Lista de exercícios 3_Parte 1
3 pág.

Lista de exercícios 3_Parte 1


DisciplinaQuimica Analitica Avancada70 materiais558 seguidores
Pré-visualização1 página
1 
Lista de exercícios 3 -Parte 1 
 
Equilíbrio e Volumetria de complexação 
 
1) A prata forma um complexo estável 1:1 com tri-etileno-tetraamina (trien). Calcular a 
concentração de Ag+ no equilíbrio quando 25 mL de AgNO3 0,01 mol/L é adicionado a 
50 mL de trien 0,015 mol/L. Dado: Kf = 5 x 107. ([Ag+]=1,0x10-8 mol/L) 
2) O íon cálcio forma um complexo fraco 1:1 com o íon nitrato (Kf = 2,0). Qual seria a 
concentração de equilíbrio do Ca(NO3)
+ em uma solução preparada pela mistura de 10 
mL de CaCl2 0,01 mol/L e 10 mL de NaNO3 0,01 mol/L? (5x10
-5 mol/L) 
3) Quais as concentrações de equilíbrio para uma solução de nitrato de zinco 0,010mol L-
1 em amônia 0,050 mol/L em 1L de solução? Considerar a formação de Zn(NH3)
2+, 
Zn(NH3)2
2+, Zn(NH3)3
2+ e Zn(NH3)4
2+. Dados: \uf0621=2,10×102, \uf0622=6,50×104, \uf0623=1,30×107 
e \uf0624=2,10×109. ([Zn2+]=2,29x10-4 mol/L; [Zn(NH3)2+]=4,82x10-4 mol/L; [Zn(NH3)22+ 
]=1,49x10-3 mol/L; [Zn(NH3)3
2+]=2,98x10-3 mol/L;[ Zn(NH3)4
2+]=4,82x10-3 mol/L) 
4) A constante de formação do complexo prata-etilenodiamina (AgNH2CH2CH2NH2)
+ é 
5,0 x 104. Calcule a concentração de Ag+: a) em equilíbrio com uma solução 0,10 mol/L 
do complexo. b) se a concentração de etilenodiamina em solução fosse igual a do 
complexo (0,10 mol/L). ((a) 1,4x10-3 mol/L; (b) 2,0x10-5 mol/L) 
5) Calcule a concentração de Fe3+ livre em uma solução 0,10 mol/L de FeY- em: (a) pH 
4,00 e (b) pH 1,00. ((a) 1,46x10-9 mol/L; (b) 3,20x10-5 mol/L) 
6) Calcular a fração de íons Zn2+ não complexado (livre de ligante) em uma solução 
contendo amônia a 0,010 mol/L. Dados: para os complexos [Zn(NH3)n] 2+ : log Kf1 = 
2,27; log Kf2 = 2,34; log Kf3 = 2,40 e log Kf4 = 2,05 (\u3b1=0,035) 
7) A concentração no equilíbrio de Cu2+ (livre) é 1,50 x 10 -4 mol/L em uma solução 
contendo amônio a 2,5 x 10 -3 mol/L no equilíbrio. Calcular as concentrações. Dados: Kf1 
= 2,04x104; Kf2 = 4,68x10
3; Kf3 = 1,10x10
3 e Kf4 = 199,5 ([Cu(NH3)]
2+= 7,66x10-3 
mol/L; [Cu(NH3)2]
2+=0,089 mol/L; [Cu(NH3)3]
2+=0,246 mol/L; [Cu(NH3)4]
2+=0,123 
mol/L) 
8) Um volume de 50,00 mL de uma solução de íons Mg 0,0500 mol/L é tamponada em 
pH 10 e titulada com uma solução padrão de EDTA 0,100 mol/L. Calcule a constante de 
formação condicional para o complexo Mg-EDTA. Calcule os valores de pMg após a 
 2 
adição de 0,00; 15,00; 25,00; 35,00 mL da solução padrão de EDTA. (K\u2019f=1,72x108 
pMg=1,30; 1,81; 4,86; 7,84) 
9) Um volume de 50,00 mL de uma solução de íons Fe2+ 0,0500 mol/L é tamponada em 
pH 6 e titulada com uma solução padrão de EDTA 0,100 mol/L. Calcule a constante de 
formação condicional para o complexo Fe-EDTA. Calcule os valores de pFe após a 
adição de 0,00; 15,00; 25,00; 35,00 mL da solução padrão de EDTA. (K\u2019f=4,72x109 
pFe=1,30; 1,81; 5,58; 9,28) 
10) As curvas abaixo representam a titulação de 20,0 mL de soluções 0,125 mol L-1 de 
Th4+ com EDTA em três valores de pH (2,0; 6,0 e 10,0). Dado: Kf ThY = 1,6 x 10
23 , 
(a) Associe às curvas (I, II e III) aos respectivos valores de 
pH. Justifique sua resposta. 
b) Indique o volume (mL) do ponto de equivalência (PE) e 
calcule a concentração (mol/L) analítica de EDTA usado 
nas titulações. (0,1 mol/L) 
c) Calcule a concentração (mol/L) de Th4+ no PE em 
pH=10 (\uf0614=0,35). (9,96x10-13 mol/L) 
11) Considere a titulação de 50,0 mL de uma solução de Zn2+ 1,00 × 10\u20133 mol L-1 com 
