Apols
38 pág.

Apols


Disciplina<strong>contéudos, Tendências</strong> e Metodologias3 materiais4 seguidores
Pré-visualização11 páginas
Questão 1/10 - Gestão Escolar
Leia o fragmento de texto a seguir:
\u201cComo a autonomia opõem-se às formas autoritárias de tomadas de decisão, sua realização concreta nas instituições dá-se pela participação livre na escolha de objetivos e processos de trabalho e na construção conjunta do ambiente de trabalho\u201d.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: LIBANEO, J. C.; OLIVEIRA, J. F. D.; TOSCHI, M. S. Educação Escolar: politicas, estruturas e organização. 3. ed. São Paulo: Cortez, 2003. p. 328.
De acordo com o livro-base Gestão Educacional, existem pilares que são fundamentais para a construção da autonomia da escola e para a formação do \u201cnovo cidadão\u201d. Quais são esses pilares? Analise as afirmativas a seguir:
I - A gestão da escola e a instituição de colegiados.
II - A gestão da escola e a avaliação formativa com critérios quantitativos para aprovar somente alunos capazes.
III - A gestão da escola e a construção coletiva do projeto político-pedagógico.
IV - A gestão da escola e a reflexão permanente do processo de ensino-aprendizagem.
São corretas apenas as afirmativas:
Nota: 10.0
	
	A
	I, II e III
	
	B
	I, II e IV
	
	C
	I, III e IV
Você acertou!
Constituem fortes pilares para a construção da autonomia da escola e para a formação do \u201cnovo cidadão\u201d: a gestão da escola e a instituição de colegiados; a gestão da escola e a construção coletiva do projeto político-pedagógico; a gestão da escola e a reflexão permanente do processo de ensino aprendizagem (p. 132-133).
	
	D
	II, III e IV
	
	E
	I e II
Questão 2/10 - Administração Pedagógica: Instrumentos Legais
Leia o excerto a seguir:
\u201cA formação do professor para atuar na educação infantil e anos iniciais do ensino fundamental é preocupação constante nas discussões acadêmicas. Atualmente, os cursos de licenciatura preparam o professor para a educação básica, porém, é o curso de Pedagogia que assume a responsabilidade em formar esse profissional para a docência na educação infantil e nos primeiros anos do ensino fundamental\u201d.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <http://formacaodocente.autenticaeditora.com.br/artigo/exibir/8/24/1>. Acesso em: 01 set. 2016.
A formação de professores não pode ser pensada a partir das ciências e seus diversos campos disciplinares, como adendo dessas áreas, mas a partir da função social própria da escolarização. Com relação à formação desses profissionais, com base no texto Formação de professores no Brasil: características e problemas, assinale a alternativa correta.
Nota: 10.0
	
	A
	A formação docente no Brasil não é regulamentada por lei, qualquer profissional com formação superior pode atuar como docente.
	
	B
	Para exercer a função de gestor pedagógico, é necessário fazer um curso específico de gestão escolar.
	
	C
	A formação de professores para atuar na educação básica deverá acontecer em nível superior, em curso de licenciatura, baseado no artigo 62 da Lei 9.394/96.
Você acertou!
\u201cFazendo uma pequena digressão histórica sobre a formação de professores no Brasil, lembramos que a formação de docentes para o ensino das \u201cprimeiras letras\u201d em cursos específicos foi proposta no final do século XIX com a criação das Escolas Normais. Estas correspondiam à época ao nível secundário e, posteriormente, ao ensino médio, a partir de meados do século XX. Continuaram a promover a formação dos professores para os primeiros anos do ensino fundamental e a educação infantil até recentemente, quando, a partir da Lei n. 9.394 de 1996, postula-se a formação desses docentes em nível superior, com um prazo de dez anos para esse ajuste\u201d. (texto-base Formação de professores no Brasil: características e problemas, p. 2)
	
	D
	A formação de professores para atuar na educação básica no Brasil é regida pela mesma lei desde o século XIX.
	
