Aula 03
112 pág.

Aula 03


DisciplinaDireito Administrativo I45.878 materiais940.896 seguidores
Pré-visualização34 páginas
entre organizações públicas fragilizam o 
contratado na medida em que não prevêem penalidades aos contratantes em 
caso de impossibilidade de repasses financeiros. 
III. A contratualização interna se dá entre a cúpula e instâncias operacionais 
de uma mesma organização. 
IV. O descumprimento injustificado pelas agências reguladoras de contrato de 
gestão que tenham firmado leva à demissão de seus dirigentes. 
V. A regulamentação do parágrafo 8º do art. 37 da Constituição Federal 
permite a ampliação da autonomia gerencial mediante contrato de gestão 
apenas para autarquias e fundações. 
CURSO ON-LINE \u2013 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA P/ AFRFB E AFT 
PROFESSOR: RAFAEL ENCINAS 
Prof. Rafael Encinas www.pontodosconcursos.com.br 111 
 
Estão corretos apenas os itens 
a) I, II e III 
b) I, II e IV 
c) II, III e IV 
d) II, IV e V 
e) III, IV e V 
28. (ESAF/SEFAZ-MT/2001) Em relação à organização administrativa 
brasileira, assinale a afirmativa verdadeira. 
a) A recente figura das organizações sociais reveste-se da personalidade 
jurídica de direito público. 
b) Após a Emenda Constitucional 19/98, ficou vedado ao Poder Público criar 
fundações sob regime de direito privado. 
c) Empresas públicas e sociedades de economia mista têm, exclusivamente, 
como objeto institucional atividades relativas a serviços públicos. 
d) No momento, somente existem no Brasil autarquias classificadas como de 
serviço. 
e) Caracteriza o órgão autônomo a personalidade jurídica própria. 
29. (ESAF/STN/2000) O Brasil, conforme reza o art. 1º da Constituição 
Federal, é uma República Federativa, formada pela união indissolúvel dos 
Estados e Municípios e do Distrito Federal. Quanto à forma, podemos afirmar 
que o Brasil é um Estado 
a) unitário ou republicano, uma vez que existe uma unidade de poder sobre o 
território, pessoas e bens . 
b) composto ou federal, uma vez que existe uma repartição regional de 
poderes autônomos. 
c) unitário ou federal, uma vez que existe a união indissolúvel dos Estados, 
Municípios e do Distrito Federal. 
d) composto ou republicano, uma vez que é formado de Estados-membros que 
possuem ampla liberdade administrativa, política e econômica. 
e) unitário ou federal, uma vez que possui um centro de poder que se estende 
por todo o território e sobre toda a população. 
CURSO ON-LINE \u2013 ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA P/ AFRFB E AFT 
PROFESSOR: RAFAEL ENCINAS 
Prof. Rafael Encinas www.pontodosconcursos.com.br 112 
 
30. (ESAF/SFC/2000) Em relação ao federalismo e à descentralização política, 
não se pode afirmar que: 
a) O que realmente caracteriza o Estado federal é o princípio constitucional que 
lhe impõe o respeito às competências das unidades federativas. 
b) Na descentralização administrativa tem-se um fenômeno de derivação dos 
poderes administrativos do aparelho político-administrativo do Estado. 
c) No federalismo, a determinação do nível de autonomia constitucional das 
instâncias subnacionais é de competência legislativa estadual. 
d) O federalismo baseia-se nos princípios da autonomia das partes e da 
participação no todo. 
e) Ao Estado unitário é permitido mudar o ordenamento precedente, mediante 
o próprio órgão legislativo, via lei ordinária ou constitucional. 
 
4.2 GABARITO 
1. E 
2. B 
3. A 
4. E 
5. B 
6. D 
7. E 
8. D 
9. E 
10. B ou E 
11. E 
12. E 
13. D 
14. B 
15. D 
16. C 
17. D 
18. A 
19. E 
20. B 
21. A 
22. C 
23. E 
24. A 
25. E 
26. D 
27. C 
28. D 
29. B 
30. C