A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
55 pág.
5.1 fundamentos de enfermagem

Pré-visualização | Página 2 de 13

5 de 53 
movimento torácico simétrico, ausência de esforço e ruído. O padrão 
respiratório de uma pessoa pode sofrer alterações fisiológicas em algumas 
situações, como na realização de esforços físicos, estresse emocional ou 
durante o choro. Os principais tipos de alterações respiratórias são: 
x Bradipnéia - freqüência respiratória abaixo da normal; 
x Taquipnéia - freqüência respiratória acima da normal; 
x Dispnéia - dificuldade respiratória; 
x Ortopnéia - respiração facilitada em posição vertical; 
x Apnéia - parada respiratória; 
x Respiração de Cheyne Stokes - caracteriza-se por aumento 
gradual na profundidade das respirações, seguido de decréscimo 
gradual dessa profundidade, com período de apnéia subseqüente; 
x Respiração estertorosa - respiração ruidosa. 
 
Valores de Referencia segundo a Organização mundial de saúde 
(OMS): 
”���PHVHV •���LSP 
3 meses a 11meses •���LSP 
12 meses a 5 anos •���LSP 
•���DQRV •���LSP 
Adultos 12 20 ipm 
 
3-IBFC/ SES-PR /ENFERMAGEM/2016 
 
A intoxicação exógena pode ser provocada por ingestão ou inalação de 
substâncias prejudiciais ao organismo, administração excessiva de 
medicamentos ou drogas, absorção de substâncias pelo tecido epitelial 
ou picadas por animais peçonhentos. Um paciente com intoxicação 
exógena pode apresentar diversos sinais e sintomas, entre eles a 
diminuição do diâmetro pupilar, que chamamos de 
___________________, o aumento do diâmetro pupilar, que 
chamamos de ____________________, a diminuição da frequência 
cardíaca, chamada de ____________________ ou o aumento da 
frequência respiratória, chamada de _____________________. 
00000000000 - DEMO
Enfermagem/Fundamentos/EBSERH 
Teoria e exercícios comentados 
Prof. Regina de Souza Barros ʹ Aula 00 
 
 
Prof. Regina de Souza Barros www.estrategiaconcursos.com.br 6 de 53 
Assinale a alternativa que preenche correta e respectivamente as 
lacunas do texto acima. 
 a) Anisocoria, miose, bradiarritmia e dispneia. 
b) Midríase, anisocoria, taquicardia e bradipnéia. 
c) Miose, midríase, bradicardia e taquipnéia. 
d) Midríase, miose, bradipnéia e taquicardia. 
 
Comentários: No caso descrito acima a questão pode ser resolvida pelos 
termos que completa ³diminuição do diâmetro pupilar= miose; 
aumento do diâmetro pupilar= midríase; diminuição da frequência 
cardíaca= bradicardia; aumento da frequência respiratória= 
taquipneia´. 
Gabarito: C 
 
4-PREF. CEDRO/CE/CEV/URCA/ENFERMEIRO/2014 
A frequência respiratória normal, segundo a Organização Mundial de 
Saúde (OMS) na criança de 12 meses a 5 anos é: 
a) 40 mrm 
b) 50 mrm 
c) 20 mrm 
d) 30 mrm 
 
Comentários: Como o quadro descrito no texto base a frequência 
respiratória na criança de 12 meses a 5 anos é 40 mpm. 
 
Gabarito: A 
 
Temperatura 
A temperatura corporal pode elevar- se na maioria dos processos 
infecciosos e/ou inflamatórios. É muito difícil delimitar a temperatura 
corporal normal porque, além das variações individuais e condições 
ambientais, em um mesmo indivíduo a temperatura não se distribui 
uniformemente nas diversas regiões e superfícies do corpo. Assim, 
podemos considerar como variações normais de temperatura: 
00000000000 - DEMO
Enfermagem/Fundamentos/EBSERH 
Teoria e exercícios comentados 
Prof. Regina de Souza Barros ʹ Aula 00 
 
 
Prof. Regina de Souza Barros www.estrategiaconcursos.com.br 7 de 53 
Temperatura axilar: 35,8ºC - 37,0ºC; 
Temperatura oral: 36,3ºC - 37,4ºC; 
Temperatura retal: 37ºC - 38ºC. 
 
