A QUALIDADE DA ÁGUA PARA ABASTECIMENTO PÚBLICO NO MUNICÍPIO DE SÃO MIGUEL DO TOCANTINS
18 pág.

A QUALIDADE DA ÁGUA PARA ABASTECIMENTO PÚBLICO NO MUNICÍPIO DE SÃO MIGUEL DO TOCANTINS


DisciplinaQualidade de Água, Saúde e Saneamento1 materiais14 seguidores
Pré-visualização5 páginas
A QUALIDADE DA ÁGUA PARA ABASTECIMENTO PÚBLICO NO MUNICÍPIO 
DE SÃO MIGUEL DO TOCANTINS1 
 
Luciane Barbalho de Oliveira Silva2 
Joaquim Paulo de Almeida Júnior3 
 
 
RESUMO: A água é um recurso natural de valor inestimável que contribui na produção, 
sendo um recurso estratégico para o crescimento econômico, bem como um meio vital para a 
manutenção dos ciclos biológicos, químicos e geológicos que conserva um equilíbrio aos 
ecossistemas. Além do consumo diário, a água se mostra importante também para a 
higienização. Tanto para manter o ambiente limpo quanto também para lavar os alimentos. 
Por tudo isso, é de essencial importância que a água seja ofertada com qualidade, ou seja, 
limpa e inibida de impurezas, para toda a população, uma vez que essa atua como um fator de 
proteção e preservação da saúde pública. Objetivou-se por meio dessa observação acadêmica 
analisar a qualidade da água fornecida a população do município de São Miguel do Tocantins 
\u2013 TO, através da rede de abastecimento público. Esse estudo trata-se de uma pesquisa de 
natureza básica da temática estudada com o intuito de estabelecer um diagnóstico primário da 
condição situacional da questão examinada, com uma abordagem quantitativa dos resultados 
obtidos. O estudo envolveu a análises laboratoriais de característica físico-química das 
amostras de água coletas da rede abastecimento público realizada no mês de julho/2018. 
 
Palavras-Chave: Água. Qualidade da água. Rede de abastecimento público. Saneamento 
básico. 
 
ABSTRACT: Water is a priceless natural resource that contributes to production, being a 
strategic resource for economic growth, as well as a vital means of maintaining the biological, 
chemical and geological cycles that maintains a balance of ecosystems. In addition to daily 
consumption, water is also important for hygiene. Both to keep the environment clean as well 
as to wash the food. For all this, it is of essential importance that water be offered with 
quality, that is, clean and inhibited of impurities, for the entire population, since it acts as a 
factor of protection and preservation of public health. The aim of this academic observation 
was to analyze the quality of water provided to the population of the municipality of São 
Miguel do Tocantins - TO, through the public supply network. This study is a research of a 
basic nature of the subject studied in order to establish a primary diagnosis of the situational 
condition of the question examined, with a quantitative approach to the results obtained. The 
study involved laboratorial analyzes of physical-chemical characteristics of water samples 
collected from the public water supply network in July / 2018. 
 
Keywords: Water. Water quality. Public supply network. Basic sanitation. 
 
1 Artigo científico apresentado a Faculdade de Imperatriz\u2013 FACIMP/WYDEN no Curso de Farmácia, como 
requisito obrigatório para a obtenção do Título em Bacharel em Farmácia. 
2 Acadêmica do Curso de Farmácia da Faculdade de Imperatriz- FACIMP/WYDEN. 
3 Orientador. Mestre em Ciências da Educação pela Universidade Estadual do Maranhão (UEMA). Bacharel em 
Química Industrial pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Contato para consultoria de pesquisa: 
jpajr2002@yanhoo.com.br 
2 
 
