Plano de Curso_Direitos Humanos e Políticas Públicas_final 2019 1
3 pág.

Plano de Curso_Direitos Humanos e Políticas Públicas_final 2019 1


DisciplinaPsicologia, Educação e Direitos Humanos39 materiais84 seguidores
Pré-visualização3 páginas
UNIVERSIDADE FEDERAL DO RECÔNCAVO DA
BAHIA
PRÓ-REITORIA GR ADUAÇÃO
COORDENADORIA DE ENSINO E INTEGRAÇÃO ACADÊMICA
NÚCLEO DE GESTÃO ACADÊMICA DE CURSOS E CURRÍCULOS
P L A N O D E
C U R S O D E
C O M P O N E N T E
C U R R I C U L A R
C E N T R O
Centro de Ciênci as da Saúde
Psicologi a
DOCENTE: Luane N eves Santos
TITULAÇÃO: Doutora em Educa ção: Psicologi a da Educação
Em exercício na UFRB
desde: 11/12/ 2018
C O M P O N E N T E C U R R I C U L A R
CÓDIGO
T Í T U L O
CARGA HORÁRIA
1
ANO/SEMESTRE
GCCS706
Direitos Humano s e Políti cas Públi cas
T
P
TOTAL
2019.1
51
51
E M E N T A
D e c l a r a ç ã o U n i v e r s a l d o s D i r e i t o s H u m a n o s . V i o l a ç ã o d o s d i r e i t o s h u m a n o s e
s o f r i m e n t o é t i c o - p o l í t i c o . P e s s o a s e g r u p o s e m s i t u a ç ã o d e v u l n e r a b i l i d a d e e p o l í t i c a s
p ú b l i c a s b r a s i l e i r a s . P s i c o l o g i a n o â m b i t o d a v i o l a ç ã o d o s d i r e i t o s h u m a n o s .
O B J E T I V O S
1. Analisar criti camente a desigual dade social no Brasil , bem como a construçã o / defesa de
políti cas públicas que visam garantir di reitos humanos como vias d e enfrentam ento;
2. Discutir p roduções da psicol ogia so cial que problemati zam os efeitos s ubjetivos d a condi ção de
vulnerabili dade social;
3. Analisar hi storicamente como a psi cologia passa a se engaj ar, acadêmi ca e profissi onalmente, na
construção de pol íti cas públicas e na def esa dos direi tos humanos;
4. Caracterizar as potencial idades teóricas e técni cas do trabal ho das/os psicólogas/os n as polí ticas
públicas volt adas para pessoas e grupos em situação de vulnerabili dade, além das in tervenções
insti tucionais que visam fortal ecer a inserção qu ali ficada da psicologi a nesse âmbi to;
5. Caracterizar a hi stórica luta dos direitos huma nos no Brasil e no mund o;
6. Abordar i nici ativas i nstitucionais no âmbi to do Si stema Cons elhos de P sicologi a q ue vi sam
contribui r para o fortaleci mento da relação entre psi cologia e di reitos humano s;
7. Refletir sobre a cont ribuição da p sicologia, enquanto ciência e profissão, no enfrent amento aos
processos de viol ação dos direit os humanos e in clusão social perversa.
M E T O D O L O G I A
A u l a s e x p o s i t i v o - p a r t i c i p a t i v a s ; L e i t u r a e d i s c u s s ã o d e t e x t o s t e ó r i c o s ; E x p o s i ç ã o e
d i s c u s s ã o d e f i l m e s / d o c u m e n t á r i o s ; E s t u d o d e C a s o s ; P e s q u i s a o r i e n t a d a .
R E C U R S O S
L i v r o s ; N o t e b o o k ; D a t a s h o w ; C a i x a d e s o m .
