PROVAS diversas PERSPECTIVA PROFISSIONAL SERVIÇO SOCIAL
6 pág.

PROVAS diversas PERSPECTIVA PROFISSIONAL SERVIÇO SOCIAL


DisciplinaQuestões Diversas93 materiais28 seguidores
Pré-visualização7 páginas
1. A exploração da força de trabalho ganhou maior dimensão a partir da ____, que abriu caminho para que o processo de _____ se tornasse permanente, demandando uma intensiva mão de obra até a contemporaneidade.		d. Revolução Industrial/ industrialização.
			
2. Ao longo da história da humanidade, o conceito ______ faz parte da sociedade, mesmo que por diferentes razões (raça, etnia, gênero, cultura, religião). Está ligada aos aspectos econômicos (desemprego), sociais (pobreza, perda de status etc.), psicológicos (autoestima etc.), físicos (doenças) e culturais (valores). Considerando sua dimensão no cotidiano e nas questões sociais, torna-se, para muitos, uma fatalidade diante do conformismo da sociedade perante a problemática. Cabe ao ______acreditar que é possível sua abolição ou, pelo menos, atuar na diminuição de situações que a geram. c. de exclusão/ assistente social.
			
3. Na contradição entre a lógica do capital e a lógica do trabalho, _____representa não só as desigualdades, mas, também o processo de resistência e luta _______. Por isto é uma categoria que reflete a luta dos trabalhadores, da população excluída e subalternizada, na luta pelos seus direitos econômicos, sociais, políticos e culturais.	c). a questão social, dos trabalhadores.
			
4. No final do século XIX houve a ascensão da ______ e o aparecimento de _______. O processo de adaptação a essa nova vida exigia profissionais para exercerem a função de adaptar os ______à nova condição de assalariados, para assumir uma prática que controlasse a força de trabalho e minimizasse os _____. Esse trecho se refere ao surgimento do profissional ______.	a. sociedade burguesa, classes sociais, operários, problemas sociais, assistente social. 
5. No sistema capitalista o trabalho é marcado pela ____ do trabalhador. Para que o capitalista (donos do meio de produção) obtenha ___. b. exploração, lucro.
			
6. No sistema capitalista, qual é a situação que representa as necessidades dos trabalhadores que não são atendidas por meio da remuneração de seu trabalho, tais como saúde do trabalhador, alimentação, assistência social extensiva à família, seguridade social, acesso aos serviços públicos de educação e saúde etc.?	 A): demanda social. Nessa relação de trabalho, surgem inúmeras demandas sociais não atendidas ou atendidas de maneira precária pelo capitalismo.
7. O assistente social da atualidade deve desenvolver, funções ________para a classe trabalhadora. Esse profissional atua na administração de recursos institucionais. Sua função resulta na distribuição e no controle desses recursos junto à população que se encontra em situação de_________, intervindo em suas necessidades básicas de sobrevivência.		d. intelectuais ou ideológicas/vulnerabilidade socioeconômica e cultural.
8. O modo de produção capitalista marcou o fim do modelo de sociedade baseado no _______, modo de organização social e político baseado nas relações servo-contratuais. D): feudalismo.
9. O profissional assistente social atua diretamente com a população e tem como objeto de trabalho a questão ____________. C) social: O assistente social atua nas expressões da questão social oriundas do processo de produção que produzem a desigualdade social.
			
10. Para o pensador alemão Karl Marx (1818-1883), no sistema capitalista, há apenas duas classes sociais: a classe trabalhadora ou operária, que detém _______, e a classe burguesa, que detém _________.	B) a força de trabalho, os meios de produção.
11. A atuação do assistente social tem como: I- Objeto de trabalho a questão social com suas diversas expressões. II- Formular e implementar propostas para seu enfrentamento, por meio das políticas sociais, públicas e empresariais de organizações da sociedade civil e movimentos sociais. III- Propostas individuais que sirvam de base para a transformação e sirvam de motivação para o rompimento de práticas tradicionais.	
CORRETA B) I e II são verdadeiras: O assistente social atua com a questão social e suas propostas não devem ter o foco em ações individuais e sim coletivas.
12. A relação capital x trabalho tem proporcionado a __das relações trabalhistas e consequentemente __ da desigualdade social: c. Precarização / aumento. 
			
