Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
12 pág.
questionario 2 Sistemas de Informação em Comércio e Serviços

Pré-visualização | Página 1 de 4

Pergunta 1
0,25 em 0,25 pontos
	
	
	
	A linguagem SQL é um dos principais recursos disponíveis para acesso e manipulação de dados em bancos relacionais. Constituída de uma série de comandos em inglês, com uma estrutura razoavelmente próxima daquela utilizada em uma comunicação entre pessoas, ela apresenta-se com um bom nível de padronização, especialmente quanto à consulta de dados. Ela é dividida em dois tipos de acordo com a funcionalidade dos comandos. Esses tipos são: 
I. DDL (Linguagem de Definição de Dados) e DML (Linguagem de Manipulação de Dados). 
II. DDL (Linguagem de Definição de Dados) e DCL (Linguagem de Controle de Dados). 
III. DML (Linguagem de Manipulação de Dados) e DCL (Linguagem de Controle de Dados). 
IV. DQL (Linguagem de Consulta de Dados) e DML (Linguagem de Manipulação de Dados). 
É correto apenas o que se afirma em:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	a. 
I.
	Respostas:
	a. 
I.
	
	b. 
II.
	
	c. 
III.
	
	d. 
IV.
	
	e. 
II e IV.
	Feedback da resposta:
	Resposta: A 
Comentário: a linguagem SQL é um dos principais recursos disponíveis para acesso e manipulação de dados em bancos relacionais. Constituída de uma série de comandos em inglês, com uma estrutura razoavelmente próxima daquela utilizada em uma comunicação entre pessoas, ela apresenta-se com um bom nível de padronização, especialmente quanto à consulta de dados. Ela é dividida em dois tipos de acordo com a funcionalidade dos comandos: DDL e DML são tipos de linguagem SQL. A DDL interage com os objetos do banco, comandos do tipo: CREATE (criação de tabelas), ALTER (alteração nas tabelas) e DROP (exclusão de tabelas). A DML interage diretamente com os dados dentro das tabelas. São comandos do tipo: INSERT (inserção de dados na tabela), UPDATE (atualização de dados na tabela) e DELETE (exclusão de registros na tabela).
	
	
	
Pergunta 2
0,25 em 0,25 pontos
	
	
	
	Como o processo de aprendizagem organizacional continua e sua base de conhecimento expande-se, a empresa criadora de conhecimento trabalha para integrar esse conhecimento aos processos empresariais, produtos e serviços. Essa integração ajuda a empresa a se tornar uma fornecedora ágil e inovadora de produtos e serviços de alta qualidade ao cliente, além de uma formidável competidora no mercado. Existem sistemas em que o objetivo é ajudar os trabalhadores a criar, organizar e disponibilizar importantes conhecimentos da empresa, onde e quando esses conhecimentos se fizerem necessários na organização. Isso inclui processos, procedimentos, patentes, trabalhos de referência, fórmulas, “melhores práticas”, prognósticos e soluções. Os sites da internet e da intranet, groupware, data mining, bases de conhecimento e os grupos de discussão em tempo real são algumas tecnologias-chave que podem ser usadas por esses sistemas. Muitas empresas estão criando sistemas para administrar o aprendizado organizacional e o know-how do negócio. Esses sistemas são denominados de: 
I. Sistemas de Gestão de Sabedoria. 
II. Sistemas de Gestão do Conhecimento e de Sabedoria. 
III. Sistemas de Gestão do Compartilhamento. 
IV. Sistemas de Gestão do Conhecimento. 
É correto apenas o que se afirma em:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	a. 
IV.
	Respostas:
	a. 
IV.
	
	b. 
I.
	
	c. 
II.
	
	d. 
III.
	