1
T = Teórico P = Prático
C O N T E Ú D O P R O G R A M Á T I C O
A d e s i g u a l d a d e s o c i a l b r a s i l e i r a : e n f r e n t a m e n t o s ( i m ) p o s s í v e i s ;
A d i m e n s ã o s u b j e t i v a d o s f e n ô m e n o s s o c i a i s : h u m i l h a ç ã o s o c i a l , i n v i s i b i l i d a d e
p ú b l i c a e s o f r i m e n t o é t i c o - p o l í t i c o ;
O c o m p r o m i s s o s o c i a l d a p s i c o l o g i a : u m p r o j e t o é t i c o - p o l í t i c o ;
P s i c o l o g i a e P o l í t i c a s P ú b l i c a s ;
A e m e r g ê n c i a d o s D i r e i t o s H u m a n o s n o B r a s i l e n o m u n d o ;
P s i c o l o g i a e D i r e i t o s H u m a n o s ;
A a t u a ç ã o d a P s i c o l o g i a n o â m b i t o d a v i o l a ç ã o d o s d i r e i t o s h u m a n o s .
A V A L I A Ç Ã O D O P R O C E S S O D E E N S I N O E A P R E N D I Z A G E M
A a v a l i a ç ã o , d e n a t u r e z a p r o c e s s u a l , o c o r r e r á d u r a n t e t o d o o d e s e n v o l v i m e n t o d o
c o m p o n e n t e e d e v e r á l e v a r e m c o n t a o c o m p r o m i s s o c o m a q u a l i d a d e n a r e a l i z a ç ã o
d a s a t i v i d a d e s e s t a b e l e c i d a s e c o m o s p r a z o s a c o r d a d o s . A n o t a f i n a l ( 0 - 1 0 ) s e r á
r e s u l t a n t e d a m é d i a d a s n o t a s a l c a n ç a d a s e m d u a s a v a l i a ç õ e s : u m a d e c a r á t e r o r a l e m
g r u p o ( p a i n e l s o b r e p s i c o l o g i a e p o l í t i c a s p ú b l i c a s ) e o u t r a i n d i v i d u a l e m f o r m a t o
e s c r i t o ( s o b r e a t u a ç ã o d a p s i c o l o g i a n o â m b i t o d a v i o l a ç ã o d o s d i r e i t o s h u m a n o s ) .
R E F E R Ê N C I A
Básica:
1. COIMBRA, C. M. B.; LO BO, L. F.; NASCIMENTO, M . L. Por u ma in venção éti ca para os di reitos
humanos. Psic. Cli n., Rio de Janeiro, VOl. 20, n. 2, p. 89-102 , 2008.
2. CONSELHO REGIONAL DE PS ICOLOGIA DE SÃO PAULO. P rêmio Marcus Viniciu s de Psicol ogia e
Direitos Humanos: violência de Estado ontem e h oje da exclusão ao exte rmínio. São Pau lo:
CRP-SP, 2017.
3. ENGELMAN, F.; MADEIRA, L. M. M. A causa e as políticas de direi tos humanos no Brasil .
CADERNO CRH, Sal vador, set/d ez 2015, v. 28, n . 75, p. 623- 637.
4. GONÇALVES, M. da G. M. Psicologia, subjetividade e políti cas públicas. São Paul o: Cortez, 2010 .
(Coleção construi ndo o comprom isso soci al da psi cologia).
5. GUERRA, A. M. C.; K IND, L.; AF ONSO, L.; PRADO, M. A. M. ( Orgs.) Psi cologi a Social e Direitos
Humanos. Bel o Horizonte: Ed. Artesa, 2a. Ed., 2012.
6. SANTOS, L. N. O c ompromiss o social da psicologia: um estudo sobre o desenvol vime nto de um
projeto crítico. Tese d e Dout orado apres entada ao Programa d e Estudos Pós -Gradu ados em
Educação: Psi cologia da Educação . Pontifíci a Universidad e Católica de São Paul o, 2017.