13. Analise e responda: I- As intervenções do assistente social são norteadas pelo que se denomina projeto ético-político. II- O Projeto Ético-Político do Serviço Social implica compromisso com uma nova ordem social na qual busca-se competências profissionais que visem à formação permanente e constante da postura investigativa. III- Cabe aos assistentes sociais mediarem essas relações entre as classes sociais. e. I, II e III são verdadeiras.
			
14. Analise e responda: I- O profissional deve ter como base o conhecimento técnico-operativo, a fim de intervir de maneira eficiente na realidade dos indivíduos. II-O profissional deve desenvolver sua capacidade de compreender a realidade, a fim de construir propostas criativas de efetivação de direitos sociais a partir de demandas do cotidiano. III- Deve construir propostas que atendam a coletividade, ao invés de atuar somente nas questões individuais de cada atendido.	
d. II e III são verdadeiras. 
15. Atualmente é necessário que o profissional assistente social tenha criatividade na construção de estratégias para _______. Dessa maneira, pode atuar na construção ______, sujeitos políticos, movimentos sociais e lutas da categoria como garantia da profissão na _____________.
a. a intervenção profissional, dos direitos sociais, política social. 
			
16. Cada classe social possui um projeto de sociedade que se espera construir, que podem ser conservadores ou de transformação. Nesse sentido, cabe ao profissional assistente social mediar essas relações. Sobre quais projetos a frase se refere:		 d. projetos societários projetos educacionais. 
			
17. Enquanto profissão o Serviço Social tem papel de alta relevância social à medida que está vinculado a um projeto de transformação da sociedade. Pensar em transformação requer do profissional uma:	a. Prática educativa.
18. O Estado brasileiro tem empreendido uma série de projetos para o desenvolvimento _____, e tais projetos traduzem-se em investimentos, fornecimento de empréstimos e outras iniciativas para desenvolver a produção, mas estas, via de regra, buscam privilegiar o _____. Desta maneira observamos grande expulsão dos trabalhadores da ____ para o espaço____, onde ficam subempregados ou mesmo desempregados. e. agropecuário, grande produtor, zona rural, urbano. 
			
19. Para entendermos as demandas profissionais que nos é apresentada é necessário que saibamos três premissas básicas:	e. desvelar a prática profissional, o primado da produção social e contexto histórico. 
			
20. Quando abordamos o projeto ético-político da profissão, no que se refere à questão ética, falamos de: c. Princípios e valores.				
21. A respeito da metodologia e da_____ do Serviço Social, elas podem assumir dois caminhos: ____faz referência à manutenção de práticas já desenvolvidas, sem que sobre elas seja realizada uma reflexão. Já _______consiste em buscar, por meio da práxis, a superação da ação pautada exclusivamente pelo tecnicismo. E é somente a partir da relação equilibrada entre a utilização dos ______ e a aplicação das _____é que será possível ao assistente social desenvolver uma prática condizente com o projeto ____ de sua categoria e assim colaborar para fortalecer os segmentos menos favorecidos de nossa sociedade.	
d. instrumentalidade, o conservadorismo, a emancipação, instrumentos, técnicas, ético-político.
22. A respeito dos instrumentais utilizados pelo assistente social podemos afirmar que: II- são indicativos teórico-práticos de intervenção. III- meios para a operacionalização da prática profissional. c. II e III são verdadeiras. 
23. As Diretrizes Gerais para o curso de Serviço Social, publicadas em 1997 pela ABEPSS, devem ser utilizadas como referência na formação dos futuros