1 INTRODUÇÃO 
 
 A saúde, a educação, o trabalho, o transporte, o ambiente e, ainda, o saneamento 
básico são fatores que influenciam diretamente na qualidade de vida dos cidadãos. O 
fornecimento de água de boa qualidade e em quantidade apropriada à população é 
fundamental para a rede e distribuição básica de abastecimento de água para as cidades, uma 
vez que promove a vitalidade e o bem-estar de toda a sociedade, possibilitando dessa maneira 
o crescimento das suas capacidades produtivas de forma sustentável (VIEITES, 2011). 
A água é primordial para a vida terrestre, principalmente para o desenvolvimento 
ecológico e o equilíbrio do ecossistema, bem como para a essencialidade humana e seu 
progresso econômico. Esta é uma substância de suma importância para a manutenção da 
existência vital do ser humano, pois tem influência direta sobre a saúde e outras condições 
desta (AZEVEDO NETTO et al., 1987). 
O intuito principal para a exigência de qualidade da água consiste na proteção e 
preservação da saúde pública. Os parâmetros empregados para garantir essa qualidade têm 
como propósito proporcionar um suporte para o desenvolvimento de atividades que, se 
devidamente executadas junto à população, garantirão a segurança do abastecimento de água 
por meio da eliminação ou diminuição à concentração mínima de constituintes na água 
considerados perigosos à saúde (SOTO et al., 2007). 
O saneamento básico e a rede e distribuição de água são elaborados com a 
finalidade de assegurar a saúde, a segurança e a comodidade da população, evitando a 
presença e ações nocivas de microrganismos contaminantes, detritos ou resíduos tóxicos em 
geral. De acordo com a Pesquisa Nacional de Saneamento Básico (PNSB), de 2008, quase 
todos os municípios existentes no Brasil possuíam um serviço de fornecimento de água em 
pelo menos um distrito (99,4%), somente de 33 não disponibilizava de rede de água potável, 
dos quais 21 municípios estão localizados na Região Nordeste do país (GUERRA, 2011). 
Contudo, a existência de sistemas de rede de água não garante a distribuição de 
água de qualidade para a população. As condições dos tratamentos realizados nos 
reservatórios, a melhoria e manutenção, a periodicidade dos serviços podem apontar o nível 
de qualidade do abastecimento de água ofertada as municípios. Em vista disso, a presente 
análise acadêmica tenciona promover, refletir, estabelecer e conduzir, satisfatoriamente, uma 
discussão e abordagem sócio científica acerca da importância de água de qualidade no bem-
estar dos cidadãos, sobretudo do município de São Miguel do Tocantins, no estado do 
Tocantins, objetivando contribuir, estrategicamente, para a melhoria da qualidade da água 
3 
 
para o abastecimento público. 
 
2 REFERENCIAL TEÓRICO 
2.1 Importância da Água 
 
Não há como medir a importância da água na Terra, pois esta é um recurso 
essencial para a vida. Para ter uma noção do quanto o homem necessita da água, basta se ter 
em mente que o corpo do ser humano é constituído de 75% de água, o que a torna 
indispensável não somente para a manutenção vital dos órgãos humanos, mas também para 
outros seres vivos. A água também é fundamental para a produção de energia, os transportes, 
a recreação, a saúde e o emprego da população. Para que o sistema de distribuição de água 
funcione, é necessário que existam pessoas que desenvolvam e que façam a manutenção 
contínua desse sistema (bombeiros hidráulicos, donos e/ou motoristas de carros-pipas, 
profissionais capacitados para fazer o tratamento da água etc.) 
Há, erroneamente, uma ideia de que os recursos hídricos são infinitos. De fato há 
uma quantidade considerável de água no planeta, no entanto menos de 3% dessa capacidade é 
formado por água doce, do qual mais de 99% fica congelado nas regiões polares, o que 
dificulta a sua utilização pelo homem. De acordo com Longen (2007, p. 29) \u201cO problema 
atual do planeta não é a falta de água, visto que ela recobre 71% da superfície terrestre, mas, 
sim, a falta de água potável, necessidade fundamental à existência do ser humano\u201d. A falta de 
água potável ou doce já é um problema alarmante em todos os continentes. Outro item que 
pode ser mencionado é que a população mundial triplicou nos últimos anos, ou seja, houve 
uma redução considerável da oferta de água. 
Para melhor ilustrar a real situação do planeta em relação à água, o Departamento