A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
EaD AP2 - Sociedade e contemporâneidade

Pré-visualização | Página 1 de 2

QUESTÃO 01-Tendo como base a entrevista do professor Sérgio Abranches, “A Crise da Democracia
Representativa”, da Atividade Prática 3, é correto afirmar que:
I) há uma crise de representatividade da democracia na contemporaneidade, pois a digitalização da
sociedade e a globalização mudar a forma de fazer política.
II) a mudança na sociedade, na economia tem sido muito mais rápida do que a mudança política.
III) há faixas de pessoas que não se sentem representadas nas democracias contemporâneas.
IV) os partidos neste processo se tornaram cada vez mais democráticos e abertos aos novos atores.
Com base nas afirmações anteriores, assinale a alternativa correta.
QUESTÃO 02-Tendo como base a entrevista do professor Sérgio Abranches, “A Crise da Democracia
Representativa”, da Atividade Prática 3, é correto afirmar que as consequências desta crise da
democracia e deste descolamento entre representantes e representados são:
I) uma alienação que leva as pessoas a não se interessarem mais por política, pelas coisas públicas.
II) uma radicalização, um engajamento radical de extrema direita que pode descambar em fanatismos.
III) um engajamento dentro do jogo democrático, de participação em movimentos, de ir para rua e
manifestações para mudança da sociedade.
IV) o fim do patrimonialismo, do corporativismo e do populismo.
Com base nas afirmações anteriores, assinale a alternativa correta.
QUESTÃO 03- A liderança social e o poder político ao longo da história, sempre estiveram associados
às formas de organização social e ao nível de distribuição do direito de participação da sociedade nas
decisões coletivas que lhe dizem respeito.
Desta forma, é correto afirmar que os sistemas democráticos e autoritários podem ser classificados da
seguinte forma:
I) se o poder se encontra mais concentrado nas mãos de um indivíduo, de grupos oligárquicos, ou do
Estado do que distribuído na sociedade, o sistema político pode ser considerado autoritário, ou,
autocrático.
II) se o poder é mais distribuído para um grande número ou para a maioria dos membros dessa
sociedade, seu sistema político é considerado democrático.
III) se o poder é mais concentrado nas mãos de um indivíduo, de grupos oligárquicos, ou do Estado do
que distribuído na sociedade, o sistema político pode ser considerado democráticos.
IV) se o poder é mais distribuído para um grande número ou para a maioria dos membros dessa
sociedade, seu sistema político é considerado autocrático.
Com base nas afirmações anteriores, assinale a alternativa correta.
QUESTÃO 04- Quando falamos no Estado Democrático de Direito, estamos falando do encontro entre
três processos políticos que ocorreram, grosso modo, ao longo de quatro séculos, na Europa e nos EUA
entre os séculos XVII, XVIII, XIX e XX. São eles:
QUESTÃO 05- Quando falamos em regime democrático, grosso modo, estamos falando da maneira
pela qual o poder é distribuído entre o Estado e a Sociedade.
Neste sentido é correto afirmar que:
I) quanto mais ele se concentra no polo do Estado mais autoritário, mais despótico ele é, quanto mais
ele se concentra no polo da sociedade, mais democrático ele tende a ser.
II) os gregos, como vimos, foram os primeiros a impulsionarem o pêndulo do poder para a “demos”,
para a sociedade, para o povo. Depois, esse regime foi aperfeiçoado pelos ingleses, franceses,
americanos e demais países no mundo que tentam até hoje aperfeiçoar instituições e a cultura política
para que moderem o poder.
III) por essa razão, alguns estudiosos da democracia dizem que quase todas as nações democráticas do
mundo são pobres e as pobres são democráticas, ao passo que as nações ricas quase todas são
autoritárias e as autoritárias são ricas. Há uma forte correlação entre pobreza e democracia, riqueza e
autoritarismo.
IV) nesse sentido, a democracia precisa de cidadãos autônomos, independentes, de uma sociedade
