A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
187 pág.
DIREITO PENAL CONSTITUCIONAL  CRIMES EM ESPÉCIE

Pré-visualização | Página 40 de 40

Questão 5 - B 
Justificativa: Para que haja crime de condescendência criminosa, o crime 
praticado deve estar relacionado ao exercício do cargo, o que não ocorreu no 
caso em questão. 
Questão 6 - A 
Justificativa: Nesta situação hipotética, Leonardo induziu ou manteve terceiros 
em erro para, fingindo-se de funcionário público, obter vantagem ilícita, bem 
como não praticou qualquer ato de ofício, razão pela qual sua conduta restará 
tipificada como incursa no Artigo 171, do Código Penal. 
 
Questão 7 - B 
Justificativa: Artigo 332, do CP. 
Questão 8 - B 
Justificativa: Trata-se de crime de tráfico de influência, previsto no Artigo 332, 
do CP. 
Questão 9 - A 
Justificativa: Artigo 339, do CP. 
Questão 10 - A 
Justificativa: No caso, houve bilateralidade para a consumação de ambos os 
crimes. O crime de corrupção ativa consuma-se no momento em que houve o 
oferecimento da vantagem e o de corrupção passiva, no caso em questão, 
consumou-se com a aceitação da vantagem.