (7)       Saiba  (2)
	
	A escravidão indígena adotada no início da colonização do Brasil foi progressivamente abandonada e substituída pela africana entre outros motivos,