uma solução de EDTA 1,00×10\u20133 mol l-1, em pH 10,0, na presença de NH3 0,10 mol L
-1 
O ponto de equivalência é em 50,0 mL. Calcule o valor de pZn após a adição de 20,0; 
50,0 e 60,0 mL de EDTA. (8,11; 12,01; 15,28) 
12) O Ni2+ pode ser analisado pela titulação de retorno usando uma solução padrão de 
Zn2+ em pH 5,5 com o indicador laranja de xilenol. Uma solução contendo 25,0 mL de 
uma solução contendo Ni2+ é tratada com 25,0 mL de uma solução de EDTA 0,05283 
mol/L. A titulação com uma solução 0,02299 mol/L de Zn2+ requereu 17,61 mL para 
atingir o ponto final (coloração vermelha). Qual a concentração de Ni2+ na solução 
desconhecida. (0,0366 mol/L) 
13) Quantos mililitros de uma solução de EDTA 0,050 0 mol/L são necessários para reagir 
com 50,0 mL de uma solução de Ca2+ 0,010 mol/L? E com 50,0 mL de uma solução de 
Al3+ 0,010 mol/L? (10,00 mL; 10 mL,00 mL) 
14) Um volume de solução de 50,0 mL contendo os íons Ni2+ e Zn2+ foi tratado com 25,0 
mL de uma solução de EDTA 0,0452 mol/L, para complexar todo o metal presente. O 
excesso de EDTA que não reagiu consumiu 12,4 mL de uma solução de Mg2+ 0,0123 
 3 
mol/L para a reação completa. Um excesso do reagente 2,3-dimercapto-1-propanol foi 
então adicionado para remover o EDTA do zinco. Outros 29,2 mL da solução de Mg2+ 
foram necessários para reagir com o EDTA liberado. Calcule a molaridade do Ni2+ e do 
Zn2+ presentes na solução original. ([Ni2+]= 0,01245 mol/L); [Zn2+]=0,00718 mol/L) 
15) O Zn em 0,7162 g de talco para os pés foi titulado com 21,27 mL de EDTA 0,01645 
mol/L. Calcule a porcentagem de Zn2+ presente nessa amostra. (3,19% m/m) 
16) Uma amostra de urina coletada por 24 horas foi diluída a 2,000 L. Após a solução ter 
sido tamponada a pH 10, uma alíquota de 10,00 mL foi titulada com 27,32 mL de EDTA 
0,003960 mol/L. O cálcio em uma segunda alíquota de 10,00 mL foi isolado como 
CaC2O4(s), redissolvido em ácido e titulado com 12,21 mL da solução de EDTA. 
Presumindo que as quantidades normais se situam entre 15 e 300 mg de magnésio e 50 e 
400 mg de cálcio por dia, essa amostra cai dentro dessa faixa? (386,4 mg de Ca2+ e 287,5 
mg de Mg2+) 
17) A calamina, que é utilizada para aliviar as irritações na pele, é uma mistura de óxidos 
de zinco e de ferro. Uma amostra de massa igual a 1,022 g de calamina seca foi dissolvida 
em ácido e diluída a 250,0 mL. Adicionou-se fluoreto de potássio a uma alíquota de 10,00 
mL da solução diluída para mascarar o ferro; após o ajuste adequado do pH, o Zn2+ 
consumiu 38,71 mL de EDTA 0,01294 mol/L. Uma segunda alíquota 50,00 ml foi 
adequadamente tamponada e titulada com 2,40 mL de solução de ZnY2- 0,002727 mol/L: 
\ud835\udc39\ud835\udc523+ + \ud835\udc4d\ud835\udc5b\ud835\udc4c2\u2212 \u2192 \ud835\udc39\ud835\udc52\ud835\udc4c\u2212 + \ud835\udc4d\ud835\udc5b2+ 
Calcule as porcentagens de ZnO e Fe2O3 na amostra. (99,73% m/m de ZnO e 0,25% 
m/m de Fe2O3) 
 
18) Uma amostra de massa de 1,509 g de uma liga Pb/Cd foi dissolvida em ácido e diluída 
a exatamente 250,0 mL em um balão volumétrico. Uma alíquota de 50,00 mL da solução 
diluída foi levada a pH 10,0 com um tampão NH4
+/NH3; a subsequente titulação envolveu 
os dois cátions e requereu 28,89 mL de EDTA 0,06950 mol L-1. Uma segunda alíquota 
de 50,00 mL foi levada a pH 10,0 com um tampão HCN/NaCN, o qual também serviu 
para mascarar o Cd2+; foram necessários 11,56 mL de solução de EDTA para titular o 
Pb2+. Calcule as porcentagens de Pb e Cd na amostra. (55,16% m/m Pb; 44,86% m/m Cd)