	E
	As preocupações com relação à qualidade do ensino-aprendizagem são de responsabilidade do professor em detrimento da equipe pedagógica da escola.
Questão 3/10 - Gestão Escolar
Leia o fragmento de texto a seguir:
\u201cO conselho escolar é um campo de construção comunitária porque nele é construído o nosso. Ele é um espaço de todos, e, ao mesmo tempo, para todos, por constituir \u2013se pelo voto e depois pela voz de representantes da comunidade\u201d.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: WERLE, F. O. Conselhos escolares: implicações na gestão da escola básica. Rio de Janeiro: DP&A, 2003. p. 58.
Segundo o livro-base Gestão Educacional, as competências do conselho escolar podem ser divididas em três grupos: administrativos, pedagógicos e financeiros. Quais são as competências administrativas do conselho escolar? Analise as afirmativas a seguir, assinalando V para as verdadeiras e F para as falsas.
(   ) Propor a expansão do atendimento escolar e a organização da unidade de ensino.
(   ) Avaliar e aprovar o projeto pedagógico da unidade de ensino.
(  ) Aprovar o programa de capacitação e aperfeiçoamento dos profissionais da educação.
(  ) Analisar os resultados de avaliação do desempenho do pessoal quanto ao mérito e resultados. 
Agora, marque a alternativa com a sequência correta:
Nota: 10.0
	
	A
	F \u2013 F \u2013 V \u2013 V
	
	B
	F \u2013 V \u2013 F \u2013 V
	
	C
	V \u2013 F \u2013 V \u2013 V
Você acertou!
Competências administrativas do conselho escolar: propor a expansão do atendimento escolar e a organização da unidade de ensino. Aprovar o programa de capacitação e aperfeiçoamento dos profissionais da educação. Analisar os resultados de avaliação do desempenho do pessoal quanto ao mérito e resultados. Avaliar e aprovar o projeto pedagógico do conselho de ensino é considerado uma competência pedagógica (p. 137).
	
	D
	V \u2013 V \u2013 F \u2013 F
	
	E
	V \u2013 V \u2013 V \u2013 F
Questão 4/10 - Administração Pedagógica: Instrumentos Legais
Leia o excerto a seguir: 
\u201cA gestão democrática não é só um princípio pedagógico. É também um preceito constitucional. O parágrafo único do artigo primeiro da Constituição Federal de 1988 estabelece como cláusula pétrea que \u2018todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente\u2019\u201d.
Após esta avaliação, caso queira ler o texto integralmente, ele está disponível em: <http://institutogate.com.br/download/artigos/Luciana%20Machado.pdf> Acesso em 16 set. 2016.
De acordo com o texto-base Projeto político-pedagógico e gestão democrática, a gestão democrática exige uma ruptura na prática administrativa da escola com o enfrentamento das questões da exclusão e reprovação e da não permanência do aluno na sala de aula, o que vem provocando a marginalização das classes populares. Esse compromisso implica:
Nota: 10.0
	
	A
	a transferência da responsabilidade de construção do projeto político-pedagógico aos pais.
	
	B
	a necessidade de abordagens behavioristas, como forma de estimular o bom comportamento.
	
	C
	a construção coletiva de um projeto político-pedagógico ligado aos interesses e necessidades da população.
Você acertou!
A gestão democrática é um princípio consagrado no artigo 206, inciso I, da Constituição Federal, e abrange as dimensões pedagógica, administrativa e financeira. A LDB (Lei nº 9.394, de 1996) define também normas de gestão democrática do ensino público na educação básica, de acordo com as suas peculiaridades e conforme os seguintes princípios estabelecidos pelo artigo 14: I - participação dos profissionais da educação na elaboração do projeto pedagógico da escola; II - participação das comunidades escolar e local em conselhos escolares equivalentes. A gestão democrática exige uma ruptura na prática administrativa da escola com o enfrentamento das questões da exclusão e reprovação e da não permanência do aluno na sala de aula, o que vem provocando a marginalização das classes populares. Esse compromisso implica a construção coletiva de um projeto político-pedagógico ligado aos interesses e necessidades da população (texto-base Projeto político-pedagógico