Prova - Paramentação Cirúrgica
2 pág.

Prova - Paramentação Cirúrgica


DisciplinaEnsino Clínico V641 materiais2.675 seguidores
Pré-visualização1 página
A
C
ER
V
O
 D
E 
ED
W
A
LL
A
C
E 
A
M
O
R
IM
 
 
A
C
ER
V
O
 D
E 
ED
W
A
LL
A
C
E 
A
M
O
R
IM
 
 
PARAMENTAÇÃO CIRÚRGICA 
OBJETIVO: 
\uf0b7 Consiste no vestiário específico para a realização dos procedimentos cirúrgicos realizados no CC e CCA. 
 
FINALIDADE: 
\uf0b7 Diminuir as chances de exposição a sangue e a outros fluidos corpóreos; 
\uf0b7 Evitar acidentes ocupacionais por risco biológico; 
\uf0b7 Prevenir a dispersão no ar de bactérias proveniente do pescoço, antebraços e das demais áreas expostas à pele. 
 
MATERIAIS: 
\uf0b7 Uniforme privativo; 
\uf0b7 Propé ou sapato cirúrgico; 
\uf0b7 Óculos; 
\uf0b7 Gorro; 
\uf0b7 Máscara; 
\uf0b7 Avental Cirúrgico Estéril ou Capote Cirúrgico Estéril 
\uf0b7 Luva estéril 
 
1) VESTINDO O CAPOTE 
 
TÉCNICA: 
1) Estar vestido com a roupa privativa, gorro, propé, máscara cirúrgica e óculos; 
2) Realizar a técnica de degermação das mãos; 
3) Encaminhar-se para Sala Operatória com os braços flexionados sem tocar em nenhum objeto e/ou pessoa; 
4) Pegar uma compressa estéril e secar as mãos conforme a técnica de degermação das mãos; 
5) Segurar o capote pelas extremidades da gola com ambas as mãos e levante-o do embrulho; 
6) Segure o roupão longe do corpo e permita que ele se desdobre com o interior virado para o usuário sem sacudi-lo; 
7) Colocar mão e braço de melhor destreza, primeiro, deslize-o para dentro do capote até a borda proximal da bainha 
do punho e depois o membro superior seguinte mantendo as mãos ao nível do ombro e longe do corpo; 
8) Solicitar auxílio informando para puxar o roupão sobre os ombros, tocando apenas nas costuras internas do ombro e 
laterais, amarrar os cadarços superiores; 
9) Solicitar auxílio para amarrar o cadarço interno da cintura do roupão tocando apenas na face interna do capote (se 
houver); 
10) Solicitar auxílio para amarrar o cadarço posterior da cintura do capote sem tocar nas mãos do usuário do capote (se 
houver); 
11) Calçar luvas com técnica asséptica dobrando o punho do capote e envolvendo-o pela luva; 
12) Cruzar os braços ou entrelace as mãos para aguardar o procedimento Cirúrgico. 
 
Elaborado por: 
Edwallace Amorim 
Aracaju/Sergipe/Brasil 
 
 
 
A
C
ER
V
O
 D
E 
ED
W
A
LL
A
C
E 
A
M
O
R
IM
 
 
A
C
ER
V
O
 D
E 
ED
W
A
LL
A
C
E 
A
M
O
R
IM
 
 
 
 
2) CALÇANDO A LUVA 
 
TÉCNICA: 
1) Abre o pacote interno estéril, podendo ser tocado pelo instrumentador; 
2) Posicione-as para calçá-las verificando se os lados correspondem corretamente D e E; 
3) Pega-se uma das luvas e veste-se na mãos oposta; 
4) Colocam-se os dedos da mão calçada na dobra do punho e calça-se a outra mão; 
5) Fazendo o ajuste do punho 
 
 
 
 
REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA 
ROTHROCK, Jane C. Alexander. Cuidados de Enfermagem ao Paciente Cirúrgico. Tradução da 13ª Edição, Editora 
Elsevier. Rio de Janeiro, 2007. P. 83 a 86.