	e. 
II e IV.
	Feedback da resposta:
	Resposta: A 
Comentário: O'Brien e Marakas (2013) destacam que a gestão do conhecimento tem, portanto, se tornado um dos maiores usos estratégicos da tecnologia da informação. Muitas empresas estão criando sistemas de gestão do conhecimento ( Knowledge Management Systems – KMS) para administrar o aprendizado organizacional e o know-how do negócio. O objetivo de tais sistemas é ajudar os trabalhadores a criar, organizar e disponibilizar importantes conhecimentos da empresa, onde e quando esses conhecimentos se fizerem necessários na organização. Isso inclui processos, procedimentos, patentes, trabalhos de referência, fórmulas, “melhores práticas”, prognósticos e soluções. Os sites da internet e da intranet, groupware, data mining, bases de conhecimento e os grupos de discussão em tempo real são algumas tecnologias-chave que podem ser usadas pelos KMS. Como o processo de aprendizagem organizacional continua e sua base de conhecimento expande-se, a empresa criadora de conhecimento trabalha para integrar esse conhecimento aos processos empresariais, produtos e serviços. Essa integração ajuda a empresa a se tornar uma fornecedora ágil e inovadora de produtos e serviços de alta qualidade ao cliente, além de uma formidável competidora no mercado.
	
	
	
Pergunta 3
0,25 em 0,25 pontos
	
	
	
	Computação em nuvem (Cloud Computing) é um conceito que utiliza uma rede de computadores interligados pela internet, usufruindo da capacidade de armazenamento, da memória e da velocidade de cálculos que esses servidores possuem quando estão interligados e compartilhados. A aplicação desse conceito permite o acesso a arquivos e execução de tarefas pela internet, ou seja, não é necessária a instalação de nenhum aplicativo no computador do usuário. Uma vez conectado ao serviço online é possível salvar e acessar tanto os arquivos quanto serviços, a partir de qualquer computador que tenha acesso à internet. No computador ou equipamento local é necessário apenas monitor e periférico para interação, uma vez que tudo é executado em servidores remotos. Entre vantagens e desvantagens, podemos citar duas vantagens impactantes: não é necessário ter um equipamento potente e a possibilidade de acessar dados, arquivos e aplicativos de qualquer lugar, contanto que se tenha acesso à internet. Quanto às desvantagens podemos citar: o fato de manter informações em um ambiente virtual gera desconfiança e, com a necessidade de acessar servidores remotos, é essencial que a conexão com a internet seja rápida e estável, caso contrário será desfavorável no aproveitamento absoluto da tecnologia. 
I. A propriedade dos dados não é da organização que contratou o serviço.
II. É necessário ter uma conexão rápida e estável, caso contrário será desfavorável no aproveitamento absoluto da tecnologia.
III. Pode gerar desconfiança ao manter as informações em um ambiente virtual.
IV. Rapidez na manipulação e no acesso à informação.
É correto apenas o que se afirma em:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	e. 
II e III.
	Respostas:
	a. 
I, III e IV.
	
	b. 
I e III.
	
	c. 
II e IV.
	
	d. 
I, II e IV.
	
	e. 
II e III.
	Feedback da resposta:
	Resposta: E
Comentário: entre vantagens e desvantagens, podemos citar duas vantagens impactantes: não é necessário ter um equipamento potente e a possibilidade de acessar os dados, arquivos e aplicativos de qualquer lugar contanto que se tenha acesso à internet. Quanto às desvantagens, o fato de manter informações em um ambiente virtual gera desconfiança e, com a necessidade de acessar servidores remotos, é essencial que a conexão com a internet seja rápida e estável, caso contrário será desfavorável no aproveitamento absoluto da tecnologia.
	
	
	
Pergunta 4
0,25 em 0,25 pontos
	
	
	
	O banco de dados implementado em um SGBD (Sistema de Gerenciamento de Banco de Dados) pode ser projetado para utilizar uma estrutura de dados específica. Há cinco estruturas fundamentais que representam os modelos básicos de desenvolver e expressar a relação entre os elementos de dados em um banco de dados gerenciado por um SGBD. Uma delas é composta por um conjunto de tabelas relacionadas. Uma tabela é um conjunto de informações sobre uma entidade disposta em forma de linhas e colunas. Nesse caso, a entidade em questão pode ser uma pessoa, um funcionário de uma empresa qualquer, uma lista de produtos, a relação de produtos vendidos com suas respectivas datas, quantidades e valores. Uma tabela é formada por vários registros. Um registro é uma linha da tabela, ou seja, representa todas as informações de uma
Página1234