A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
17 pág.
POLITICAS EDUCACIONAIS

Pré-visualização | Página 2 de 5

cultural, apresentou as seguintes características:
I – A educação esteve sob a tutela dos jesuítas que aplicaram um método de
ensino que valorizava a gramática, a expressão culta e a memorização com
vistas a inserir os colonos na cultura portuguesa.
III - O código de ensino Ratio Studiorum pautou a organização do ensino dos
colégios fundados e dirigidos pela Companhia de Jesus no Brasil colonial
Estão corretas apenas as sentenças:
I e III
Pergunta 8
“O Ratio Studiorum é considerado muito mais que um método pedagógico,
trata-se de um código de leis que tinham por incumbência nortear as
atividades de cunho pedagógico dentro dos colégios da Companhia de
Jesus. Sendo assim, um documento norteador ‘das atividades pedagógicas
e de catequização da Companhia de Jesus, por quase dois séculos, até a
extinção da ordem em 1773’”. (NETO; MACIEL;LAPOLLI apud HENRIQUE;
MAIA; FREITAS, 2016)
Analise as sentenças a seguir e classifique-as como verdadeiras (V) ou
falsas (F):
( v ) Pode-se relacionar as orientações propostas pelo Ratio Studiorum à
tendência pedagógica tradicional.
( f ) O Ratio Studiorum previa o desenvolvimento da autonomia e criatividade
dos alunos, pois estes precisavam organizar seus horários de estudo.
( v ) O Ratio Studiorum enfatizava a memorização e repetição dos conteúdos
trabalhados.
Assinale a alternativa que corresponde à sua análise:
V,F,V
Pergunta 9
(ENADE 2017 – PEDAGOGIA)
Historicamente, o financiamento da escola pública no Brasil tem sido um
direito conquistado com muitas lutas, especialmente para garantir o acesso
e a permanência da classe trabalhadora nessa instituição. Desde que a
educação era uma espécie de concessão do rei de Portugal aos jesuítas até
a vinculação para a Manutenção e Desenvolvimento do Ensino (MDE),
estabelecida pela Constituição Federal de 1988, a história do financiamento
da educação se concentra no movimento por preservação, restabelecimento
e aumento dos percentuais de vinculação.
Tendo como referência a política de financiamento vigente no Brasil, avalie
as afirmações a seguir.
II. Os municípios devem atuar na Educação Infantil e, com prioridade, no
Ensino Fundamental, podendo oferecer outros níveis apenas quando
estiverem atendidas, na plenitude, as necessidades de sua área de
competência.
III. A não aplicação pelo município do percentual mínimo obrigatório
resultante da receita de impostos em MDE pode acarretar a intervenção do
Estado, a rejeição das contas pelo Tribunal de Contas, a impossibilidade de
celebração de convênios com o estado e a União e a perda de assistência
financeira tanto pelo Estado quanto pela União.
É correto apenas o que se afirma em
lI e III.
Pergunta 10
(ENADE 2014 – PEDAGOGIA)
A Lei n.º 12.796, de 4 de abril de 2013, alterou a Lei n.º 9.394, de 20 de
dezembro de 1996. Uma das alterações tornou obrigatória a Educação
Básica para a população com idade entre 4 e 17 anos de idade. Essa
alteração decorre da Emenda Constitucional n.º 59, de 11 de novembro de
2009, a qual garante que a medida deverá ser implementada
progressivamente até 2016.
Diante disso, são necessárias ações, no interior da escola, que levem os
profissionais à compreensão mais aprofundada do teor desses dispositivos
legais, de modo que a implementação dessa política esteja articulada à
melhoria da qualidade da educação pública.
Com relação às novas demandas da Educação Básica, avalie as afirmações
a seguir.
I. A Educação Básica obrigatória e gratuita dos 4 aos 17 anos de idade
compreende as etapas de pré-escola, Ensino Fundamental e Ensino Médio.
Os currículos da Educação Infantil, do Ensino Fundamental e do Ensino
Médio devem ter base nacional comum e parte diversificada.
III. A Educação Infantil tem como finalidade o desenvolvimento integral da
criança de até 5 anos de idade, contemplando os aspectos físico,
psicológico, intelectual e social.
IV. É dever dos pais efetivar, na escola, a matrícula da criança com 4 anos