O controle da temperatura corporal é realizado mediante a 
utilização do termômetro, o mais utilizado é o de mercúrio, mas cada vez 
mais torna-se freqüente o uso de termômetros eletrônicos que também 
são eficazes se realizadas manutenções sistemáticas. A temperatura 
corporal pode ser verificada pelos seguintes métodos: 
Oral: o termômetro de uso oral deve ser individual e possuir bulbo 
alongado e achatado, o qual deve estar posicionado sob a língua e 
mantido firme com os lábios fechados, por 3 minutos. Esse método é 
contra-indicado em crianças, idosos, doentes graves, inconscientes, 
com distúrbios mentais, portadores de lesões orofaríngeas e, 
transitoriamente, após o ato de fumar e ingestão de alimentos quentes ou 
frios; 
Retal: o termômetro retal é de uso individual e possui bulbo arredondado 
e proeminente. Deve ser lubrificado e colocado no paciente em decúbito 
lateral, inserido cerca de 3,5cm, em indivíduo adulto, permanecendo por 
3 minutos. A verificação da temperatura retal considerada a mais 
fidedigna é contra-indicada em pacientes submetidos a intervenções 
cirúrgicas do reto e períneo, e/ou que apresentem processos inflamatórios 
locais; 
Axilar: é a verificação mais freqüente no nosso meio, embora seja a 
menos precisa. O termômetro deve permanecer por, no máximo, 7 
minutos (cerca de 5 a 7 minutos). 
Auricular: aparelho com aproximação no canal auditivo. 
Pele: sensor de aproximação na pele. 
00000000000 - DEMO
Enfermagem/Fundamentos/EBSERH 
Teoria e exercícios comentados 
Prof. Regina de Souza Barros ʹ Aula 00 
 
 
Prof. Regina de Souza Barros www.estrategiaconcursos.com.br 8 de 53 
 
Fonte: http://www.saudemelhor.com 
 
Vamos lá caros concurseiros não desanimem!!! Esse é o caminho da 
vitória!!!!!!!!!!!!!! 
 
 
As principais alterações da temperatura são: 
Normotermia Temperatura corporal normal. 
 
Afebril Ausência da elevação da temperatura; 
Hipotermia Temperatura abaixo do valor normal; 
 
Hipertermia Temperatura acima do valor normal, 
entre 37,8º a 40,9º C; 
 
Febrícula 
 
Temperatura entre 37,2o C e 37,7o C. 
 
Hiperpirexia A partir de 41º C. 
 
 
5-EBSERH-UFSCAR/AOCP/ENFERMEIRO/2015 
Os sinais vitais evidenciam as alterações corporais pelas quais um 
paciente está passando, portanto, requerem cuidado especial e 
monitoramento constante. Com relação às técnicas fundamentais de 
enfermagem na verificação dos sinais vitais, assinale a alternativa 
correta. 
(A) A verificação de temperatura bucal está indicada para crianças e 
lactentes. 
(B) Durante a verificação da pressão arterial, recomenda-se estimular o 
paciente a falar sobre seu estado atual. 
00000000000 - DEMO
Enfermagem/Fundamentos/EBSERH 
Teoria e exercícios comentados 
Prof. Regina de Souza Barros ʹ Aula 00 
 
 
Prof. Regina de Souza Barros www.estrategiaconcursos.com.br 9 de 53 
(C) A temperatura corporal de um paciente pode ser alterada por 
emoções e medicamentos, exercícios, alterações posturais e condições 
pulmonares. 
(D) Para mensuração dos sinais vitais, é importante seguir a seguinte 
ordem: colocar o termômetro, verificar o pulso, contar a respiração, 
mensurar a pressão arterial, retirar o termômetro e registrar os valores 
aferidos no plano assistencial de enfermagem. 
(E) Para a aferição da pressão arterial de adultos e crianças, pode-se 
utilizar um único manguito. 
 
Comentários: Vamos analisar os itens: 
(A) A verificação de temperatura bucal está indicada para crianças e 
lactentes. Recomendação contraindicada. 
(B) Durante a verificação da pressão arterial, recomenda-se estimular o 
paciente a falar sobre seu estado atual. Recomendação 
contraindicada. 
(C) A temperatura corporal de um paciente pode ser alterada por 
emoções e medicamentos, exercícios, alterações posturais e condições 
pulmonares. Incorreta, pois alterações posturais não interferem na 
temperatura as demais alterações podem aumentar ou diminuir a 
temperatura corporal dependendo das circunstâncias. 
(D) Para mensuração dos sinais vitais, é importante