7. SAWAIA, B. B. ( Org.) As artimanhas da exclusão: análise psicossoci al e ética da desigualdade
social. Petróp olis, RJ: Vozes, 5a. ed ., 2005.
8. SOUZA, J. A ralé brasile ira: quem é e como vive. Belo Hori zonte: Editora UFMG, 2016.
9. UNESCO. Decl aração Universal dos Di reitos Human os, 1948.
Complementar :
1. ANISTIA INTERNAC IONAL. Inf orme 2017/2018. O estad o dos direitos h umanos no mundo. 201 8.
2. COMISSÃO de DIREITO S HUMANOS d o CRP-R J (Org.). D ireitos humanos? O que temos a ver
com isso? Rio d e Janeiro: Consel ho Regional de Psicologi a -RJ, 2007.
3. CONSELHO FE DERAL DE PS ICOLOGIA. Resol ução CFP n. 01 /99. Estabel ece n ormas de atuação
para os psi cólogos em relação à qu estão da Ori entação Sexual . Brasíli a, 1999.
4. CONSELHO FEDERAL DE PSICOL OGIA. Resol ução CF P n. 10 /05. Ap rova o C ódigo de Ética
Profissional do Psicól ogo. Brasília, 2005.
5. CONSELHO FE DERAL DE PS ICOLOG IA. Res olução CFP n. 01 /18. Estab elece normas de atuação
para as psicól ogas e os psicól ogos em relação às pessoas t ransexuais e trav estis. Brasíl ia, 2018.
6. CONSELHO REGIONA L DE PSICOLOGIA DA B AHIA. Psicologia, sexual idades e identida des de
gênero: guia de referên cias técnicas e te óricas. Salvador: CRP- 03, 2018.
7. CONSELHO R EGIONAL DE PS ICOLOGIA DE SÃO PAULO. Psic ologia, vi olência e direitos h umanos.
São Paulo: CRP- SP, 2011.
8. COSTA, F ernando Braga da. Homens invisív eis: rel atos de u ma h umil hação social. São P aulo:
Globo, 2004.
9. CRUZ, A. V. H.; MINCHONI, T.; MATSUMOTO, A. E.; ANDRAD E, S. S. Di reitos Human os e
Milit arização da Questão Social . Psicologia: Ciência e Profissão , 2017 v. 37 (núm. esp.), 239 -
252.
10. FURLAN, V. Psicologi a e a Polí tica de Direitos: percursos de uma relação. Psicologia: Ciência e
Profissão, 2017 v . 37 (núm. esp.), 91 -102.
11. GESSER, M . Polí ticas públi cas e di reitos h umanos: desafi os à atuação do Psi cólogo. Psicol. cienc.
prof., Brasíl ia, v. 33, n . especial, p. 66 -77, 2013.
12. GONCALVES F ILHO, José Moura. Humi lhação so cial - um problema político em psicologi a. Psicol.
USP [online]. 1998, v ol.9, n.2, p.11-67 .
13. MACEDO, J oão Pau lo; DIMENSTEIN, Magda. P sicologi a e a produção do cuidado no camp o do
bem estar social . Psicologia & S ociedade, v . 21, n. 3, p. 293- 300, 2009.
14. RUIZ, J. L. de S. Direitos huma nos e concepções c ontemporâneas. São Paulo: Cortez, 2014 .
15. SANTOS, B. de S.; CHAUÍ, M. Direitos humanos, democracia e desenvolvimento . São Paul o:
CORTEZ, 2013.
16. SAWAIA, B. B. Psi cologi a e desigu aldade soci al: uma reflexão sobr e liberdad e e t ransformaç ão
social. Psicologia & Sociedade . v. 21, n. 3, p . 364- 372, 2009.
REGISTROS DE APROVAÇÃO
Aprovado em reunião do Colegiado Conselho de Centro
Local: Data:
Data:
__________________________________ __________________________________
Coordenação do Colegiado do Curso Docente