de idade, cabendo à escola realizar o acompanhamento e o registro do
desenvolvimento das crianças.
É correto o que se afirma em
I, III e IV, apenas.
Pergunta 11
“O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais “Anísio Teixeira”
(Inep) é uma autarquia federal vinculada ao Ministério da Educação (MEC),
cuja missão é promover estudos, pesquisas e avaliações sobre o Sistema Educacional Brasileiro com o objetivo de subsidiar a formulação e
implementação de políticas públicas para a área educacional a partir de
parâmetros de qualidade e equidade, bem como produzir informações claras
e confiáveis aos gestores, pesquisadores, educadores e público em geral”.
(PDE, 2008, p. 6)
A respeito das avaliações externas realizadas na educação básica, é correto
afirmar que:
III – A ANA (Avaliação Nacional da Alfabetização) foi concebida como
avaliação censitária, ou seja, destinada a aferir os níveis de alfabetização e
letramento em Língua Portuguesa (leitura e escrita) e Matemática dos
estudantes do 3º ano do Ensino Fundamental das escolas públicas
É correto apenas o que se afirma em:
III.
Pergunta 12
O Plano Nacional de Educação 2014-2024 estabelece 20 metas e diversas estratégias que devem ser cumpridas até o final do ano de 2024. Diversas metas abordam questões do ensino fundamental, buscando garantir o acesso e a permanência dos alunos à educação escolar. 
A meta 2 traz o seguinte texto: “universalizar o ensino fundamental de nove anos para toda a população de seis a quatorze anos e garantir que pelo menos noventa e cinco por cento dos alunos concluam essa etapa na idade recomendada, até o último ano de vigência deste PNE”. 
Tendo como base a meta 2 e suas respectivas estratégias, analise as sentenças a seguir 
I - Devem ser criados mecanismos para o acompanhamento individualizado dos(as) alunos(as) do ensino fundamental. 
II – É necessária a busca ativa de crianças e adolescentes que não estejam matriculados na escola. 
III – É possibilitada a organização flexível do trabalho pedagógico, incluindo adequação do calendário escolar de acordo com a realidade local, a identidade cultural e as condições climáticas da região. 
Estão corretas apenas as sentenças: 
I, II e III. 
Pergunta 13
A Lei de Diretrizes e Bases da Educação, nos artigos 8º, 9º, 10 e 11 define as responsabilidades da União, dos Estados e dos Municípios. De acordo com esses artigos, pode-se afirmar que: 
I – É dever da União elaborar o Plano Nacional de Educação, em colaboração com os Estados, o Distrito Federal e os Municípios. 
II – Os Estados são incumbidos de assegurar o ensino fundamental e oferecer, com prioridade, o ensino médio a todos que o demandarem. 
É correto apenas o que se afirma em 
I e II 
Pergunta 14
Considerando o período colonial (1500 – 1822) e o contexto histórico, social e educacional do Brasil nesse período, analise as sentenças a seguir: 
I – A educação oferecida nesse período pode ser considerada elitista e excludente. 
Estão corretas apenas as sentenças: 
I 
Pergunta 15
Leia atentamente as definições apresentadas por Lück e Medeiros: 
“[...] é o processo em que se criam condições e se estabelecem as orientações necessárias para que os membros de uma coletividade, não apenas tomem parte, de forma regular e contínua, de suas decisões mais importantes, mas assumam os compromissos necessários para a sua efetivação. Isso porque democracia pressupõe muito mais que tomar decisões, ela envolve a consciência de construção do conjunto da unidade social e de seu processo como um todo, pela ação coletiva” (LÜCK, 2009, p.71). 
“[...] está associada ao estabelecimento de mecanismos legais e institucionais e à organização de ações que desencadeiem a participação social: na formulação de políticas educacionais; no planejamento; na tomada de decisões; na definição do uso de recursos e necessidades de investimento; na execução das deliberações coletivas; nos momentos de avaliação da escola e da política educacional”. (MEDEIROS, 2003, p.61). 
Os autores estão se referindo

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.