econômica e educacionalmente potente para poder se contrapor ao poder do Estado.
Com base nas afirmações anteriores, assinale a alternativa correta.
QUESTÃO 06- O cientista político italiano Norberto Bobbio (1995) vai afirmar que o que separa a esquerda
da direita é a ideia da igualdade; para ele, as pessoas são ao mesmo tempo iguais e diferentes.
Neste sentido é correto afirmar que :
I) são iguais porque todos precisam viver, se alimentar, se vestir, mas ao mesmo tempo são diferentes, pois
vivem de modo diferente, alimentam-se diferentemente e vestem-se também diferentemente uns dos outros.
Assim, ser de direita, segundo o autor, é achar que nós somos muito mais diferentes do que iguais, o acento é
naquilo que nos separa.
II) a esquerda "acha" que nós somos muito mais iguais do que diferentes, o acento é naquilo que nos
aproxima e não naquilo que nos afasta. As duas forças políticas são bem-vindas na sociedade democrática,
pois novamente equilibram o “jogo de poder”.
III) o conflito é importante na democracia, o problema são os extremos, tanto a extrema esquerda, quanto a
extrema direita, ambos são negadores da democracia e não comungam de consensos básicos necessários para
ela existir.
IV) na história da humanidade, o Stalinismo e o Nazismo foram exemplos claros desses extremos, o primeiro
à esquerda e o segundo à direita, os dois negadores da condição humana, dos indivíduos, dos direitos
humanos e das liberdades.
Com base nas afirmações anteriores, assinale a alternativa correta.
Questão 07- Os governos do PT seguiram o “padrão Varguista”, uma coalizão de governo que fez aliança
tanto com os setores mais populares, bem como com os setores das elites empresarias financiadoras das
campanhas eleitorais, em uma espécie de “capitalismo de compadrio”.
Neste sentido é correto afirmar que:
I) segundo o Ministério da Fazenda, de 2003 a 2016, os subsídios embutidos em operações de
crédito e financeiras somaram quase um 1 trilhão de reais, 420 bilhões foram para o setor produtivo. O
valor superou os 372 bilhões que o governo destinou aos programas sociais, acentuando-se mais no
Governo Dilma a partir de 2011 e Governo Temer.
II) estes gastos foram danosos para a economia do país, pois passaram sem controle de metas
fiscais. Nossa dívida bruta saltou de 52% para 73% do PIB em 2017, impondo uma crise econômica ao
Estado brasileiro, como nunca havíamos visto, com atraso de salário do funcionalismo público e
sucateamento dos serviços públicos.
III) o PT foi um partido que somente beneficiou os pobres, este fato pode ser comprovado pela
ampla votação que o partido tem recebido do nordeste do país, uma região mais pobre, em detrimento dos
votos recebidos no sul e no sudeste, regiões mais ricas do território nacional.
Com base nas afirmações anteriores, assinale a alternativa correta.
Questão 08- As organizações criadas pela sociedade ao longo da era moderna tornaram-se ineficientes,
lentas, grandes e excessivamente burocráticas. A falência financeira e a corrupção são os sintomas mais
visíveis de muitas delas.
Neste sentido Manuel Castells chama atenção para o fato de que:
I) o descrédito da população nos políticos não está nas primeiras páginas dos jornais na maior
parte dos países do mundo.
II) as instituições encarregadas da tomada de decisões coletivas criadas pela sociedade
moderna, tais como partidos, parlamentos, governos, tribunais e demais órgãos estatais sofrem crises
causadas pela ineficiência, que leva à falta de legitimidade e credibilidade perante a sociedade.
III) a crise das instituições políticas encarregadas de processar as decisões coletivas na
sociedade atual, não é a causa ou mesmo o efeito dos deslocamentos de poder provocados pelo impacto
das novas tecnologias e das transformações por elas geradas.
Com base nas afirmações anteriores, assinale a alternativa correta.
Questão 09- Como argumenta o sociólogo Manuel Castells (2015), a “política de escândalos”
protagonizado e potencializado pela mídia, com a

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.